Últimas

Domingo, 22 de Março de 2009, 10h:55 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:22

LEGISLATIVO

AL de MT é a 4ª que mais gasta com verba indenizatória


Levantamento da revista IstoÉ aponta as Assembleias que mais "torram" dinheiro com verba indenizatória

  A IstoÉ desta semana revela que a Assembleia de Mato Grosso é a quarta do país que mais gasta com verba indenizatória aos deputados. Segundo a revista, cada um dos 24 parlamentares mato-grossenses tem direito a R$ 23 mil a título de ressarcimento por mês. Antes o valor estava em R$ 15 mil. Sendo assim, ao longo do ano a AL vai "torrar" R$ 6,6 milhões com a tal indenização. Um deputado cada próximo de R$ 15 mil de subsídio e ainda detém o controle de R$ 30 mil de verba de gabinete e outros provilégios e regalias.

   Para ter direito à verba indenizatória, senadores, deputados federais e estaduais e até vereadores apresentam notas fiscais sobre despesas relacionadas ao custeio de mandato. Nesse caso, entram combustível, impressão de boletins informativos, passagens aéreas, manutenção de escritórios de apoio, telefone e serviços postais. De acordo com levantamento de IstoÉ, em pelo menos dez assembleias o valor pago está acima do limite legal. Algumas assessorias técnicas entendem que, como a Constituição é pouco clara, esta limitação vale apenas para o salário.

   A Assembleia campeã é a Alagoas, onde cada um dos 27 deputados pode gastar, todo mês, R$ 39 mil com "despesas de custeio". Em Santa Catarina são R$ 38 mil. Depois vem Paraná, com R$ 27,5 mil mensais e, Mato Grosso, com R$ 23 mil.

    Veja aqui a reportagem completa

Postar um novo comentário

Comentários (8)

  • carlos souza | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Infelizmente o povo engole tudo que se escreve na mídia!! A verba indenizatória da assembléia de Mato Grosso é de R$15.000,00 reais e não de R$23.000,00 como divulgado na revista istoé. A assembléia deveria exigir da revista provas documentais, caso não apresentem, deveria entrar com uma ação contra arevista e pedir direito de resposta ou a retificação dos números.
    Por essas e outras que a assembléia virou saco de pancadas, pois não é capaz de responder à altura e exigir que se publique a verdade. Quem paga com isso são seus funcionários que são ridicularizados perante toda a sociedade.

  • pedro ananias | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É porisso que o Riva fica mandando e desmandando não só na AL, mas em todo o estado. Uma pouca vergonha. 2010, vamos dar o troco! Fora esses tranbiqueiros!

  • Dicão | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Certamente na segunda-feira alguns deputados subirão a tribuna da assembléia legislativa para justificar que o gasto decorre das distâncias geográficas que existem entre as cidades de Mato Grosso. Até tem certa razão.

    Agora, se estas viagens estão de fato acontecendo elas não estão se traduzindo em trabalho efetivo para a sociedade. Alguns projetos de leis as vezes são copiados de outras assembléias e teve caso que o deputado autor do projeto esqueceu de alterar o estado para qual o projeto valerá se transformado em lei.

    As viagens que os nobres deputados podem estar fazendo deve ser apenas para criar os pilares dos seus projetos políticos para 2010 ou seja não tem serventia nenhuma para a sociedade, muito pelo contrário demonstra total descompromisso com o atual mandato.

    É lamentável. Mais uma vez Mato Grosso está nas páginas de um jornal de circulação nacional. Só para lembrar o indício de superfaturamento do dinheiro do PAC na Prefeitura de Cuiabá saiu recentemente nas páginas desse mesmo jornal.

    Senhores deputados, não precisam tentar desmentir a matéria com discursos. Desmintam com atitude, com trabalho comprovado. A população já não aguenta mais pagar impostos e para que o governo comece a discussão de reduzir a carga tributária, seria relevante que os nobres deputados apresentassem por exemplo um projeto reduzindo o próprio duodécimo, eliminando algumas vantagens, reduzindo o tamanho desse peso para a população que é a estrutura da assembléia legislativa de MT.

