Últimas

Sexta-Feira, 17 de Outubro de 2008, 11h:50 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:21

CONJECTURAS

Advogado diz que OAB/MT é incoerente e parcial

Bruno Boaventura, advogado   Em artigo intitulado "A Ordem e a Política", o advogado Bruno Boaventura teceu duras críticas à postura adotada pela OAB/MT durante o processo eleitoral. Para Bruno, existem "interesses politiqueiros momentâneos que interferem no bom andamento da decmocracia". Em um trecho de seu artigo, ele acusa o presidente da Ordem, Francisco Faiad, de tomar posição em detrimento de alguns candidatos, o que é um ato que vai contra o que preceitua a instituição.

   "O que me causa estranheza é quando a OAB/MT institucionalmente assume a defesa de um dos lados de um embate político. Vemos a todo o momento o nosso Presidente fazendo vezes de advogado de algumas coligações partidárias", declara o advogado em seu texto. Ele afirma ainda que existe incoerência na maneira como se posiciona a OAB/MT e justifica que "a Ordem participa na atividade política como fiscalizadora. A sua neutralidade, assim como um juiz, é essencial para que sua cobrança por esclarecimentos a quem direito caiba não se confunda como defesa institucional de um dos lados da história".

   O artigo "A Ordem e a Política" está postado na sessão Artigos, logo acima à esquerda. (Andressa Boa Sorte)

Postar um novo comentário

Comentários (9)

  • Marcos Scaravelli | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O Faiad pediu voto para o Paulo Borges Júnior, e sempre teve ligação com Ussiel Tavares, e dificil acreditar na sua isenção para apurar os fatos.

  • Carlos Augusto de Melo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    No MCCE só sobrou o Ceara a serviço do Faiad, o Vilson Nery optou por Nico, o Faiad por Wilson o Gilmar Brunetto, li um comentario aqui no Rdnews que com o apio de Riva e Pedro Henry á Mauro Mendes vai anular o voto. Valeu Dr. Bruno, um jovem despotando, a OAB se transformou num braço do PSDB.

  • mauricio silveira prates | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Numa eleição em que até a Justiça Eleitoral foi parcial, o Ministério Público foi omisso e a polícia fez corpo mole em relação alguns amigos.
    O advogado Bruno Boaventura merece nosso aplauso. Mesmo pq muitas vezez a defesa da ética custa caro.
    Ainda bem que existem bons advogados como vc. Bruno.

  • Joana Martinelli | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Não era o Faia que seria o vice do Wilson ? Não era o Faid que gostaria de ser o prefeito por 2 anos ?

  • Herculano Publius | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Acredito que Faiad deveria se preocupar em fazer da Justiça de MT algo melhor, e não ficar batendo boca com Delegado da Federal.

  • BIANCA | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    ehehehehehe...............eheehheheheheheheh;.....................OAB.....IMPARCIAL??????????????????????? ONDE??????????????KKKKKKKKKKKKK...SOH PODE SER BRINCADEIRA

  • Eduardo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Concordo com Bruno...

    Porque fui em uma reunião de um vereador no primeiro turno, e o Faiad fez akele discurso pedindo voto para o tucano... Axei um absurdo... depois quer vir ser imparcial naquele no caso do dinheiro dos vereadores pressos...
    A Ordem, esta sem ordem...

  • Advogada indignada | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Causa repulsa ver a OAB agindo desta forma, institucionalizando as brigas politiqueiras, tomando partido expressa e declaradamente, fazendo palco para derrotados e julgando sem conhecer os fatos ou os processos.

    Essa falta de imparcialidade deve ensejar o imediato afastamento coercitivo deste presidente, avesso aos princípios da Ordem.

    Parabéns ao advogado Bruno Boaventura! Precisamos que a OAB não seja como a imprensa marron, que somente veicula notícias e comentários que favoreçam os interesses de seus padrinhos. Triste.

  • Marisa Torres | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Esse mocinho deve estar esperando cargo na Prefeitura de Cuiabá, caso Mauro Mendes ganhe....
    É tipico daqueles que estão com promessas de Mauro Mendes..
    Coitaduuuu

Mais jovem prefeito sucede familiares

Rog�rio Meira_400 jangada   O mais jovem entre os prefeitos eleitos e/ou reeleitos de MT, Rogério Meira (foto), tem um histórico de vida pública, mesmo tendo apenas 24 anos. Atualmente, ele exerce mandato de vereador por Jangada e foi eleito prefeito da cidade ao obter 1.699 votos, 9 a mais que o...

Base forte de EP para Mesa Diretora

juca do guaran� curtinha 400   A base do prefeito Emanuel Pinheiro para o segundo mandato, embora com quatro virtuais candidatos à presidência da Mesa Diretora, está construindo o discurso de que não pode rachar sob o risco de entregar o comando do Legislativo para a oposição....

Deputado ajudou a enterrar Binotti

neri 400 curtinha   O deputado federal Neri Geller (foto), que se acha um grande líder político, ajudou a enterrar nas urnas o projeto de reeleição do prefeito Luiz Binotti (PSD), derrotado à reeleição. Perdeu para o ex-vice-prefeito Miguel Vaz (Cidadania), que contou com apoio do ex-prefeito e atual...

Euclides "torra" R$ 8 mi na campanha

euclides ribeiro 400 curtinha   O advogado milionário Euclides Ribeiro (foto), que tem na carteira de clientes grandes produtores rurais, registra R$ 8,2 milhões de receitas e despesas de campanha ao Senado. Concorrendo pelo Avante, Euclides só chegou a 58.455 votos. Ficou em nono lugar, à frente apenas de Reinaldo...

Fávaro é quem mais gastou ao Senado

carlos favaro 400 curtinha   O senador reeleito Carlos Fávaro (foto) foi o que mais gastou na campanha. Oficialmente, arrecadou R$ 11,7 milhões. As maiores contribuições financeiras vieram de empresários do agronegócio. Orcival Guimarães, dono de rede de empresas de implementos agrícolas, doou...

Beto deve repensar projeto a federal

beto farias 400 curtinha   A derrota nas urnas do seu afilhado político, vice-prefeito Wellington Marcos (DEM), que tentou o Executivo de Barra do Garças e ficou em segundo lugar, obtendo somente metade dos votos em relação aos atribuídos ao eleito Adilson Gonçalves, pode levar o prefeito Beto Farias (foto)...