Últimas

Quinta-Feira, 09 de Abril de 2009, 12h:55 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:22

SAÚDE PÚBLICA

Após 3 mortes, prefeito lança "pacotão" anti-dengue


Cabisbaixo, Wilson Santos lamenta os casos de dengue e, ao lado do secretário de Saúde Luiz Soares, do diretor Daniel Teixeira (OAB) e do coronel Carlos Santos, anuncia até prêmios no combate à doença
Foto: Musmê Pecini

   O prefeito Wilson Santos (PSDB) disse nesta quinta (9), numa referência às três mortes em decorrência de dengue hemorrágica, que Cuiabá vive um momento dramático e doloroso. Ele concedeu entrevista coletiva na sede da OAB-MT, ao lado do seu secretário de Saúde, Luiz Soares, e de representantes do Exército, do Corpo de Bombeiros, de presidentes de bairros e servidores da pasta da Saúde. Santos anunciou um "pacotão" anti-dengue. Dentre as medidas está a realização de uma gincana. "A proposta deu certo em Campo Grande e vamos usá-la aqui  também".

    Santos revela que a cidade será subdividida em setores. Cada equipe fará um verdadeiro mutirão de limpeza, recolhendo garrafas pet e pneus, dentre outros objetos que servem de criadouro do mosquito Aedes Aegypty. A prefeitura vai dar R$ 100 mil em prêmios. "Precisamos nos unir. A  população precisa se conscientizar e nos ajudar. Sozinhos não venceremos essa guerra", destacou o prefeito.

  Segundo dados da secretaria de Saúde já foram registradas 1.199 notificações, sendo 276 casos confirmados. Três das 31 pessoas com dengue hemorrágica morreram. Os bairros mais atingidos são Cidade Alta com 45 casos e com cinco hemorrágicas e, o Pedra 90, com 58 casos. No bairro Goiabeiras houve 34 notificações.  "É inadmissível que as pessoas não deixem os agentes entrarem em suas casas. Tivemos até de entrar na Justiça. O número de casos de dengue hemorrágica nos preocupa", admite Wilson Santos.

   Para o tucano, as eleições municipais em 2008 contribuíram para o surto de dengue na capital porque, devido às regras eleitorais, a prefeitura ficou proibida de fazer campanhas contra a dengue e, na sua avaliação, o povo esqueceu de tomar os cuidados preventivos. Ainda de acordo com o prefeito, no ano passado Várzea Grande foi apontada como uma das 14 cidades de risco do país. "Somos grudados (com Várzea Grande). Os mosquitos voam. Não estávamos na lista, mas também estamos sofrendo. Precisamos fazer um mutirão entre os governos e a sociedade", diz o prefeito. (Patrícia Sanches)

---------------------------------------------------------------
Clique no play
e veja o que diz  Wilson Santos sobre a dengue

Postar um novo comentário

Comentários (13)

  • CARLOS ROBERTO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    E ESTE CIDADÃO AINDA QUER SER GOVENADOR DO ESTADO. PODE !!

  • Pedro | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O que esse Daniel Teixeira ta fazendo ai? Defendendo o WS ou o mosquito da dengue? Depois dizem que a OAB não esta partidarizada. Lá é lugar pra prefeitura dar coletiva? e ainda acompanhada do secretario adjunto da OAB?

  • Artur Rocha de Oliveira | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Pois é, Pedro, concordo contigo. OAB não deveria ser lugar de fazer política partidária. Agora, em relação ao daniel estar aparecendo na foto, aí é fácil explicar. É que os manda chuvas da OAB-MT querem popularizar o rosto da criança pra tentar lançá-lo candidato à presidência da casa, entendeu??? Seria cômico, se não fosse trágico, os poderosos tentando se marmorizar no poder via esses advogados inexpressivos. Mas, fazer o que, né? Essa é a bagunça institucional porque passam a prefeitura de Cuiabá e a OAB-MT. Em Cuiabá não tenho muitas esperanças, já que o povo não sabe escolher. Mas tenho esperanças de que a OAB, com sua classe esclarecida, possa botar pra correr essa corja que aí está. Vou aderir à campanha fora faiad e sua corja.

  • ZÉ LICUBRINO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É lastimável que uma doença do início do século passado ainda faz tantas vítimas. Os nossos governantes só querem arrecadar e gastar mal nosso dinheiro. Gasta mal e o povo sofre. O WS ainda pensa em ser Governador, tem dó. Gestão pública como essa ninguém merece.

  • Marcos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    A cara do prefeito no segundo vídeo é o retrato de sua administração: não há botox que retoque. Só lembrando: cada povo tem o prefeito que merece.

