Últimas

Terça-Feira, 13 de Novembro de 2007, 12h:54 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

VARIEDADES

Alguns garis em Cuiabá trabalham encapuzados

   Algumas pessoas que integram a equipe de limpeza urbana de Cuiabá, contratadas pela prefeitura, têm chamado atenção devido à forma de usar o uniforme, que traz nas costas a logomarca da gestão Wilson Santos. Até aí, tudo normal. O complicado é que alguns desses garis recorrem a utensílios para esconder o rosto, como se tivessem encapuzados. Isso traz insegurança aos comerciantes, às pessoas que circulam nas calçadas e aos moradores de um modo geral. A cena remete de imediato a uma situação de assalto ou algo parecido.

  Nesta terça (13), por exemplo, uma equipe destacada na avenida Isaac Póvoas trabalhava em poder de enxadas e vassouras e quase todos esses trabalhadores estavam com os rostos encobertos.

   Explicações

   Questionado sobre o assunto, o secretário municipal de Infra-Estrutura, Euclides Santos, disse que não tinha conhecimento sobre a forma de trabalhar de alguns garis com rostos encobertos. Pediu um tempo para checar a informação. Dez minutos depois de conversar com o chefe de equipe, Euclides informou que, de fato, alguns estavam trabalhando com rosto tapado, sob alegação de que se sentiam envergonhados e também para se protegerem do sol.

   O secretário assegurou que os jovens foram reprimidos e não mais trabalharão com espécie de capuz. Explica que são 550 jovens que participam do programa Aprender Fazendo, ganham um salário-mínimo mensal e, além dos serviços de limpeza, participam de curso de qualificação.

Postar um novo comentário

Comentários (6)

  • everson souza | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    vcs sabe criticar o meio de trabalhos deles + não sabem saber c o salario deles estao em dias e nem parabenizam pelo q fazem

  • Carla Torres | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Eu gostaria de entender como eh o Projeto Aprender Fazendo, pra jovens, com tantas vagas ociosas e tantos incompetentes em cargos onde os capacitandos deveriam estar e eles sao encaminhados as ruas, pra serem gari, onde ficam com vergonha de assumirem, e nesse projeto, nao tem alguem pra ensinar a eles que qualquer trabalho eh digno, e jah os capacitando e orientado a alcarem voos mais altos?
    O SEGREDO, apliquem esses ensinamentos no curso!!!

  • Andrey Felipe | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Os meninos estão corretos, ficar trabalhando com esse sol escaldante nao da certo, mas linha dura como euclides é com certeza vai tomar as providencias.

    Sugestão para euclides: Compra chapéu de mexicanos para eles.

  • Silvia | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Eu vi, estes jovens vestidos dessa forma, e imaginei que eles estivessem sentindo vergonha mesmo, não associei à assaltantes, mas considero esta questão, pois ninguem nasce com estrela na testa né? Não acho que deveriam sentir-se assim, estão trabalhando, defendendo o pão, são meninos de caráter, porque tem muitos por ai, que com a maior cara lavada cometem delitos e fazem de conta que não é com eles...

  • Marcelo Arruda | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O comportamento desses meninos demonstra muito bem os valores que a sociedade pasa aos seus fihos.

    Vergonha de trabalhar. É um absurdo.

    Deveriam sentir orgulhosos por trabalhar, o que dignifica a pessoa.

    São os valores globais, onde só acham que tem valor quem usa tenis, roupas e óculos de marcas famosas.

  • Curiosa | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Concordo com todos que disseram que esses não deviam se envergonhar,pois trabalhar é muito digno....qualquer que seja o trabalho.....vergonhoso é roubar....e nunca vi nenhum político acusado de corrupção cobrir o rosto.....se fosse assim....haveria um aumento na venda de máscaras.....
    Agora com relação ao sol....isso é grave....deveriam receber filtro solar....

Irmão de Riva está na disputa em Juara

priminho riva 400 curtinha   O irmão do ex-deputado José Riva, Priminho Riva (foto), filiado ao PL, será mesmo candidato a prefeito em Juara, posto já ocupado por ele por duas vezes (1997/2004). Priminho pertence a uma famíliade políticos. Além de Riva, que foi prefeito e deputado, é...

PSB deve ficar fora da aliança de EP

max russi curtinha 400   O PSB, presidido pelo deputado Max Russi (foto), pulou mesmo do barco de Emanuel Pinheiro. Deve formalizar apoio à candidatura de Roberto França ao Alencastro. O PSB não consta na lista oficial de siglas que estão com o prefeito, que busca à reeleição. Os 11 que estão...

Taisir coordena campanha de Eliene

taisir karim 400 curtinha   O ex-reitor da Unemat e uma das lideranças do PSD na região Oeste, Taisir Karim (foto), que chegou a se lançar de última hora como pré-candidato a prefeito de Cáceres, mas logo em seguida recuou, será o coordenador-geral da campanha de Eliene Liberato (PSB), atual...

Inaugurados 67 km de asfalto da 020

mauro mendes 400 curtinha   O governador Mauro Mendes (foto) inaugurou nesta 5ª a pavimentação de 67,5 km da MT-020, entre Paranatinga e Canarana. Essa estrada faz parte do pacote de obras que foi retomado e já concluído nesta gestão. Foram investidos R$ 45 milhões do governo estadual. O...

Saggin critica "ditadura" e apoia Raye

paulo raye 400 curtinha   O empresário e advogado Sandro Saggin, que desistiu da candidatura a prefeito de Barra do Garças e agora apoia Paulo Raye (foto), do Pros, explica que em nenhum momento os diretórios estadual e nacional do Podemos, de cujo partido é filiado, encaminharam qualquer orientação aos...

Pode abandona Raye e pune Saggin

sandro saggin curtinha 400   Sandro Saggin (foto) amargou outra derrota em Barra do Garças. Inicialmente, seria candidato a prefeito pelo Podemos. Mas resolveu, por conta própria, levar o partido para uma coligação com partidos de esquerda que lançaram o ex-prefeito Paulo Raye, apoiado pelo PC do B, PT e Pros. A...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.