Últimas

Terça-Feira, 02 de Setembro de 2008, 16h:48 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:21

NEPOTISMO

Após decisão, conselheiros demitem 21 parentes

  Os conselheiros do Tribunal de Contas do Estado (TCE) foram obrigados a fazer uma demissão em "massa" dos parentes que estavam lotados no órgão em cumprimento à decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), a qual veda o nepotismo nos Poderes. Só nessa 1ª remessa foram demitidos 21. Da família do presidente do Tribunal, conselheiro Antônio Joaquim, ficaram desempregadas 4 pessoas, que ocupavam cargos comissionados. Dentre elas a sua filha Talita Moschini Moraes e a cunhada Izabel Silvana Moschini Antunes Maciel.

    Do gabinete do ex-deputado Humberto Bosaipo, que hoje ocupa uma cadeira vitalícia do TCE, foi despedida sua irmã Tânia de Cássia Melo Bosaipo. Já o conselheiro Ary Leite de Campos foi obrigado a "desempregar" suas filhas Lise Laura Godoy de Campos e Naíse Godoy de Campos da Silva Freire, além de seu sobrinho Emerson Godoy de Figueiredo e Marize Fátima de Campos Arruda, também sua parente.

    O conselheiro Valter Albano despediu até mesmo a sua esposa, Vanusa Neiva Azevedo, do cargo de assistente jurídico da Procuradoria Consultiva do TCE, enquanto Alencar Soares "esvaziou" seu gabinete ao reduzir três assessores do seu quadro de pessoal. Foram exonerados seu filho Leandro Valoes Soares, além de Renata Crristhina Aguiar Soares e Magnólia Aguiar Soares. Na mira da legislação, Waldir Teis, que de ex-secretário estadual de Fazenda conseguiu a condução ao TCE, também demitiu sua filha Franciele Teis Andrade.

   Os únicos que não se enquadram nessa decisão do Supremo são os ocupantes de cargos políticos, como, por exemplo, os ministros e secretários estaduais e municipais, além do Distrito Federal. (Pollyana Araújo)

Postar um novo comentário

Comentários (19)

  • martha | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    A súmula vinculante relativo ao nepotismo, somente vai ter eficácia se nos funcionários efetivos e a sociedade em geral, ficarmos de olho, sermos verdadeiros fiscalizadores. Pois tanto os funcionários como a sociedade só perdem com essa prática. Os funcionários perdem na medida em que ao incharam a máquina de contratados e comissionados (não efetivos)esvaziam ma mesma medida a possibilidade de alcançarmos salários nais dignos. A sociedade perde, pois banca a renda de toda uma família, parentes e amigos em detrimento de si, pois a ela não é dada a mesma oportunidade, seja através de nomeação para cargos comissionados. Restando, concorrer para uma vaga através de concurso ou processo seletivo, muitos vezes não confiável.
    Falando em concurso ou processo seletivo, é bom comecarmos a ficar de olhos abertos, começando por quardar as listas dos familiares, parentes e afins, exonerados para depois compararmos com a lista dos aprovados.

  • donato | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Isso já era para ter acontecido há muito tempo, o que me indigna é que precisa de uma medida extrema para que algo no BRASIL, em especial MT, aconteça!

    e no fim é tudo patati e patata, pizza

    imorallllllllllll

  • Anônimo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

  • martha | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Gostaria de ver se os demais órgãos estão tomando providências no sentido de acabar com o nepotismo.
    Como está o TJ, PME, os municípios. Precisamos de mais reportagens sobre o assunto.

  • RONEI DUARTE | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    A República foi proclamada no dia 15 de novembro de 1889, e somente agora, é que alguns dos seus principios começaram a ser colocados em prática no Brasil.Os poderes cartorários das nossas autoridades públicas devem ser revistos. A Lei do Nepotismo é o começo.A separação dos Poderes e a meritocracia propugnada por Montesquieu deve prevalecer. Abaixo a monarquia!
    Viva o concurso público! VIVA A REPÚBLICA!

