Últimas

Terça-Feira, 27 de Março de 2007, 02h:17 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

ARTICULAÇÃO

Após ataques, Jaime tenta reaproximar de Maggi

  Depois do "comício" a bordo, em que esculhambou e ameaçou denunciar o governador Blairo Maggi, o senador Jaime Campos tenta reaproximação. No domingo, depois de várias tentativas, o parlamentar conseguiu falar por telefone com Maggi, que estava em Curitiba. Procurou amenizar a crise. Jaime está em Brasília e espera conversar pessoalmente com o governador nesta quarta (28).

    As denúncias de Jaime, feitas em voz alta dentro do avião da TAM na viagem para Brasília, na terça de madrugada, caíram como uma bomba. O estrago se tornou maior porque ganhou repercussão nas páginas de A Gazeta, com detalhes das declarações do senador.

    Descontente pelo fato do PR, novo partido do governador, ter cooptado vários prefeitos, inclusive cinco do PFL, Jaime Campos soltou o verbo, diante de aliados de Maggi, como o deputado federal Homero Pereira e o secretário de Estado de Fazenda, Waldir Teis. Entre tantas acusações, o senador disse que o governo está podre, que há indícios de corrupção, insinuando esquema de propina e existência de dossiês. Jaime chegou a dizer que o governo só não cai porque 'segura' a Assembléia.

    Na última sexta, quando as acusações vieram a público, o senador, que já está em pré-campanha para governador em 2010, tentou descaraceterizá-las. A nova versão não desmereceu a original. A nota oficial que divulgou à imprensa alimentou ainda mais a tese de que, de fato, havia feito acusações. Maggi ficou irritado. Pefelistas e republicados, que estiveram unidos no palanque do ano passado, se calaram.

   Jaime Campos passou a colocar correligionários para atuarem como bombeiros. Tenta apagar o incêndio. Pefelistas consideram que cedo ou mais tarde a tendência natural é romper com a administração Maggi. Consideram, porém, precipitado decretar distanciamento agora. Outros entendem que, para construir uma candidatura de oposição, Jaime deve liderar o bloco, sem trégua para reaproximação.

Postar um novo comentário

Comentários (6)

  • Cezar Batista Pedroso | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Na politica os valores são as mentiras...o Sr, Jaime Campos está jogando a comida fora do prato onde sempre o mesmo comeu junto ao Sr. Blairo...sou eleitor do Senador e Governador, mas, é bom pararem com o teatro, por que temos vários políticos, que só foram eleitos por que o eleitor tem a memória muito esquecida, exemplo: Carlos Bezerra teve uma eleição uns tempos que o mesmo se aliou ao Julio Campos e levaram uma tremenda surra nas urnas...agora fica o teatro Jaime/Blairo...

  • antonio valêncio souza | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O "furo" da Gazeta mostra que o processo eleitoral de 2010 já começou. Agora não adianta mais o Jaime querer voltar a fazer as pazes com Maggi. Daqui pra frente, nada será mais como era...

  • Anônimo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    observe os movimentos de wilson santos com relaçaõ a sms que vai entender a raiva de jc.




  • alencar farina | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    observe os movimentos de wilson santos com relaçaõ a sms que vai entender a raiva de jc.




  • ROBERTO DE OLIVEIRA | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O SENADOR JAIME CAMPOS SÓ PODIA ESTAR BEBADO A BORDO DAQUELE AVIÃO, POIS QUE EU SEI UISQUE É POR CONTA,E COMO NAQUELE AVIÃO SÓ TINHA AVIÃO............

  • Paulo Roberto Silva | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É por estes motivos que sempre irei anular meu voto, eleger politicos e depois ficar assistindo teatrinho, chega acorda eleitores.............

Cotado à cadeira de desembargador

francisco faiad 400 curtinha   É forte o movimento nos bastidores entre os juristas, dentro e fora da OAB/MT, pela indicação do nome de Francisco Faiad (foto) pela classe Quinto Constitucional à cadeira de desembargador. Bem articulado e com bom conceito no meio jurídico, Faiad foi presidente da OAB/MT por dois...

Pivetta promete permanecer no PDT

allan kardec 400 curtinha   O empresário Otaviano Pivetta, que se tornou o mais badalado nesta fase de pré-campanha ao Senado por causa da grande logística em torno do seu nome, se encontra numa saia-justa. Para líderes do Podemos com os quais passou a ter afinidade política, como os senadores Álvaro Dias e...

Ao Senado, 2 partidos e apoio para EP

elizeu nascimento 400 curtinha   Elizeu Nascimento (foto), terceiro-sargento PM licenciado, não é nada bobo. Ex-vereador pela Capital e no mandato de deputado estadual, Elizeu hoje controla o DC-MT e ainda levou aliados de confiança para o PSL-MT, partido que ainda está ligado ao presidente Bolsonaro e que só de...

Digital de Selma no apoio para Pivetta

olga lustosa curtinha 400   Mesmo com laços antigos de amizade com Otaviano Pivetta, Olga Lustosa, que está se desligando do cargo de assessora do gabinete da senadora cassada Selma Arruda em Brasília, causou aquele climão dentro do Podemos quando apareceu no encontro do PDT, neste sábado. O ato marcou o...

Fritado ao Senado, Galvan deixará PDT

antonio galvan 400 curtinha   Como já esperado, o presidente da Aprosoja, Antonio Galvan (foto), foi mesmo patrolado dentro do PDT estadual na tentativa de concorrer ao Senado na suplementar de abril. Com a decisão oficial do partido de lançar o vice-governador Otaviano Pivetta à disputa, Galvan agora pensa em sair da...

Contratos suspensos de 7 prefeituras

domingos neto 400 curtinha   O conselheiro do TCE-MT, Domingos Neto, determinou, até julgamento do mérito, a suspensão de pagamento por sete prefeituras à Oscip Tupã. Ele é relator de uma representação feita pelo Ministério Público de Contas contra as prefeituras de Vera,...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Na sua opinião, como está indo o Governo Bolsonaro...

excelente

bom

razoável

ruim

péssimo

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.