  • Conceição | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    ESTE SECRETÁRIO LUIZ SOARES É UMA PIADA DE EXTREMO MAU GOSTO.
    SUA INCOMPETÊNCIA JÁ CHEGOU AO EXTREMO E PARECE QUE O PREFEITO TORNOU-SE REFÉM DO MESMO, ASSIM COMO A POPULAÇÃO DE CUIABÁ.
    Cuiabá não AGUENTA mais desse cidadão dissimulado, de hábitos e vícios condenáveis, que a sociedade bem conhece.
    É ENGRAÇADO, NÃO SE TEM UM PROFISSIONAL DA ÁREA DE SAÚDE NESSA COLETIVA. ISTO É UMA TRAGÉDIA.
    A população, prefeito, votou no Wilson Santos com a promessa que ia melhorar a saúde do município e essa melhora passa pela mudança desse cabeção perseguidor.
    Luiz Soares não é da área e não entende nada de saúde a não ser colocar na Secretaria todos seus apadrinhados que morrem de medo dele.
    NOVAS ELEIÇÕES VIRÃO E NELAS, O TROCO COMO RESPOSTA A INOPERÂNCIA, INÉRCIA E INCOMPETÊMCIA.

  • botelho pinto | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    CALMA PESSOAL A CULPA INFELIZMENTE É DO

    MOSQUITO, O NOSSO PREFEITO E FUTURO

    GOVERNADOR WILSON SANTOS ESTÁ

    FAZENDO A SUA PARTE. AO INVÉS DE

    CRITICÁ-LO A POPULAÇÃO DEVERIA AJUDAR

    TAMBÉM A COMBATER ESSE MOSQUITO QUE

    ESTÁ TRAZENDO MUITOS PROBLEMAS PARA

    Á NOSSA CIDADE VERDE.

  • ANTONIO SANDES DE ALMEIDA | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Não, não é o prefeito Wilson, não é o gov. Blairo, não é o presidente Lula (O CARA). Somos todos nóis os culpados pela dengue...Acabaram o tempo das sombras e do obscurantismo, estamos vivendo um mundo novo, onde a informação é ferramenta de trabalho, ou de convivência...O cotidiano é bombardeado de informações, por dois, três...ou mais veículos. Existe sim, é uma questão fundamental e que ainda não superamos...A questão CULTURAL! Combater a dengue é questão inicial de higiene ...se cada cidadão fizesse sua parte neste particular, o mosquitinho deixaria de existir...Só aí voltaríamos para os governantes e os apedrejávamos...Cada um com uma pedra maior do que a outra jogando na direção de um gestor corrupto ou alguém inepto ao cargo!

  • Juvenal Datena | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Estou estupefato com o Prefeito WS. Será possível que só ele não conseguiu enxergar que a causa dessa calamidade toda é a total incompetência do SR Luiz Soares, ex, atual e quiça futuro Secretário de Saúde? O Secretário cabeção é arrogante, inexcrepuloso, mal educado e pior inoxeravelmente incopetente. Galinho, abre o olho!!!

  • luiz | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    precisou morrer 4 crianças inocentes para o prefeito de faz de conta tomar providencia!!! lembro que no começo alertaram o pinoquio, mais ele como sempre acha que ta tudo bem, agora que esta acabando as chuvas ele vem dizer o é grave a situação... poderia ter visto isso antes de morrer as 4 crianças!!! e ainda quer ser governador esse mentiroso. ele vai ter o que merece em 2010.

EP na batalha por vacinas e insumos

emanuel pinheiro 400 O prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro (foto) entrega nesta segunda (8) PL para a aquisição de vacinas para combate à Covid-19, medicamentos, insumos e equipamentos. O documento foi elaborado pela Frente Nacional dos Prefeitos (FNP) e será votado na Câmara. Esse é mais um movimento...

Fúrio volta à carga contra secretário

celio furio 400 curtinha Depois de se enganar ao abrir investigação contra o secretário de Saúde Gilberto Figueiredo e ter de pedir desculpas, o promotor Célio Fúrio (foto) voltou à carga. Fúrio entrou na Justiça para que Gilberto seja condenado à perda da função...

TJ e posse em cartórios após 7 anos

maria helena _ curtinha O Tribunal de Justiça, sob Maria Helena (foto), marcou para 31 de março a posse coletiva dos aprovados no concurso para os cartórios extrajudiciais de Mato Grosso. O certame vem se arrastando desde 2013 e foi interrompido diversas vezes por causa de recursos judiciais de concorrentes inconformados com os...

Setores vivem tensão e são castigados

Gilberto Figueiredo Artigo O governo acerta ao estender o horários de funcionamento dos supermercados. Afinal, desde que o decreto entrou em vigor, as filas se multiplicaram pela Capital, aumentando o risco de transmissão do novo coronavírus. Há a expectativa de que novas medidas possam ser tomadas diante do evidente colapso da...

Limpeza e obras no entorno da Arena 

Beto 2x1 400 curtinha   Apesar da Arena Pantanal ser um cartão postal do Estado, o entorno do estádio vive situação crítica com lixo nas ruas, episódios de esgoto à céu aberto e matagal. O secretário estadual de Esporte e Cultura, Beto 2 a 1 (foto), em visita ao Rdnews, assegura que os...

VI de R$ 18 mil garantida na Câmara

juca 400 curtinha A verba indenizatória de R$ 18 mil para os vereadores da Câmara de Cuiabá está garantida, pelo menos por enquanto. Depois de diversas ações judiciais, derrubando a alta indenização por gastos do mandato, os vereadores implantaram o benefício novamente em dezembro. O...