  • George | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Olha a maioria dos que foram exonerados estão sendo contratados pelo Instituto Creatio e pela Empresa Premier, que esta no nome do Sr.Renato, com salários gordos..... o que adianta a lei!!!!!!!

  • manoel da felizardo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    A FARA ACABOU,TEM COMSELHO QUE ATÉ EMPREGADA DOMÉSTICA RECEBIA PELO TC. FALTA TANBÉM CONS.ALEMCAR DEMITEI SEUS FILHOS,PATRICIO E PATRICINHA.VOMOS APROVEITAR O ESPASSO E DENUMCIAR ESSE SANGUE SUGAS DO HERÁRIO PUBLICO O POVO MAIS HUMILDE DE MT AGRADEÇE. TEM MUITA GENTE AQUI FORA QUE É NASCIDO E QUE TEM GRADUALÇAO,PÓS,MESTRADO E ATÉ DOUTORADO,QUE NÃO GANHA O QUE ESSES FILHOS,CUNHADA,IRMÃO,TIO,TIA,IRMÃ,RECEBEM AI NO TRIBUNAL DE CONTAS . ESSA LEI CHEGOU TARDE MAIS CHEGOU. ACABOU COM A FARRA. E NÃO ADIANTA QUERER ACOMODAR EM OUTRO LUGAR EM OUTROS PODERES QUE COMCERTEZA VAI APARECER COMO DENUMCIA

  • Marcelo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    A segurança que os parentes dos conselheiros tem, é o Instituto Creatio, e a Premier, com Jocimauro e Olavo no comando, não vai ter nenhum parente desamparado..

  • suzana | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    e o povo acredita que essas pessoas vão ficar sem emprego?poupem-nos....sem comentários

  • Senhor Entediado | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Simples demais a resolução desses problemas!
    A mesa deverá arrumar o novo CONCURSO e os aprovados serão quem?? Quem??? Seus parentes, é claro!!!!

Rei do Gado entra numa difícil disputa

mauricao 400 curtinha   O leiloeiro Maurição Tonhá (foto), chamado por muitos de "Rei do Gado", está de volta à disputa eleitoral. O pecuarista com bens avaliados em R$ 19 milhões é candidato pelo DEM a prefeito de Água Boa, muncípio já administrado por ele por dois mandatos. Em...

Ajudando a enterrar CPI do Paletó

luciana zamproni 400 curtinha   O Palácio Alencastro está convicto de que, assim como na primeira votação, o relatório da CPI do Paletó que propõe punição ao prefeito Emanuel e vai ser votado nesta terça, será arquivado pela maioria dos vereadores cuiabanos. O desfalque do...

8 candidaturas e Thelma com chances

thelma de oliveira 400 curtinha   Mesmo sem apoio de nenhum outro partido, a não ser do seu PSDB, enfrentando forte desgaste político e rejeição popular e ainda problemas de saúde, se recuperando de tratamento de câncer de mama, a prefeita Thelma de Oliveira (foto) ainda tem chances de...

Niuan de fora da suplência ao Senado

niuan ribeiro 400 curtinha   O deputado federal José Medeiros não conseguiu segurar o vice-prefeito de Cuiabá, Niuan Ribeiro (foto), como primeiro-suplente de sua chapa ao Senado. Há alguns dias, o filho do ex-vice-governador e ex-deputado Osvaldo Sobrinho vinha demonstrando desejo de pular fora, em meio a...

Jayme incomodado com Flávio em VG

jayme campos 400 curtinha   A candidatura a prefeito de Várzea Grande do empresário Flávio Frical (PSB), principal aposta da oposição, passou a incomodar a família Campos, que apoia o ex-vereador Kalil Baracat, concorrente ao Executivo pelo MDB. Em uma noite que seria de festa, em comemoração...

Acordo com Euclides partiu de Allan

allan kardec 400   Otaviano Pivetta, vice-governador licenciado por 30 dias para cuidar de problemas de saúde, disse que nada tem a ver com o tal acordo "costurado" pelo presidente regional do PDT, deputado Allan Kardec (foto), com Euclides Ribeiro, candidato a senador pelo Avante. Explica que só apresentou Euclides para Allan e...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.