Últimas

Terça-Feira, 22 de Maio de 2007, 12h:06 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

EMBATE JURÍDICO

AMAM defende juíza e também emite nota

   Continua a queda-de-braço entre membros do Ministério Público e do Judiciário por conta da troca de acusações entre a juíza da Comarca de Tangará da Serra, Wandinelma Santos, e o promotor Vinícius Gahyva. A magistrada se diz vítima de grampo telefônico que teria sido feito por Gahyva - clique aqui e confira a matéria. Já o promotor nega e ganhou respaldo da Associação Mato-Grossense do Ministério Público (AMMP), que emitiu nota de repúdio contra a juíza.

   Agora é a vez do presidente da Associação Mato-Grossense de Magistrados (AMAM), Antonio Horácio da Silva Neto, também emitir uma nota de repúdio contra as afirmações dos promotores Marcelo Ferreira de Carvalho e Ezequiel Borges de Campos, da AMMP.

Confira na íntegra a nota

      AMAM REPUDIA NOTA DA AMMP

     "A Associação Mato-grossense de Magistrados (AMAM) vem a público expressar sua opinião contrária às declarações proferidas pelos promotores de Justiça Marcelo Ferreira de Carvalho e Ezequiel Borges de Campos, em nota veiculada no periódico RD News, no dia 21 de maio último. 
     Na nota, os subscritores fizeram afirmações desairosas, discriminatórias e difamatórias à pessoa da dra. Vandinelma Santos, as quais serão, a tempo e modo próprios, combatidas na seara judicial competente. 
     Assim sendo, a AMAM repudia veementemente o ataque gratuito e desequilibrado a magistrada ofendida, com citação de fato processual absolutamente irrelevante, decorrente apenas da presunção parcial dos assinantes da nota e sem nenhuma relevância para o caso.
     Do modo que agiram os dignos promotores de Justiça, ao criarem o texto ora repudiado, certamente deixaram de ser fiéis aos fundamentos e princípios republicanos, entre os quais se encontram o respeito a dignidade da pessoa humana e a inviolabilidade da honra e imagem das pessoas."

    Antonio Horácio da Silva Neto
         Presidente da AMAM

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Nezinho, nova derrota e aposentadoria

nezinho 400   Aos 69 anos, o petebista Carlos Roberto da Costa, o Nezinho (foto), considerado da velha guarda política, tentou, mas foi reprovado nas urnas em Nossa Senhora do Livramento. Ele concorreu a prefeito em quatro pleitos. E já exerceu dois mandatos. Nezinho já foi secretário-adjunto de Fazenda do Estado,...

EP cresce 5; Abílio perde 3, diz Ibope

emanuel pinheiro 400 curtinha   Pelos números do Ibope, revelados nesta sexta à noite pela TV Centro América (Globo), Abílio Júnior (Podemos) oscilou negativamente 3 pontos percentuais em menos de uma semana, de 48% para 45% das intenções de voto. Já o emedebista Emanuel Pinheiro (foto)...

Sob arrogância, ataque e desrespeito

abilio junior 400 curtinha   O candidato Abílio Junior (foto), que disputa o segundo turno em Cuiabá com o prefeito Emanuel, chegou bastante nervoso e irritado para o debate nesta sexta, na TV Vila Real (Record). Demonstrando arrogância, ignorou o superintendente do Grupo Gazeta de Comunicação, Dorileo Leal, na...

Candidatos, tensão, debate e bate boca

antoniocarlos   Em debate tenso, na TV Vila Real (do grupo Gazeta) e, após troca de acusações sobre atos de corrupção e servidores fantasmas, os candidatos à Prefeitura de Cuiabá Abílio Júnior (Pode) e Emanuel Pinheiro (MDB) protagonizaram bate boca por mais de uma vez. O clima ficou...

Abílio contrata 400 fiscais para eleição

A campanha do candidato Abílio Júnior (Pode) decidiu contratar 400 fiscais para atuar nesta eleição de domingo. Isso derruba o discurso do candidato do Podemos de que todos atuam de forma voluntária em prol da sua vitória. Aliás, quando questionado sobre a grande estrutura que montou neste segundo turno, inclusive sobre a equipe de marketing, disse que todos são colaboradores. Na sua versão, ninguém recebe pelo trabalho,...

Entrando na briga à AMM muito tarde

maurao curtinha 400   Mauro Rosa, o Maurão (foto), que está encerrando o segundo mandato como prefeito de Água Boa, é o único candidato no duelo com Neurilan Fraga, que busca mais um mandato no comando da AMM, entidade que representa as prefeituras mato-grossenses. O problema é que Maurão entrou...