Últimas

Domingo, 13 de Setembro de 2009, 19h:42 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:24

SAÚDE PÚBLICA

Aray reage e diz que Soares é mentiroso e incompetente

Ex-secretário Aray da Fonseca diz que Soares teme exoneração  O médico e ex-secretário municipal de Saúde de Cuiabá, Aray da Fonseca, classificou como incompetente e mentiroso o atual gestor da pasta, ex-vice-prefeito e ex-deputado Luiz Soares. Aray se mostra revoltado com as insinuações feitas pelo secretário, de que "herdou" dívidas dos antecessores e chegou a dizer na reunião interna que Aray, a exemplo de Guilherme Maluf, são médicos empresários e que não compromisso com a gestão pública da saúde. “Não deixei nada para ele (Soares) pagar. Quando eu saí o caixa da secretaria tinha R$ 11 milhões. O que aconteceu depois não é minha culpa”, rechaça o ex-secretário, em contrapondo às declarações de Soares durante reunião neste sábado com aliados - saiba mais aqui.

    Aray conta que em 2005, quando assumiu a secretaria, se deparou com dívidas de R$ 11 milhões e com apenas R$ 700 mil em caixa deixados por Soares, que ficou à frente da pasta de 2000 a 2004, durante uma das gestões Roberto França. “Ele (Soares) é um mentiroso. Se alguém aqui é acostumado a deixar dívidas não sou eu. Quem deixou restos a pagar foi ele, não eu”, dispara Aray.

  Ele ainda faz desafios: “Se ele continuar insistindo nessa mentira, eu mostro os documentos que comprovam como eu peguei a pasta e como a deixei”, avisa. Aray da Fonseca lembra que o Tribunal de Contas do Estado chegou a fazer elogios a sua atuação ao aprovar os balancetes e detectar "grandes avanços". “Além de pagar as dívidas, reduz os índices de mortalidade, por exemplo. Ele (Soares) não consegue, por exemplo, conter a dengue”.

    O ex-secretário que trocou o PTB pelo PDT e admite a possibilidade de concorrer a deputado federal em 2010 avalia como uma atitude de “desespero” as acusações feitas por Luiz Soares durante reunião com cerca de 300 servidores neste sábado. “Essa postura é ridícula. Ele está com medo de ser demitido e está ameaçando os servidores”, dispara Aray da Fonseca, primeiro secretário da gestão Wilson Santos, que comanda a Capital desde janeiro de 2005. Soares é hoje o sexto secretário do governo tucano. (Patrícia Sanches)

Postar um novo comentário

Comentários (25)

  • Maga | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Viva Dr. Aray que construiu a obra mais bonita de Cuiabá na saúde privada com R$ públicos. A ONCOMED.

  • julio | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Imagina que o povo é bobo né Dr.Aray. este deve ser o teu pensamento. Será que vc é um samaritano ?? Pára de mentir. Você não pegou dívida alguma na Secretaria de saúde. Alías você aceitou ser secretário porque era uma secretaria sem dívidas. Onde um médico como Aray, com rendimentos privados e na época, com faturamento maior de 60 mil aos mês, iria ser secrtaria de Saúde, onde na época o salário liquido era de R$ 4.500 reais. Seria ele uma Madre Teresa de Calcutá ?? Será que foi com o salário de secretario que modernizou e construiu a nova ONCOMED ?.

  • Glaucia | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Dr. Aray quem foi o conselheiro relator de sua contas no TCE que detectou grandes avanços ? Seria um relator do nível do relator das contas de Lutero, que também foram aprovadas ? Ou o grande avanço que o Aray se refere é no modo de fazer a gatunagem ?? Ah, dá licença, um TCE que aprova contas de Lutero Ponce, não merece ser referência.....

  • marco antonio leal | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Quando leio esses portais fico indignado com os absurdos praticados com o $$$ público. Só não entendo como é que com tantas informações o Ministério Público Federal e Estadual, (porque as denúncias envolvem $$$ do SUS e repasses do Estado), não tomam qualquer providência no sentido de mandar investigar supostos desvios de $$$. Ora, é simples, temos a Receita Federal, a PF e outros organismos para proceder as investigações. A sociedade agradeceria, doa a quem doer!

  • Duda | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    A gestão de Soares não permite que o dinheiro da Saúde sangre na hemorragia da distribuição indevida de AIHs para os hospitais conveniados, ou se esvazie em gastos desnecessários, em licitações perdulárias ou outras formas de corrupção. Soares não é amiguinho de certos donos de hospitais, não lhes presta favores com dinheiro público. Isso incomoda, não é mesmo Dr. Aray.......

