Últimas

Domingo, 11 de Março de 2007, 12h:28 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

ARTICULAÇÃO

Após anos na oposição, PT aprova aliança com Maggi

  Em reunião da executiva regional neste sábado (10), o PT aprovou apoio formal à administração Blairo Maggi. Dos 45 membros, 35 deram respaldo à proposta, inclusive a senadora Serys Marly, que vinha fazendo oposição ferrenha ao governo Maggi. Para não provocar mais desgaste ao partido que nos últimos quatro anos vinha se opondo à gestão do 'rei da soja', a direção petista preferiu não reivindicar cargos. O professor Domingos Sávio, de Cáceres, foi uma das poucas vozes contrárias à aliança com o governo Maggi.

   Agora, o Palácio Paiaguás só tem na oposição na Assembléia o desmotivado PSDB, representado pelos deputados Guilherme Maluf e Chica Nunes. Mesmo assim, ambos vêm se posicionando mais como governistas do que no papel de opositores.

    Desde a campanha majoritária de 2002, da qual Maggi saiu vitorioso na corrida ao governo do Estado, o PT já fazia oposição. À época, disputou e perdeu o Paiaguás com Alexandre Cesar. Na Assembléia, os deputados Ságuas Moraes e Vera Araújo continuaram atuando como opositores.

     Ontem e hoje

     O 'namoro' do PT com Maggi começou nas eleições municipais de Cuiabá, em 2004, principalmente no segundo turno. À época, Maggi optou por defender o nome de Alexandre, derrotado pelo hoje prefeito Wilson Santos. No pleito do ano passado, mesmo com a candidatura de Serys ao governo estadual, a legenda petista deu mais um passo, saindo do 'namoro' para o 'noivado', desta vez motivada por um entendimento de cúpula, que resultou na adesão de Maggi à recandidatura de Lula no segundo turno.

     Agora, o PT decide pelo 'casamento'. Com isso, os seus deputados estaduais Ságuas Moraes e Ademir Brunetto, que já são governistas, passam a ter respaldo do partido para 'escancar'  apoio ao Paiaguás.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Poconé tem hoje vários "prefeitáveis"

euclides santos 400 curtinha   O ex-vereador e ex-prefeito de dois mandatos de Poconé, Euclides Santos (foto), que era do MDB e agora está no PSDB, vem se movimentando nos bastidores para concorrer novamente à sucessão municipal. Seria um dos nomes de oposição ao prefeito Tatá Amaral, que vai tentar...

Apostas do PTB para vereador em VG

silvio fidelis 400 curtinha   Detentor da segunda maior bancada na Câmara de Várzea Grande, com cinco assentos, atrás somente do DEM da prefeita Lucimar, que conta com sete vereadores, o PTB aposta na hipótese de ao menos manter as cinco vagas. E todos os seus vereadores vão à reeleição, sendo...

Despesas e o uso eleitoreiro de CPI

marcelo bussiki 400 curtinha   Buscando visibilidade pela reeleição em ano eleitoral, alguns vereadores da Capital, vergonhosamente, usaram e abusaram de dinheiro público para promoção pessoal na esteira da CPI do Paletó. A tendência é do relatório paralelo que pede afastamento do...

Sorriso incentiva 40 projetos culturais

ari lafin 400 curtinha   A seis meses de concluir o mandato, o prefeito de Sorriso, Ari Lafin (foto), estabeleceu, dentro do Plano Municipal de Cultura, o "PROMIC - Festival da Cultura 2020" para contemplar 40 projetos cujos valores somam R$ 340 mil, envolvendo artes visuais, artes cênicas, cultura popular, música, audiovisual,...

Quase R$ 2 mi para o Lucas Protegida

binotti 400 curtinha   A Prefeitura de Lucas do Rio Verde, sob Luiz Binotti (foto), contratou, por R$ 1,9 milhão, um consórcio formado pela Rocha Comércio de Equipamentos, que ficará com a maior "fatia" de R$ 1,4 milhão, e a Airplates Tecnologia da Comunicação, com R$ 521,7 mil, para desevolver o...

Silêncio sobre operação e elo com MBL

ulysses moraes 400 curtinha   O deputado de primeiro mandato Ulysses Moraes (foto), que deixou o DC e se filiou ao PSL, coordenador em Mato Grosso do Movimento Brasil Livre (MBL) e chamado por muitos de paladino da moralidade, mesmo sendo bastante ativo nas redes sociais, não usou a internet para comentar a operação da...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Em Cuiabá, o prefeito suspendeu a decisão de implantar rodízio de veículos entre placas pares e ímpares devido à Covid-19. Mas quer debater a ideia. Você concorda com rodízio?

concordo

discordo

tanto faz

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.