Últimas

Segunda-Feira, 09 de Fevereiro de 2009, 19h:13 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:22

INVESTIGAÇÃO

Após declaração, Ralf pede perdão às mulheres


Adevair Cabral, Deucimar Silva, Ralf Leite e o advogado Edmilson Vasconcelos se reúnem em coletiva à imprensa
Foto: Fablício Rodrigues

  O vereador Ralf Leite (PRTB) reafirmou, durante coletiva à imprensa nesta segunda (9), no gabinete da Presidência da Câmara Municipal, que é inocente das acusações de atos lobidinosos e de desacato à autoridade. O parlamentar jura que foi extorquido por policiais policiais que abornaram-no na última sexta, na região do Posto Zero, em Várzea Grande, e o conduzram para o Cisc do Parque do Lago, no município. Ele avisa que provará a sua inocência em 30 dias.

   Com voz embargada, Ralf anunciou o seu afastamento da Câmara de Cuiabá, sob alegação de que está com forte transtorno emocional. O atestado médico assinado pelo psiquiatra Aristides Soares Filho pede que o vereador faça tratamentos no hospital Sara Kubitschek, em Brasília. O vereador falou à imprensa ladeado pelo presidente da Câmara, Deucimar Silva, e pelo seu advogado Edmilson Vasconcelos.

Vereador lamenta que a sua
família está desmoralizada
 

  Ralf fez apenas um rápido pronunciamento. Mesmo assim, não conseguiu se livrar do constrangimento diante da imprensa. O parlamentar se contradisse várias vezes. No final, pediu desculpas às mulheres cuiabanas. Segundo ele, houve má interpretação sobre sua frase: "Sou 100% heterossexual e a mulherada de Cuiabá sabe disso!" - confira aqui. "Minha família está desmoralizada. Peço desculpas às mulheres cuiabanas. Acho que fui mal interpretado. Quis dizer que as pessoas que me conhecem sabem que não fiz  nada de errado", afirma.

"Peço desculpas às
  mulheres cuiabanas"

  No final de seu pronunciamento, o parlamentar foi interpelado por um repórter, que perguntou quem foram as pessoas que teriam o extorquido. Nesse momento, o seu advogado Vasconcelos interferiu, para dizer que não seria permitido qualquer tipo de pergunta. "Tudo será esclarecido dentro do processo. Ele não comentará o assunto", disse. Em seguida, Ralf Leite deixou a sala em silêncio, enquanto o advogado continuou se justificando. (Patrícia Sanches e Lisânia Ghisi)

-------------------------------------------------

Clique no play e veja declarações do vereador Ralf Leite

Postar um novo comentário

Comentários (25)

  • James Silva. | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • artilheiro | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Fabio de souza | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Um Rapaz que me parece sem leitura,me parecendo também sem estudos, contra-se dizendo várias vezes, e afirmando que a polícia o extorquiu! os repórteres não puderam-lhe fazer perguntar! porque? o porque então da coletiva?
    degradante a política de alguns membros de nossa câmara,é lamentável! o jovem acusou a polícia do estado, terá que provar! uma polícia muito criticada por ações, agora tem a chance de provar que foi correta, o jovem vereador ou está falando a verdade, ou se complicou mais ainda.

  • LUIZ FERNANDO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Jose Roberto | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    No dia da votação para eleição da mesa diretora da Câmara, o presidente regional do PRTB, Dr. Samuel, ao ver e ouvir o outro vereador do partido Neviton anunciar seu voto a favor da chapa encabeçada pela vereadora Luecy, imediatamente acionou sua assessoria jurídica e determinou que uma sindicância fosse imediatamente instaurada para punir o vereador que não obedeceu a determinação partidária neste tocante. A intenção era cassar o mandato do professor Néviton. Dr Samuel estava nervoso, agitado. Parecia um genera. Isto porque ele é presidente da Comissão Provisória Estadual e, no entanto, exercia forte pressão sobre a Comissão Provisória Municipal que é presidida por um coronel.
    O fato que chama minha atenção é que até o momento, o ilustre doutor Samuel não tenha se manifestado publicamente e, salvo melhor juízo, ainda não determinou a instauração da tal Comissão de Etica do Partido, cuja comissão poderia inclusive, de forma isenta e imparcial, contribuir para com a produção da prova da inocência do vereador Ralf.
    Na verdade, percebo que Ralf esta sozinho. O PRTB não sai em sua defesa e nem se manifesta de forma enérgica de modo a deixar claro que verdadeiramente prima pela ética.
    Outra questão, fosse o vereador Néviton o envolvido neste deplorável acontecimento, certamente o partido já teria solicitado publica e sumariamente sua degola. A guilhotina já teria funcionado.
    O Dr. Samuel, agora funcionário graduado da Câmara, por indicação do próprio vereador Ralf, prefere o silêncio. Posição comoda e lucrativa. Infelizmente, dois pesos e duas medidas.

