Últimas

Quinta-Feira, 28 de Maio de 2009, 07h:03 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:23

CUIABÁ

Após tarifa de ônibus, SMTU eleva estacionamento em 50%

 Fernando Ordakowski
Clique na imagem para ampliação
 Edivá Alves, do Conselho Municipal de Trânsito e à frente da SMTU, que concedeu aumentos de tarifas

   Além de elevar em 12,19% (de R$ 2,05 para R$ 2,30) a tarifa do transporte coletivo (não está em vigor por força de uma liminar), a Prefeitura de Cuiabá decidiu aumentar também neste mês o preço do estacionamento, regulamentado pela chamada Faixa Verde, que abrange a região central da Capital. As duas decisões, com aval final do prefeito Wilson Santos, partiram do secretário municipal de Trânsito e Transporte Urbano (SMTU) e presidente do Conselho Municipal de Trânsito, vereador licenciado Edivá Alves (PSDB).  No caso dos espaços para estacionamento, os reajustes variam de 33% a 50%.

  De acordo com o Decreto 4.791, o motorista que pagava R$ 1,50 para permanecer por uma hora com o veículo estacionado, agora vai desembolsar R$ 2. Já aquele que utiliza o espaço da Faixa Verde por mais de 60 minutos, passa a pagar R$ 3. Antes, o valor estava fixado em R$ 2. O decreto está em vigor desde o último dia 16, mas o serviço ainda não está sendo tarifado com o reajuste.

   O diretor de Trânsito da SMTU, Dativo Rodrigues da Silva Sobrinho, argumenta que os novos valores serão aplicados a partir do término da venda dos cartões que ainda possuem o preço antigo. De todo modo, devem entrar em vigor na próxima semana. Explica que este foi o primeiro aumento de tarifa de estacionamento em quase três anos de existência do projeto Faixa Verde, criado em 17 de outubro de 2006. É gerenciado pela Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) e visa aumentar a rotatividade nas principais ruas e avenidas comerciais.

   Antes, era frequente funcionários do setor e os próprios comerciantes passarem o dia inteiro com veículos estacionados em locais de grande movimentação, o que dificultava clientes a encontrar uma vaga para estacionamento. O projeto abrange o quadrilátero central, com limites nas avenidas Dom Bosco, São Sebastião, Mato Grosso e Prainha. Recentemente, o serviço foi estendido para a avenida do CPA até a altura do Shopping Pantanal. Outro estudo visa a implantação nas ruas 24 de Outubro até a Estevão de Mendonça, nas imediações da praça 8 de Abril, a chamada praça do Chopão.

   A SMTU alega que o Faixa Verde "está no vermelho”. “Com os recursos arrecadados  estamos conseguindo cobrir somente as despesas”, afirma Dativo da Silva. Após o pagamento dos custos, principalmente com despesas de folha de salário, os recursos angariados deveriam ser distribuídos entre os órgãos e entidades na seguinte proporção: 50% à secretaria de Assistência Social e Desenvolvimento Humano; 20% à SMTU e CDL e 10% à Federação do Comércio. No entanto, nem isso vem sendo repassado por falta de dinheiro em caixa.

   Regra

  Fazem parte do projeto 85 orientadores, conhecidos como “verdinhos”. Parte deles são ex-flanelinhas que foram acolhidos no programa e ganham um salário comercial de R$ 480. Eles não têm autoridade policial para emitir multa, mas podem expedir um cartão com “alerta vermelho”, deixado no parabrisa do veículo daquele motorista que não pagou pelo estacionamento. Nesse caso, se o agente de trânsito encontrar o bilhete de alerta, o usuário é multado.

    No ano passado, 50.876 veículos utilizaram o Faixa Verde. Foram feitas 4.584 autos de infração, que resultaram em multas. A penalidade àqueles que não pagam pelo cartão de estacionamento é leve: uma multa de R$ 53,23 e ainda com direito a desconto de 20% se o pagamento for adiantado. O motorista é penalizado com três pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Já neste ano, foram feitas 1.393 multas até semana passada. (Sandra Costa)

Postar um novo comentário

Comentários (36)

  • Anônimo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    a cobrança para estacionar na rua é uma POUCA VERGONHA, pois já pagamos inpostos de todo tipo mais essa tarifa para deixar o carro na rua toma vergonha na cara governantes. CHEGA DE ROUBAR A POPULAÇÃO

  • Alex | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Infelizmente nosso prefeito deve andar apenas de avião ou helicoptero, porque as más condições das nossas ruas continuam, ele não tem dó de nossos valiosos veículos. Pena que aos que interessam não leem estes comentários e se leem ignoram. Pobre Cuiabá, se não fosse o Governo do Estado estariamos as minguas.

  • Germano Souza Cruz | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    PARABÉNS PREFEITO WILSON SANTOS, ambos aumentos já passavam da hora de ocorrer, pois precisavam recompor as perdas com a inflação do período, por isso não vejo nada de mais nestes aumentos.

  • Marcos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Mauro Mendes uma hora dessas deve estar rindo até as orelhas. BEM FEITO OTÁRIOS. QUEM MANDOU REELEGER WILSON SANTOS?

