Últimas

Quinta-Feira, 26 de Novembro de 2009, 10h:31 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:24

CÂMARA DE CUIABÁ

Após cassação de 2, parlamentares pregam clima de paz

  Há menos de mês para o término do primeiro ano da 17ª Legislatura e em clima de Natal, os vereadores cuiabanos tentam “juntar os cacos” da imagem desgastada do Legislativo diante da sucessão de escândalos e pregam paz. O ambiente é de reconciliação, mas muitas rusgas ainda não foram superadas. A cassação do vereador Lutero Ponce (PMDB) teve dois efeitos sobre os parlamentares. Alguns parecem ter fumado o “cachimbo da paz” e só falam em união e que agora é o momento da Câmara esquecer os seus problemas internos e trabalhar. Por outro lado, um novo “racha” surge na Casa. Amigos pessoais de Lutero, como Lueci Ramos (PSDB) e Chico 2000 (PR),  inconformados com a cassação do peemedebista, prometem dar muita dor de cabeça ao presidente Deucimar Silva (PP), contra o qual há investigação por suposta compra superfaturada de serviços gráficos.

  Chico 2000, por exemplo, é um dos integrantes da CPI que investigará Deucimar. Nos bastidores, ele demonstra estar disposto a estabelecer o terceiro round no Legislativo, que já enfrentou pressões durante as investigações contra Ralf Leite (PRTB) e Lutero, ambos cassados. Por outro lado, Deucimar se mostra tranquilo e convicto de que "tudo não passa de armação". Ele nega qualquer irregularidade. Além disso, a presidência da CPI ficou com o líder do prefeito na Câmara, tucano Paulo Borges, considerado neutro em meio ao novo embate. Líder do PSDB na Câmara, Lueci tentou nos últimos dias uma manobra para trocar Borges por Antônio Fernandes, do mesmo partido. Fernandes não esconde a insatisfação para com Deucimar. Lueci colocou Borges contra a parede, sob argumento de que o colega tucano deveria escolher se queria presidir a CPI ou ser líder do prefeito no Legislativo.

  Em meio ao imbróglio interno, foi necessária a intervenção do presidente municipal do PSDB, Ussiel Tavares, e do próprio prefeito Wilson Santos, que liberaram Paulo Borges para presidir a CPI e continuar na liderança. Entendem que uma coisa não interfere na outra e, no fundo, temem que o PP deixe de compor a base aliada se o PSDB tiver um posicionamento radical. Everton Pop (PP) também faz parte da CPI.

  Já os parlamentares ligados a Deucimar querem mesmo é que o recesso chegue logo. Acreditam que as “férias” vão ser fundamentais para baixar a poeira e, assim, acalmar os ânimos. O recesso parlamentar deve iniciar em 20 de dezembro, após a votação do orçamento-geral de 2010, com previsão de receitas e despesas de R$ 1,3 bilhão. Neste ano, a Câmara foi palco de apoteóticas discussões, trocas de acusação e muita articulação. Nos últimos dias, a calmaria parece ter voltado a reinar. Não se sabe quando a Câmara reabrirá as portas, após sair de recesso, porque o prédio passará por reformas. (Patrícia Sanches)

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • MARCIONEI | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    TA AI , CONCORDO COM O COMENTARIO DO COLEGA AI EM CIMA, O LUTERO FOI CASSADO POR ROUBO, E O RALF LEITE SO PORQUE SAI COM UM TRAVECO, PENA DURRISIMA PARA O SEGUNDO. AGORA O DEU NO MAR TBEM GARFOU A CAMARA E NAO VAI SER CASSADO, ALIAS JA ANTECIPOU O RESULTADO DA CPI, NAO VAI DAR EM NADA. IMAGEM OS SENHORES , PANHAR DINHEIRO NOSSO POOOODE, MAS SAIR COM UM TRAVECO NAO POOOOODE. AGORA COM A PALAVRA A JUSTIÇA DE MT, AINDA É UNICO REFUGIO DOS INJUSTIÇADOS. ELLES FAZEM NA CAMARA O QUE QUEREM , COM A PALAVRA A JUSTIÇA E O MP. ENTIDADES AINDA CONFIAVEIS.