    É vergonhoso enquanto pais de família morrem em filas de hospitas, policlinicas a farra com o dinheiro público perpetua Brasil a fora e em MT não é diferente.

  • JEDAE | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    E VIVA O TREM DA ALEGRIA, QUE SOMENTE POUCOS E SELETOS EMBARCAM. QUANTO AO POVO? BOM O POVO SERVE PRÁ PAGAR AS CONTAS DO BONDE DA ALEGRIA!

  • wilton gouveia | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    E de bom anseio a sociedade matogrossense q caia a MASCARAS dos SRS DEPUTADOS ,q mostre a realidade do fanfarão e queimadores do nosso dinheiro.Na TV e na midia pregam a transparencia,a seriedade e idoneidade .Preciso imprensa nacional falar a VERDADE pois ,aqui esta tudo com MEDO dos Srs RIVA (aquela das calcinhas e outras peripecia).

  • silvio arruda | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    HOJE:EU DISSE QUE QUANDO OUVE DESVIO DE VERBA ,NA CONSTRUÇÃO DA CASA DO POVINHO DO CIDADÃOZINHO.nóis sabiamos que seriam uma casa cara para o contribuinte.veja ´só este gasto. é apenas a ponta do ICEBERG;vamos ver até quando isso dura.esta ficando compricado perante a nossa convalecida pacîência.

  • MARCOS | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É GENTE O DINHEIRO LA NA CASA DO POVO NASCE EM ARVORE, E O POVO COMENDO CAPIM. BRINCADEIRA.

  • juao neres | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

Valtenir atrai lideranças para o MDB

valtenir pereira 400   Mesmo sem mandato eletivo, o ex-vereador pela Capital e ex-deputado federal Valtenir Pereira (foto) continua se articulando nos bastidores, agora pelo fortalecimento do seu partido, o MDB. Ele está convencendo algumas lideranças a se filiar na legenda emedebista. Dois líderes são prefeitos...

Chefe do Escritório de ROO em Cuiabá

mario marques 400 curtinha   O prefeito de Rondonópolis, Zé do Pátio, que iniciou neste mês o 3º mandato, mantém como parte da estrutura da administração um cargo de chefe do Escritório de Representação do município na Capital. E Pátio nomeou para esta...

Prefeito cria comitê pra debater modal

emanuel pinheiro 400 curtinha   Mesmo o governador Mauro Mendes já tendo anunciado que vai implantar o BRT na Região Metropolitana, em detrimento do VLT, o prefeito cuiabano Emanuel Pinheiro (foto) criou um comitê de análise técnica para, segundo ele, definir o modal de transporte para a região. Emanuel...

Desembargadores recebem 6 auxílios

maria helena povoas 400   O Tribunal de Justiça de MT, presidido pela desembargadora Maria Helena Póvoas (foto), vai pagar uma série de direitos e vantagens que "engordam" substancialmente o subsídio de seus magistrados e que foram programados pelo ex-presidente Carlos Alberto para liberá-los no orçamento...

Hospital cobra R$ 2,4 mi da prefeitura

luiz carlos pereira 400 tce   O Instituto de Saúde Santa Rosa recorreu ao TCE, na esperança de encontrar respaldo para receber R$ 2,4 milhões da secretaria de Saúde da Capital. Argumenta que a prefeitura, com quem mantém contrato desde 2019, está inadimplente, pois não teria pago integralmente os...

Definido novo presidente do Sanear

hermes avila 400   O prefeito Zé do Pátio nomeou à presidência do Serviço de Saneamento Ambiental de Rondonópolis (Sanear) o engenheiro Hermes Ávila de Castro (foto), que tende a se efetivar no cargo. Hermes ocupa a cadeira que, desde janeiro de 2017, pertencia à Terezinha Silva de Souza,...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT optou pela implantação do BRT em Cuiabá-VG em detrimento do VLT. O que você acha disso?

Estou de acordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.