  • Benedito Gonçalves | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    eu acho que o Wilson deveria cobrar uma taxa por cada quarteirão que uma pessoa andasse pelo centro... Afinal, o povo tem de pagar por aqueles que escolhem... Vocês não acham?

  • Dicão | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Aumento como esses mostra que o Wilson Santos e seus secretários não tem quaisquer compromissos com o povo Cuiabano e muito menos com a cidade de Cuiabá. Não se vê um investimento sério e o que é pior o dinheiro é muito, muito mal gasto. O dinheiro suado do cidadão honesto é usado para pagar os altos salários do Prefeito e seus secretários. Em troca temos a pior administração que uma capital poderia ter. Também não podemos esperar muita coisa, são os mesmos do mandato anterior.

    O Wilson Santos e sua turma já provaram que é bom para mentiras, prometer e não cumprir, procurar culpados, defender estranhamente interesses de empresários. São muito fraco. Não sabem e não quer administrar o bem público para o povo.

    Lamentavelmente foi reeleito. Agora resta ao povo Cuiabano aguentar com todo esse descaso com o trânsito, com a saúde, com a educação. Cuiabá tem um povo honesto, trabalhador, que honra seus compromissos. Cuiabá poderia ser melhor, porém nos falta um administrador, falta um prefeito.

  • Elder Cambraia | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Primeiro gostaria de sugerir ao site RD News, que fizesse uma consulta junto a OAB ou ao PROCOM, como o usuario do serviço de estacionamento faixa verde devem proceder nos casos de furtos nos veiculos e dos veiculos que estiverem estacionados nas ruas de cuiabá. Pq outro dia perguntei a um vendedor do cartão, em frente ao hospital geral e o mesmo não soube me responder o que eu deveria fazer nos casos citados acima, uma vez que o unico documento que comprova o pagamento do uso do estacionamento é o cartão, mas precisa ficar no interior do veiculo, deixando o usuario sem comprovante algum.

    De modo que sem uma orientação ao usuario fica muito dificil aceitar um reajuste por um serviço sem nenhuma garantia.

  • Magalhães | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Moço o homi esta com fome de dinheiro, onde vamos parar??? Cruz credo, aja dindin, a prefeitura virou um saco sem fundo, quanta ganancia.

  • Junior | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Parabens prefeito mais uma hen:
    primeiro a agua
    ta lutando pra aumentar a tarifa de onibus
    agora a faixa verde.

    Me desculpe nobre prefeitinho, mas ao inves de fcar decorando mapa da cidade, como o senhor se orgunha em dizer, bairr tal, do lado de outro tal, pelo amor de DEUS, faça ao menos o etico, o q por lei vc dev fazer pela cletividade e não em beneficios proprios.
    To esperando o asfalto do jardim gramado até hoje, seu mentiroso.

  • JTARRUDA | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Pobre realidade, de que adianta pagar por um estacionamento que não lhe da segurança contra roubo? Quando estaciona no centro da capital o dificil é encontrar uma loja ou um verdinho que vende o referido cartão, muita das vezes é necessario caminhar por mais de meia hora para encontrar um local que vendem o dito cartão verde.

Patriota, vários evangélicos e cantor

oscemario daltro 400 curtinha   O nanico Patriota, hoje sem um assento na Câmara de Cuiabá, lançou chapa completa para vereador, com 38 nomes. E pode eleger até dois. A proporcional acaba se fortalecendo porque o partido tem cabeça de chapa ao Executivo, o ex-prefeito por dois mandatos Roberto França. Entre...

Colíder com 2 candidatos desgastados

jaiminho 400 curtinha   Em Colíder, duas figuras bastante desgastadas politicamente estão na disputa pelo Executivo, sendo o prefeito Noboru Tomiyoshi, que fechou aliança com apenas três partidos (DEM, PSD e SD), e o ex-prefeito Jaime Marques (foto), que concorre pelo PSC numa coligação que agrega DEM e...

PP com 25 a vereador projeta 3 vagas

orivaldo da farmacia 400 curtinha   O PP, da base aliada do prefeito Emanuel, conta com 25 candidatos a vereador pela Capital. Deve conquistar entre duas e três vagas. Os principais concorrentes são os já vereadores Orivaldo da Farmácia (foto), Marcrean Santos e Luis Cláudio, além do ex-vereador...

MPE vê prefeita de Torixoréu inelegível

ines 400 curtinha torixoreu   Para o Ministério Público Eleitoral, a prefeita de Torixoréu, Inês Mesquita Moraes Coelho (foto), que se lançou à reeleição pelo DEM, está inelegível. Numa ação de impugnação de registro de candidatura, o promotor...

Candidato amarga derrota na Justiça

adilson gon�alves 400 curtinha   O candidato a prefeito de Barra do Garças, delegado Adilson Gonçalves (foto), tentou, sem êxito na Justiça, censurar o Rdnews na publicação de matérias sobre o pleito eleitoral no município. Numa ação impetrada junto à...

Com certidão pra disputar 1ª suplência

dito lucas 400 curtinha   Filiado ao Podemos, Dito Lucas (foto), que entrou de última hora como primeiro-suplente da chapa ao Senado encabeçada por José Medeiros, assegura que vai apresentar novamente sua certidão junto à Justiça Eleitoral, de modo a provar que sua candidatura é legítima....