  • Pedro Luiz de Souza | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vejam bem como são as coisas, fizeram o que quiseram com Lutero e Ralf, tudo com as bençãos do Wilson e agora Wilson esta retribuindo ao Deucimar.
    Isto fica cada vez mais claro que o Ver. Antônio Fernandes esta mesmo no partido errado, sempre preterido nas decisões.
    Agora quero ver Vereador se o senhor vai aceitar mais essa podada, seus eleitores estão acompanhando e quer ver sua reção.
    Antonio Fernandes, Wilson nunca aceitou sua vitória, deixe de apoiar ele na câmara, cuide do seu mandato meu lider!

  • cleomar arruda | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    LUECI E CHICO 2000, VCS ESTÃO E SEM ARGUMENTOS E SABEM QUE A PÓPULAÇÃO JÁ LHES EXCLUIRAM POR SERE TÃO CINICOS EM DIZER QUE VÃO DAR DOR DE CABEÇA AOS DEMAIS VEREADORES, FIQUE QUIETINHOS POIS VCS, AGORA, NÃO GANHAM NEM PARA PRESIDENTE DE BAIRRO, QUEM APOIA AINDA O LUTERO PRECISA ENTÃO AJUDA-LO A DEVOLVER O DINDIN QUE DIGA=SE DE PASSAGEM NÃO É POUCO, E CHAMEM OS OUTROS DOIS, POIS FORAM QUATRO VOTOS E SE AJUDAREM-O A DEVOLVER O DINDIN, SERA BEM MAIS PROVEITOSO DO QUE FICAREM FAZENDO PICUINHAS QUE É BEM A SUA CARA NÉ LUECI, ISSO PRA FUGIR DA REALIDADE QUE É A SUJEIRA QUE FIZERAM COM A POPULAÇÃO, ENTÃO FIQUEM QUIETINHOS POIS A OPINIÃO DE VCS NÃO INTERESSAM A NINGUEM, VÃO REZAR QUE GANHAM MAIS.

Com Covid-19 e frequentando a AL

paulo araujo 400   O deputado Paulo Araújo (foto), do PP, está com reinfecção pelo Covid-19 e, mesmo assim, continua frequentando o prédio da Assembleia normalmente, como se não tivesse contaminado. Na primeira vez que foi infectado pelo vírus, também fez igual. Colegas parlamentares e...

2 abstenções e briga pela 4ª Secretaria

silvio favero 400   Dois deputados se abstiveram na eleição da Mesa Diretora da Assembleia desta terça cujo votação foi secreta. Nos bastidores, os comentários são de que as abstenções foram de Sílvio Fávero (foto), que se lançou à disputa e, sequer, teve...

Petista, incoerência e voto contrário

ludio cabral 400   O petista Lúdio Cabral (foto), daqueles parlamentares do morde e assopra, na tentativa de marcar posição, expõe cada vez mais suas incoerências em votação na Assembleia. Na sessão que antecedeu a eleição para a nova Mesa Diretora, provocada pela decisão...

Projeto sobre VI na Saúde está na AL

gilberto figueiredo 400 curtinha   Já está na Assembleia, para votação dos deputados, o projeto do governo que garante retomada do pagamento da verba indenizatória aos profissionais da Saúde que atuam na linha de frente do combate à Covid-19 nas unidades hospitalares, ambulatoriais e...

2 desembargadores vão para TRE-MT

carlos alberto tj 400 curtinha   O Pleno do Tribunal de Justiça define, na quinta (25), em votação secreta e por videoconferência, dois desembargadores que comporão os quadros de comando do TRE-MT pelos próximos dois anos. O ex-presidente do TJ, Carlos Alberto Alves da Rocha (foto), é um dos inscritos...

Primeira-dama pede retorno de auxílio

marcia_pinheiro_curtinha400 Primeira-dama de Cuiabá Márcia Pinheiro (foto), em visita à sede do Rdnews e entrevista ao Rdtv, pede que a bancada federal de MT se mobilize e vote favorável ao retorno do pagamento do auxílio emergencial às famílias em situação de vulnerabilidade. Márcia...