  • wanda aparecida | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    MAIS UMA JOGADA DE PAI/FILHO.., FORAM EGOISTA, ARROGANTE..SOBERBO COM DEMAIS SUPLENTES DO PRTB, NÃO DANDO A CHANCE DE OCUPAR SUA CADEIRA RALF/EDSON. PRTB NÃO É UM QUARTEL CORONEL..ESTÃO NA LAMA ATÉ O PESCOÇO. SAMUEL E LIDERANÇA DO PRTB TEM QUE AFASTAR EDSON DA PRESIDENCIA DO PARTIDO E COLOCAR PESSOAS MAIS CAPACITADAS, QUE NÃO ESTEJAM PREOCUPADOS SOMENTE COM O PROPRIO UMBIGO E AMBIÇÃO PESSOAL.

  • jorge farias | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • josé | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    quem não lhe conheçe que te compra RALFF RONALDINHO LEITE

    TA ARREPENDIDO O FILHINHO DO CORONÉ

  • Magalhães | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Esse ai ja pode encomendar o caixão, esta morto e enterrado, perguntei aqui no Bairro para umas vintes mulheres, se conhecia o moço ai, todas derão risada, e nunca virão o mesmo mais gordo, a não ser lá no zero quilometro pela Groriosa Imprensa. Vida Politica nunca mais...segundo elas....ja esta morto e fedendo...Bay Bay...Bad Boy. Desculpa e pouco pela falta de carater com as mulheres. Muitas que o ajudarão se eleger. Pisou na bola e feio...Fui.

  • Marcos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

Reconhecimento de um governo ruim

pedro taques 400   Pedro Taques (foto) recorreu a uma observação feita pela mãe, professora Eda Taques, de que fora melhor senador do que governador. No horário eleitoral, o candidato ao Senado, agora pelo SD, menciona a frase da mãe para, em seguida, dizer que reconhece que sua atuação em...

Apoiado por deputados bolsonaristas

jose medeiros 400 curtinha   Um dos vice-líderes do Governo Bolsonaro na Câmara, o deputado José Medeiros (foto), do Podemos, vem recebendo apoio na disputa ao Senado de vários parlamentares bolsonaristas. O chamado núcleo duro do presidente no Congresso Nacional está com Medeiros, entre eles os deputados...

Justiça barra ficha suja em Poconé

clovis martins 400   A Justiça Eleitoral barrou em Poconé o ex-prefeito Clovis Damião Martins (foto), considerado ficha suja. Está inelegível por oito anos. Filiado ao PTB, ele foi condenado pelo TCU por irregularidade insanável que configura ato doloso de improbidade administrativa. Enquanto...

3 estão fazendo pesquisa em Cuiabá

Três institutos de pesquisa entraram em campo na capital nesta semana para levantar as intenções de voto para prefeito. São eles: Malujoa Comunicações, que geralmente divulga os resultados no site Olhar Direto; a Voice Pesquisas e Comunicação, do site Midianews; e Real Time Big Data. A Voice poderá tornar públicos os números apurados da pesquisa a partir de segunda (26), enquanto os outros dois estão autorizados...

Marino enaltece Leitão para o Senado

marino franz 400 curtinha   O empresário e ex-prefeito de Lucas do Rio Verde, Marino Franz (foto), anunciou apoio a Nilson Leitão (PSDB) para o Senado. Disse que conhece o candidato tucano de longa data, desde quando este foi prefeito de Sinop e assegura que Leitão é preparado, representa muito bem a região e o...

Magali de fora em General Carneiro

magali vilela 400   A ex-prefeita de General Carneiro, Magali Vilela (foto), que se lançou novamente à disputa ao Executivo, foi barrada pela Justiça. Teve o registro indeferido, já que está inelegível por ter sido condenada à suspensão de seus direitos políticos em...

MAIS LIDAS