Últimas

Sábado, 31 de Outubro de 2009, 10h:06 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:24

REPERCUSSÃO

Após escândalo, João Gomes perde programa televisivo

   O vereador mais votado de Rondonópolis, João Gomes (PR), conseguiu ser absolvido do julgamento político e garantir a cadeira na Câmara, em meio a uma série de acusações feitas pela ex-esposa Veronice Alves, mas perdeu a principal vitrine e que o projetou na vida pública: a televisão. Ele apresentava há 14 anos o programa Cidade Agora, da TV Cidade Record, e foi demitido após o escândalo. O republicano foi comunicado nesta sexta (30) do desligamento da emissora pela cúpula da TV. Apesar da relação estreita com o deputado federal Wellington Fagundes (PR), um dos proprietários da TV Cidade Record, João Gomes já havia sido afastado temporariamente dos serviços durante as investigações da Comissão de Ética da Câmara de Rondonópolis.

   Agora, mesmo com o arquivamento da denúncia de quebra de decoro parlamentar e com as declarações da ex-esposa de que só denunciou o ex-marido porque estava com raiva, João Gomes se vê afastado em definitivo do seu principal palanque. O diretor de Jornalismo da TV Cidade Record, Eduardo Ramos, explicou ao RDNews que ficou difícil conciliar as atividades de João Gomes na Câmara com as de apresentador. “Por ser vereador também, tudo o que ele faz ganha uma dimensão muito maior. Ficou difícil para a emissora administrar isso”. Eduardo nega queda na audiência ou no faturamento. “Pelo contrário, o João Gomes tem público e anunciantes fiéis. Foi uma decisão meramente administrativa”.

   Segundo o diretor de Jornalismo, a empresa quer desvincular seus programas de lideranças político-partidárias. Agora, com a demissão de João Gomes, os diretores da TV Cidade Record comemoram o fato de, ao lado da TV Centro América, serem as únicas a não terem em seus quadros políticos ou candidatos. “Isso com certeza aumenta a nossa credibilidade e dá mais tranquilidade para trabalharmos. É uma nova estratégica de mercado”, explica Eduardo Ramos.

   Ele pondera que a casa estará de portas-abertas a João Gomes se ele desistir da vida política e resolver se dedicar unicamente à comunicação. “Ele ajudou a emissora a crescer e também cresceu junto. Foi mútuo. Se um dia ele sair da política e quiser voltar, as portas estarão abertas”. No lugar de João Gomes, Valdemir Costa assume em definitivo o “comando” do programa Cidade Agora. Ele já vinha substituindo o republicano durante as investigações na Câmara. O apresentador Jota Lima, por sua vez, passa a apresentar o Cidade Alerta no lugar de Valdemir. “Ele (Valdemir) tem um estilo diferente do João Gomes, mais suave”, analisa Eduardo Ramos. (Andréa Haddad) 

Postar um novo comentário

Comentários (10)

  • João Botelho Pinto | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Quando lembro que este cara já acabou com a vida de muitas pessoas, falado o que não deve, porque ele fala o que vem na cabeça, julga a pessoa e ao mesmo tempo condena.
    Pois agora, foi falado, foi julgado e ao mesmo tempo foi condenado, viu cabra?.
    Outra coisa o Wellington Fagundes para completar deveria despedir este cara também da rádio, pois o programa que está sendo feito pelo JMoraes está muito bem, muito acima do daquele apresentado pelo cabra.
    Já pensou na campanha de reeleição para vereador, a cidade toda vai manisfetar contra este cara. Duvida?

  • Edilson da Silva | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    1

    LOUVAVEL ESSA ATITUDE, NAS TVS LOCAIS SO SE VE PSEUDOS JORNALISTAS, QUE SE QUER TEM SEGUNDO GRAU, ESSES PSEUDO JORNALISTAS QUERENDO OU NAO ACABE SENDO FORMADORES DE OPINIOES, COMO NO BRASIL, AINDA HÁ UM NIVEL BAIXO DE PESSOAS QUE SÃO CAPAZES DE DISTINGUIR E FILTRAR AS COISAS BOAS, QUE UM CAMARADA MUNIDO DE UM MICROFONE, E A IRRESPONSABILIDADES DE POLITIQUEIROS QUE DETEM CONCESSÕES DO SINAL, PARA VEICULAR, SUAS PROPAGANDAS POLITICAS DE FORMA MASCARADAS, E COM ISSO O VERDADEIRO JORNALISMO DE CREDIBILIDADE E DE TOTAL IMPARCIALIDADE FICA MUITO DISTANTE DA REALIDADE, ESSE CHUTE COM UMA BUTINA DEVIDAMENTE LUSTRADAS NOS FUNDILHOS DO JOAO BOBO FOI SEM DUVIDA, UMA ATITUDE ACERTADA, MAS VINDO DO NOBRE DEPUTADO, TAMBEM SOA UM TANTO QUANTO ESTRANHA, MAS VAMOS VER ONDE ISSO VAI DAR NÉ, AFINAL QUEM VIVER VERÁ.

  • Roberto Santos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Muito acertada a decisão da TV Cidade REcord. Sem o JOão Gomes o programa está melhor e com mais credibilidde. Aposto que logo ele estará no ar em outra emissora, despejando suas baixarias em Rondonópolis. Mas, sem o poder de fogo que a TV Cidade tem, acho que ele não vai longe. A verdade é que ele já estava vencido e fazendo uma apresentação bem ruim desde que se elegeu vereador.

