Últimas

Quarta-Feira, 16 de Maio de 2007, 10h:20 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

SEGURANÇA PÚBLICA

Adaildon cai; Campos Filho assume a PM

  Depois de uma longa reunião nesta quarta pela manhã com o secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública, Carlos Brito, o governador Blairo Maggi decidiu que o novo comandante-geral será o coronel Antonio Benedito de Campos Filho. Ele já vinha respondendo como adjunto. Agora, vai substituir o também coronel Adaildon Evaristo de Moraes Costa, que desde janeiro vinha conduzindo um efetivo de seis mil militares no Estado.

    Maggi optou por trocar a cúpula da PM após receber, nesta terça, um dossiê-bomba confidencial das mãos do deputado Walter Rabello. O relatório traz uma série de denúncias e acusa Adaildon até de envolvimento em crimes.

  Tropeço

   Adaildon assumiu o comando-geral prometendo uma verdadeira revolução. Numa só canetada, exonerou oito coronéis dos comandos regionais, além do comandante-geral-adjunto Adarildo Irineu de Moraes Costa e do corregedor-geral Luiz Cláudio Monteiro da Silva. Todos foram exonerados ou remanejados dos cargos de confiança. Campos Filho, que agora assumirá o comando-geral, havia saído do comando regional de Barra do Garças.

   Adaildon transferiu também Gilson Farid da Cunha do comando regional de Cuiabá; Antônio Roberto Monteiro de Moraes, de Sinop; Raimundo Francisco de Souza, de Várzea Grande; e o tenente-coronel Wilquerson Felizardo Sandes, que saiu do cargo de adjunto do comando regional de Rondonópolis. Na ocasião, Adaildon também exonerou o tenente-coronel Elierson Metello de Siqueira  da direção do Centro de Capacitação, Desenvolvimento e Pesquisa.

 

A equipe que estava sob
comando do coronel Adaildon

Campos Filho comandante-geral-adjunto
Antônio Roberto Monteiro de Moraes comando regional de Cuiabá
Sidney Figueiredo de Souza comando regional de Várzea Grande
Luiz Cláudio Monteiro da Silva comando regional de Barra do Garças
Gilson Farid da Cunha Barros comando regional de Juína
Raimundo Francisco           de Souza diretor do Centro de Capacitação, Desenvolvimento e Pesquisa
Elierson Metello de Siqueira comando regional de Sinop
Wilquerson Felizardo Sandes comando regional de Rondonópolis
Dénezio Pio da Silva corregedor-geral da PM
Raimundo Francisco de Souza diretor do Centro de Capacitação, Desenvolvimento e Pesquisa

Postar um novo comentário

Comentários (18)

  • carlos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    será que só trocando o comandante da Pm vai resolver a situação? não seria hora de aproveitar e demitir o competente Secretário também?

  • Anônimo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    trca tudo logo ate o secretario.

  • Helio Silva | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Espero que o Campos Filho repare a ijustiça que fizeram com os Corenis Francisco Sousa e, Antonio Roberto Morais.

  • Anônimo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    ESTÁ MAIS QUE NA HORA DE HOMENS COMPETENTES, COM TRABALHO APRESENTADO, COM UMA CONDUTA VOLTADA PARA A COORPORAÇÃO ASSUMIR A SEJUSP, GOVERNADOR USE A COMPETENCIA E NÃO A POLÍTICA...CHAME O DELEGADO DA VEICULOS POR EXEMPLO OU PESSOAS EXPERIENTES!!!

  • Anônimo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    AQUELE DELEGADO QUE ERA DA HOMICIDIOS É UM BOM NOME

  • Ricardo Cavalcante Silva | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Até que enfim o governador começou a despertar do profundo sono e do erro em ter escolhido essa cúpula da segurança pública.
    só falta agora, o senhor carlos brito tirar o seu time de campo e dar lugar para uma pessoa mais competente, pois o mesmo não possui a mínima condições de ocupar tamanha pasta.
    o coronel campos filho trabalhou na gestão do Dr. Benedito Corbelino e desempenhou com destaque a sua função a época. seria mais interessante também voltar o xerife Corbelino para dar um basta na bandidagem.
    a hora é agora governador, acorda!!!!!

