Últimas

Sexta-Feira, 21 de Setembro de 2007, 10h:19 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:16

BARRA DO GARÇAS

Adalto lança candidatura e "detona" ex-prefeito

Pré-candidato a prefeito vai aproveitar convenção do PMDB neste domingo,  para denunciar negociata de Wanderlei Farias sobre Emasa  

    O PMDB de Barra do Garças realiza convenção neste domingo (23). O ato marcará o lançamento da pré-candidatura a prefeito do empresário e deputado estadual Adalto de Freitas Filho, o Daltinho, que pretende aproveitar o evento para denunciar o ex-prefeito Wanderlei Farias (PR), um de seus prováveis adversários nas urnas do próximo ano. Em 2004, ele disputou e perdeu para o comunista Zózimo Chaparral. Agora, com a experiência na vida pública de legislador, vem com tudo na busca à cadeira no Executivo.

    O "comício" que homologará o nome de Daltinho à sucessão municipal será na sede da Câmara Municipal. A comissão provisória do PMDB está mobilizando não só os 1.288 filiados, mas lideranças da região. “O PMDB é um partido de massa, tem grande prestígio popular e na convenção mostraremos mais uma vez a nossa força”, diz Daltinho. Adianta que, a partir da convenção vai intensificar a pré-campanha num trabalho corpo-a-corpo. Segundo Daltinho, a idéia é aprofundar as discussões acerca dos graves problemas e soluções que a cidade necessita no setor de saúde, e a implementação de uma política que favoreça a criação de emprego.

   O peemedebista dispara críticas ao prefeito Chaparral. Disse que não há nenhum movimento da prefeitura no sentido de construir obras e muito menos a existência de políticas públicas no setor de saúde, educação e incentivo fiscal para atrair novas empresas e indústrias. “Enquanto muitas cidades de Mato Grosso se desenvolvem, Barra do Garças, há mais de dez anos, está estagnada”. Chama a atual gestão de incompetente.

   Daltinho defende a retomada para o município da Empresa Mato-grossense e Saneamento Ltda (Emasa), autarquia que, segundo ele, teria sido vendida por meio de uma negociata tramada pelo ex-prefeito Wanderlei Farias. "Ele (Farias) adquiriu a empresa através de laranjas, ainda no exercício do cargo. Uma negociata espúria e imoral”, denuncia o pré-candidato do PMDB. Segundo ele, o ex-prefeito teria comprado para si próprio uma empresa pública com faturamento líquido de cerca de R$ 300 mil mensal.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Ex-prefeito no páreo em Alta Floresta

robson silva 400 curtinha   Alta Floresta, uma das cidades pólos do Nortão, tem sete candidatos a prefeito. Um deles é Robson Silva (foto), empresário, ex-prefeito entre 93 e 96 e que concorre pelo MDB, mesmo partido do prefeito Asiel Bezerra, que está encerrando o segundo mandato e se tornou um dos principais...

Vice sinopense quer retornar à Câmara

gilson de oliveira 400 curtinha   O vice-prefeito de Sinop e apresentador de TV, Gilson de Oliveira (foto), resolveu concorrer a vereador, cadeira já ocupada por ele por dois mandatos, o primeiro pelo PSDB, entre 2005 e 2008, e, depois, pelo PSD (2009/2012). Foi candidato a deputado estadual duas vezes (2006 e 2010) e, como suplente da...

Vice que morreu na praia em Tangará

renato gouveia 400 curtinha   Assim que percebeu que não seria escolhido pelo prefeito Fabio Junqueira (MDB) como o candidato governista na briga pela Prefeitura de Tangará da Serra, ainda em junho, o vice-prefeito Renato Gouveia (foto), do PV, correu para os braços do tucano Vander Masson. Levou com ele uma chapa de 21...

Câmara chama secretária para vaga

chico 2000 curtinha   Após a destituição de Ralf Leite (MDB) da vaga de Chico 2000 (foto), licenciado, por força de decisão judicial, a Câmara de Cuiabá convocou a primeira suplente Luciana Zamproni (MDB) para assumir mandato temporário no Legislativo, menos de 30 dias. Ela atua como...

PTB perdeu uns, mas ganhou outros

emanuelzinho 400   Em Várzea Grande, enquanto alguns militantes do PTB, puxados pelo secretário jaymista Silvio Fidelis foram para os braços do candidato a prefeito Kalil Baracat (MDB), que tem Hazama (DEM) de vice, militantes de outras legendas decidiram abraçar a candidatura do petebista Emanuelzinho (foto). São...

PT de Cuiabá passivo; ROO, autêntico

kleber amorim 400 curtinha   O PT de Rondonópolis se organizou melhor, mobilizou a militância, se tornando mais autêntico do que o núcleo petista de Cuiabá. Para se ter ideia, o partido, numa posição de coragem e levando preocupação ao prefeito Zé do Pátio, que tinha...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.