  • Morador De Cuiabá | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Mauro Dias | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Se todos fossem igual ao Eduardo Ramos seria ótimo para a imprensa local. Pelo menos ele foi julgado pela empresa em que trabalha, pois a Câmara de Vereadores não teve coragem de cortar a própria carne como o Eduardo fez.

  • joao do bulicho | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Nunca vi uma coisa tão certa como esta, até que em fim o deputado resolveu tomar mais uma atitude correta quanto ao caso do João Gomes de tira-lo de apresentar na televisão.
    Só falta agora dispensar o João Gomes também da rádio clube, este é o assunto do momento em nossa cidade, até porque a população está achando muito bom o apresentador JMoraes é um programa diferente e tem cultura.
    Aí aumenta mais a credibilidade do Wellington Fagundes em Rondonópolis.

  • marcola | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    não duvide nada se os vereadores do pr.rond
    onopolitano se unirem e juntos exijirem o
    programa de volta ao seu protegido e querido
    joão gomes e sua gloriosa( esposa)veronice!!!

  • Jaime | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Esse Eduardo Ramos é um piadista,falar que a tv cidade tem um jornalismo sério , esta tv que só tem jornaleco e que recebeu a missão de criticar o governo municipal 24 horas por dia, missão esta repassada pelo dono da emissora o Dep. Welinton Fagundes !

    Os apresentadores chegam a espumar os cantos da boca para falar mal do prefeito e bem do PR ,partido do Deputado e do Governador,que a tv passa a imagem de que está tudo bem nos orgãos estaduais,não se fala do hospital regional,que chegou a fechar as portas para os pacientes depois que perderam a eleição em Rondonópolis, os orgãos estaduais atendem precáriamente em todos os setores e os jornalecos passam a imagem do caos culpando a prefeitura !

    Vocês da tv cidade não tem em seus quadros pessoas políticas não,vocês tem o patrão, o dono da emissora, o Dep. Welinton Fagundes !

    Se a questão é politica poeque dar um pé no João Maria da Penha Gomes ,somente agora ? porque não demitiram quando de sua posse? mandaram embora agora porque muitos inocêntes,ou sja, os mais humildes que só conhecem o apresentador de jornaleco pela televisão, não sabiam do cafajeste que é este cachaceiro,que graças a imprensa honesta e justa como o RDnews denunciaram e mostraram todos os fatos,e eu seria injusto também se não lembrasse aqui a Tv Centro América de Rondonópolis,que tbm é justa e honesta ! Nota zero para TV Welinton,nota zero a câma municipal de Roo e seus cumplices !

  • nego | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    e agora deputado eu volto atrás do que falei eu disse que não votaria mais em vç mas agora voto porque vc fez a coisa certa tirou esse sensacionalista da televisão a agora tem que tirar ele da radio clube tbm vc wellitom tem meu voto obrigado.

  • zezinho | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    é meu caro deputado o sr. é um homem politico admiravel pelos povo de rondonopolis?fez a escolha certa?agora só falta ele sair da clube aí o povo tem seu apoio.rdnews o povo está cansado de injustiça aqui em rondonópolis,o joão maria da penha teve muita sorte???vamos ver no proximo pleito ele vai ser o primeiro colocado?

França elegível; CNJ desatualizado

roberto franca 400 curtinha   O advogado Rodrigo Cirineu, que assumiu a assessoria jurídica da campanha a prefeito de Cuiabá de Roberto França (foto), assegura que o ex-prefeito está elegível. Explica que o cadastro de inelegibilidades do Conselho Nacional de Justiça, constantando ainda o nome de...

Candidato da família Oliveira à Câmara

luluca 400 curtinha   O jovem advogado Luluca Ribeiro (foto) é uma das apostas do MDB por renovação na Câmara da Capital. Concorre a vereador e tende a "herdar" o espólio político da família Oliveira, dos tios Dante, ex-governador que morreu em 2006, e Thelma, prefeita de Chapada dos Guimarães....

Deputado tenta censura e sem êxito

xuxu 400 curtinha   Em duas tentativas, o deputado estadual Xuxu Dal Molin (foto), candidato a prefeito de Sorriso pelo PSC, tentou, sem êxito, censurar o portal Rdnews. Na 1ª Vara Cível da Comarca de Sorriso, Xuxu ingressou com pedidos de antecipação de tutela, pleiteando retirada do ar de matérias que...

Rei do Gado entra numa difícil disputa

mauricao 400 curtinha   O leiloeiro Maurição Tonhá (foto), chamado por muitos de "Rei do Gado", está de volta à disputa eleitoral. O pecuarista com bens avaliados em R$ 19 milhões é candidato pelo DEM a prefeito de Água Boa, muncípio já administrado por ele por dois mandatos. Em...

Ajudando a enterrar CPI do Paletó

luciana zamproni 400 curtinha   O Palácio Alencastro está convicto de que, assim como na primeira votação, o relatório da CPI do Paletó que propõe punição ao prefeito Emanuel e vai ser votado nesta terça, será arquivado pela maioria dos vereadores cuiabanos. O desfalque do...

8 candidaturas e Thelma com chances

thelma de oliveira 400 curtinha   Mesmo sem apoio de nenhum outro partido, a não ser do seu PSDB, enfrentando forte desgaste político e rejeição popular e ainda problemas de saúde, se recuperando de tratamento de câncer de mama, a prefeita Thelma de Oliveira (foto) ainda tem chances de...