  • Silverio Jose | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Dr. Aray não seja massa de manobra do Sindimed, o Sec. Luiz Soares não citou seu nome em momento algum. Não é pratica de estadista fazer política falando mau do antecessor. Isso é mentira e deve ter sido coisa do sindimed. Não entre nesta jogada furada. Esse tipo de pratica o Luiz Soares não faz.

  • Dagmar | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Equivocada a materia que fala que Luiz Soares detonou Aray e Guilherme. Estou pasmo com o teor. Não houve fala de nomes de ninguém. A informação está truncada. Eu estva na reunião, basta perguntar para qualquer pessoa que estava lá.

  • marco tulio | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Estou contigo Arai. Na verdade a atual situação da saúde de cuiabá é mais uma imcompetencia de gestão que o Sr. WS acoberta. Como acontece com o PAC e com o transito. Moderna e solidária só para os familiares e apaniguados. O vacuo político em MT é de tamanha proporção que este gestor descompromissado com o interesse público ainda tem intenção de voto para governador. O cabeção éapenas um detalhe nesta situação, pois o responsável é o prefeito.

  • edson figueiredo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    o aray é gente séria e correta. agora, quem é o senhor marco túlio para falar de wilson santos? vai crescer cidadão, você traiu o ptb para filiar em outro partido em troca de cargo. só com a sua saída é que o ptb começou a crescer, sua incompetencia como agente politico é gritante, e a turma do pdt vai perceber logo, assim como a sua trairagem. agora, lave bem essa boca para falar de wilson santos, primeiro se candidate a alguma coisa, vê se tem meia dúzia de votos pelo menos, depois seja sério em sua conduta partidária, depois respeite uma das lideranças politicas desse estado, wilson santos, que fez sua trajetória politica junto a classe trabalhadora, no voto, foram mais de 20 anos de vitórias nas urnas, e a próxima é ano que vêm para governador, contra o governo dos botinudos, que você, marco túlio, tanto defende e depende.

  • p-edro | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    e isso ai dr aray fale a verdade conte as mentiras do luiz soares e do wilson santos,e volte pra secretaria pelo amor de deus

Com Covid-19 e frequentando a AL

paulo araujo 400   O deputado Paulo Araújo (foto), do PP, está com reinfecção pelo Covid-19 e, mesmo assim, continua frequentando o prédio da Assembleia normalmente, como se não tivesse contaminado. Na primeira vez que foi infectado pelo vírus, também fez igual. Colegas parlamentares e...

2 abstenções e briga pela 4ª Secretaria

silvio favero 400   Dois deputados se abstiveram na eleição da Mesa Diretora da Assembleia desta terça cujo votação foi secreta. Nos bastidores, os comentários são de que as abstenções foram de Sílvio Fávero (foto), que se lançou à disputa e, sequer, teve...

Petista, incoerência e voto contrário

ludio cabral 400   O petista Lúdio Cabral (foto), daqueles parlamentares do morde e assopra, na tentativa de marcar posição, expõe cada vez mais suas incoerências em votação na Assembleia. Na sessão que antecedeu a eleição para a nova Mesa Diretora, provocada pela decisão...

Projeto sobre VI na Saúde está na AL

gilberto figueiredo 400 curtinha   Já está na Assembleia, para votação dos deputados, o projeto do governo que garante retomada do pagamento da verba indenizatória aos profissionais da Saúde que atuam na linha de frente do combate à Covid-19 nas unidades hospitalares, ambulatoriais e...

2 desembargadores vão para TRE-MT

carlos alberto tj 400 curtinha   O Pleno do Tribunal de Justiça define, na quinta (25), em votação secreta e por videoconferência, dois desembargadores que comporão os quadros de comando do TRE-MT pelos próximos dois anos. O ex-presidente do TJ, Carlos Alberto Alves da Rocha (foto), é um dos inscritos...

Primeira-dama pede retorno de auxílio

marcia_pinheiro_curtinha400 Primeira-dama de Cuiabá Márcia Pinheiro (foto), em visita à sede do Rdnews e entrevista ao Rdtv, pede que a bancada federal de MT se mobilize e vote favorável ao retorno do pagamento do auxílio emergencial às famílias em situação de vulnerabilidade. Márcia...