Últimas

Quarta-Feira, 14 de Maio de 2008, 23h:58 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:20

LEGISLATIVO

Acuado, Lutero alega não possuir documentos

   Cobrado pelo Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral (MCCE), o presidente da Câmara Municipal de Cuiabá, vereador Lutero Ponce (PMDB), alega que os documentos sobre a auditoria das contas da Casa referentes aos exercícios de 2005 e 2006 não encontram mais sobre seu poder. Pediu ao coordenador do MCCE, Antônio Cavalcante Filho, o Ceará, que procure as notas fiscais que embasaram a auditoria junto à Delegacia Fazendária e ao Tribunal de Contas do Estado (TCE).

   O pedido de mandado de segurança impetrado pelo MCCE já foi deferido pelo juiz Alberto Ferreira de Souza. Apesar disso, até agora Lutero não foi notificado acerca do assunto. Uma das razões pode ter sido a greve dos oficiais de Justiça. Após ser intimado oficialmente, Lutero terá 10 dias para entregar a documentação. Ceará avalia que até na próxima quinta (15) o presidente já tenha sido notificado.

   O advogado do MCCE, Bruno Boaventura, adianta que caso o presidente negue o repasse das informações solicitadas irá ingressar com as três medidas cabíveis. "Vamos encaminhar uma representação ao Ministério Público, fazer uma reclamação junto ao Tribunal de Justiça e ingressar com uma petição junto ao próprio juiz da causa", explica Boaventura. Ele diz ainda que Lutero não terá outra alternativa a não ser entregar esses documentos, já que mesmo que recorra da decisão, ela não será suspensa. O presidente da Câmara hoje foi primeiro-secretário da Mesa Diretora anterior, quando o legislativo estava sob Chica Nunes. Ambos são acusados de atos de improbidade administrativa.

   Por sua vez, Lutero ataca o coordenador do movimento e diz que Ceará está fazendo politicagem. "Não vou fazer politicagem na Câmara e também não aceito nenhuma politicagem de Ceará e nem de ninguém", reage Lutero. (Pollyana Araújo)

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • lucas moreira | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0



    Lutero. vaaaaaaaaaaaazaaaaaa.Vc ja deveria ter sido cassado por seus pares por quebra de decoro..Mas estamos em Cuiabá onde a Câmara só torra o dinheiro dos cuiabanos., Essa Cãmara dá nojo! Ningém mereçe! LUTERO mostre um poquinho de dignidade e se afaste da Presidência da Câmara.

  • Rafael Damian | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Para esse vereador, tudo é politicagem, se alguém der Oi pra ele, é politicagem.

    E será reeleito, nós cuiabanos votares nele, no Rabello, e nos demais demagogos de plantão, e, ano que vem, tudo será igual...

    É isso que me dá mais tristeza...

  • Gilmar | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Em outro mandado de seguraça do processo numero 676/2007 da segunda vara da fazenda pública que requer também as notas fiscais de 2007 que estão na Camara Municipal o Presidente Lutero se naga a entregar e mente ao afirmar que as mesmas estão na Delegacia Fazendária. A justçã precisa tomar providências. Não vai ser surpresa se ele conseguir junto ao Tce sua inocencia para poder ser elegivel . O moço tambem tem ifluencia,Juiz Agamenon nele.

  • MARCOS | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    - PIOR QUE É SEMPRE ASSIM, ASSUMEM UMA VAGA PUBLICA E EMPURRAM COM A BARRIGA CRIADA NESSE PERIODO, NÃO SE VÊ NENHUM DELES SEM ELAS..........

Reconhecimento de um governo ruim

pedro taques 400   Pedro Taques (foto) recorreu a uma observação feita pela mãe, professora Eda Taques, de que fora melhor senador do que governador. No horário eleitoral, o candidato ao Senado, agora pelo SD, menciona a frase da mãe para, em seguida, dizer que reconhece que sua atuação em...

Apoiado por deputados bolsonaristas

jose medeiros 400 curtinha   Um dos vice-líderes do Governo Bolsonaro na Câmara, o deputado José Medeiros (foto), do Podemos, vem recebendo apoio na disputa ao Senado de vários parlamentares bolsonaristas. O chamado núcleo duro do presidente no Congresso Nacional está com Medeiros, entre eles os deputados...

Justiça barra ficha suja em Poconé

clovis martins 400   A Justiça Eleitoral barrou em Poconé o ex-prefeito Clovis Damião Martins (foto), considerado ficha suja. Está inelegível por oito anos. Filiado ao PTB, ele foi condenado pelo TCU por irregularidade insanável que configura ato doloso de improbidade administrativa. Enquanto...

3 estão fazendo pesquisa em Cuiabá

Três institutos de pesquisa entraram em campo na capital nesta semana para levantar as intenções de voto para prefeito. São eles: Malujoa Comunicações, que geralmente divulga os resultados no site Olhar Direto; a Voice Pesquisas e Comunicação, do site Midianews; e Real Time Big Data. A Voice poderá tornar públicos os números apurados da pesquisa a partir de segunda (26), enquanto os outros dois estão autorizados...

Marino enaltece Leitão para o Senado

marino franz 400 curtinha   O empresário e ex-prefeito de Lucas do Rio Verde, Marino Franz (foto), anunciou apoio a Nilson Leitão (PSDB) para o Senado. Disse que conhece o candidato tucano de longa data, desde quando este foi prefeito de Sinop e assegura que Leitão é preparado, representa muito bem a região e o...

Magali de fora em General Carneiro

magali vilela 400   A ex-prefeita de General Carneiro, Magali Vilela (foto), que se lançou novamente à disputa ao Executivo, foi barrada pela Justiça. Teve o registro indeferido, já que está inelegível por ter sido condenada à suspensão de seus direitos políticos em...

MAIS LIDAS