  • Eric costa | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É verdade, com o CORBELINO ex-secretario e Procurador de Justiça, com certeza essa bandidagem transvestidos de PM não teria tanta moleza assim. ele mesmo colocaria esse time na cadeia, pois conhece da área criminal. Mudança já governador, a cidade merece ter um secretario durão, que não dê moleza pra bandidagem.
    estou de acordo com o cometário do ricardo acima. faça o convite ao Dr. corbelino, pois com essa dupla e mais o coronel salles e oliveira na PM e garcia, pieroni, a segurança vai deslanchar.

  • BRUNO GALINDO PLACHESKI | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vai ser bom pois vao ter de reparar sobre varios coroneis q atuavam em cuiaba e Adailton remanejou para bem longe como foi um dos casos do respeitado e competente Coronel Gilson Farid do P2 Operações Especiais....AIAIAIAAI SEGURA ESSAAAAA AGORAAAAA

  • jorge maciel | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Conheço o cel. Adaildon como policial há anos. Reputo-lhe seriedade e comprometimento com o dever de servir como policial. Errou ao não tomar providências contra excessos no Araguaia por parte de PMs que lhe seram comandados. No mais, o seu desgaste foram muito mais produto de bravatas do sr. Walter Rabello e mais de uma leva de "jornalistas" que muito pouco sabem sobre segurança e que só pensam em tirar o vil dividendo do "enquanto pior melhor".
    Lamentável.

  • Francisco Sanches | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Lamentável, é a permanência do secretário brito, pois ele é quem deveria sair, pois não adotou nenhuma providência sobre o caso, ficando inerte, para não prejudcar o seu apadrinhado Adaildon.
    O governador ao que tudo indica, não é muito chegado aos problemas da área de segurança, isto porque indicou para a pasta uma pessoa extremamente ligada a questão política, desconhecendo totalmente a pasta, o que veio a tona agora com essa bombástica denúncia.
    ali é lugar para ser ocupado por pessoa extremamente conhecedora da area criminal. tem que voltar MARCOS MACHADO OU CORBELINO, membros do MP e combativo. GOVERNADOR, ESTÁ NA HORA DE FAZER MUDANÇA E DAR CREDIBILIDADE A POPULAÇÃO QUE TE ESCOLHEU NOVAMENTE....
    BRITO NÃO TRANSMITE SEGURANÇA PRA NINGUÉM....

Máquinas para reciclar garrafas pets

maquina 400 curtinha   Sob iniciativa da secretaria de Inovação e Comunicação da Capital, dentro dos projetos que buscam a sustentabilidade, a prefeitura vai colocar máquinas de reciclagem de garrafas pets em 15 pontos da cidade e com possibilidade de ampliar os locais de recolhimento. Em troca, o cidadão...

4 fora da reeleição em Rondonópolis

jailton 400 vereador curtinha   Em Rondonópolis, quatro dos 21 vereadores não devem ir à reeleição, sendo eles Thiago Muniz (DEM), Rodrigo da Zaeli (PSDB), Hélio Pichioni (PSD) e Jailton do Pesque e Pague (foto), do PSDB. Thiago e Rodrigo têm esperanças de concorrer a...

Prefeito apoia vice à briga em Cáceres

eliene liberato 400 curtinha   Francis Maris vai mesmo declarar apoio oficial à pré-candidatura da empresária Eliene Liberato à sucessão em Cáceres. Em público, o prefeito faz mistério para não contrariar outros pretensos candidatos do grupo e que têm esperanças de receber...

Preparando um dos aliados a federal

mauro carvalho 400 curtinha   Embora não comente publicamente, o governador Mauro Mendes está "costurando" acordos políticos com líderes mais próximos, visando não só o pleito de 2020, mas também às eleições gerais de 2022. Em época de busca de projetos e de...

Salvando 1º ano de mandato no cargo

selma arruda 400 curtinha   Embora "sangrando" e com a imagem arranhada, a juíza aposentada e senadora cassada pelo TRE-MT Selma Arruda, que trocou o PSL pelo Podemos, consegue concluir este primeiro de oito anos de mandato. E vai se licenciar nos próximos dias para ceder espaço aquele que financiou a sua campanha,...

Barbudo é menos empreguista de MT

nelson barbudo 400 curtinha   Dos oito deputados federais de MT, o estreante Nelson Barbudo (foto) é o menos "empreguista". Nestes 10 primeiros meses de mandato, ele nomeou no gabinete em Brasília e no escritório político em Cuiabá apenas 15 assessores. Cada gabinete pode ter até 25 secretários...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Como você avalia a decisão do Supremo de suspender prisão imediata após julgamento em segunda instância?

Concordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.