Últimas

Domingo, 08 de Junho de 2008, 17h:50 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:21

INVESTIGAÇÃO

Arcanjo financiou até campanha de Roriz, diz PF

João Arcanjo continua no comando de organizações  O comendador João Arcanjo Ribeiro, homem acusado de comandar o crime organizado em Mato Grosso, mesmo preso, ajudou a financiar a campanha do ex-governador Joaquim Roriz (PMDB-DF), que renunciou ao mandato de senador no ano passado após se envolver em escândalo. É o que revela investigações da Polícia Federal e do Ministério Público. O assunto é destaque na Veja desta semana.

    Segundo a revista, mesmo atrás das grades, Arcanjo continua no comando de ações criminosas em Mato Grosso e no Distrito Federal. Ele financiou a campanha de Roriz e, em moeda de troca, foi agraciado com contratos milionários na área de prestação de serviços de informática, inclusive superfaturados. Os desvios podem chegar a R$ 500 milhões.

   "As ações de Arcanjo não respeitam fronteiras, nem a alternância de poder conseguiu detê-las. As apurações mostram que a quadrilha começou agindo no governo Roriz e, espantosamente, permanece ativa na atual administração, a do democrata José Roberto Arruda, que sucedeu a Roriz com um discurso de moralidade e eficiência administrativa", diz reportagem da Veja, assinada por Diego Escosteguy.

  • Leia a matéria completa aqui ou então aqui (para assinante Veja)

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • JACYARA | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Depois de tantos anos da prisão do Comendador Arcanjo, e de tantos comentários contrários a sua ética de dirigir seus negócios e influenciar pessôas, fico pasmo como a simples menção de seu nome, faz brotar controvérsias apaixonadas, medos e admiração.
    Será que poderiamos, usando o ferramental de Max Weber, encontrar o tipo ideal da contravenção no comendador? Ou um ator carismático?Ou os dois?
    O fato é, um nome com muita força de marketing.
    Entendo que marketing seja, qualquer ferramenta de trabalho que proporcione movimentos, os quais podem ser comerciáis, ou não.
    Acho que temos uma marca, a qual não será esquecida por muito tempo ainda.

  • Marcos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Não concordo com com os meios ilícitos utlizados pelo Comendador Arcanjo.
    Porém não concordo também com diversas pessoas que hj se aproveitam para fazerem criticas ferrenhas contra o Ex Comendador Arcanjo e como sabemos tiravam inúmeros proveitos principalmente financeiros,alguns iam ao extremo e o idolatravam e diga-se de passagem até personalidades da política e da prória polícia militar.
    É isto ai o mesmo não esta aqui para se defender.....querem apostar que se ele sair da prisão amanhã a grande maoiria destes que o estão criticando hj estarão beijando sua mão amanhã...

    Peçam o levantamento feito no BCN e verão quanta figurinha carimbada que pegou dinheiro do Arcanjo.

  • ANA YRONITA | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Eu conheço uma pessoa que veio parar aqui em Roraima pra se esconder. Ele trabalhava diretamente com o Arcanjo, era empregado de confiança dele. Ele por saber muita coisa e ter presenciado muitas mortes encomendadas por arcanjo, se esconder e já fez até plásticas. Ele morre de medo de ser encontrado, pois por ele ter ajudado a polícia e ter traído arcanjo, tem medo de João arcanjo ribeiro mandar matá-lo. Bom, quando ele chegou aqui, minha família acolheu ele e foi essa a históri a que ele contou. Ele chegou aqui com uma mão na frente e a outra atrás. e hoje tem muito dinheiro, so tem carro do ano, mas não trabalha. e sempre que perguntamos como ele tem tudo isso, ele responde que tá incluso no programa de proteção da polícia federal. mas nos fomos checar e descobrimos que é mentira. E agora? Temos muito medo de ele ta fazendo coisas erradas e sobrar pra gente que acolhemos ele aqui em Roraima. Espero resposta.

  • eu | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É Romilson sem comentario tenho vergonha dessa situçaõ é, esse malandro, financiou gregos e troianos, só não consiguiu conroper a minha consiencia.

Silvio provoca debandada no PTB-VG

silvio fidelis 400 curtinha   Silvio Fidélis (foto), afilhado político de Chico Galindo e que se tornou fiel escudeiro da prefeita várzea-grande Lucimar Campos, de cuja gestão é secretário de Educação, provocou debandada geral no PTB local. Inconformado com a decisão de Emanuelzinho de...

PTB tem 25 e deve eleger 2 à Câmara

misael galvao 400 curtinha   O PTB lançou 25 nomes a vereador em Cuiabá. E a tendência é de eleger entre um e dois. As maiores apostas são os seus próprios vereadores: Misael Galvão (foto) e Adevair Cabral, respectivamente, presidente e primeiro-secretário da Mesa Diretora da Câmara....

Retorno à Câmara após 6 mandatos

fulo 400 curtinha   Figura bastante popular, especialmente na região da Vila Operária, Lourisvaldo Manoel de Oliveira, o Fulô (MDB), que foi vereador de Rondonópolis por seis mandatos, está de volta. Hoje suplente, ele assume provisoriamente nesta segunda a cadeira do titular Thiago Muniz, que pediu licença...

Bolsonaro nem aí para políticos de MT

nelson barbudo 400 curtinha   O cerimonial da Presidência da República deu de ombros para os políticos, inclusive para a bancada federal mato-grossense, na visita de Bolsonaro, sexta, em Sinop e Sorriso. Alguns tentaram, de forma insistente, tirar foto com o presidente. E até conseguiram. Mas o capitão preferiu...

Tião com Flávio e "pau" nos Campos

tiao da zaeli 400 curtinha   A maior bronca dos Campos em Várzea Grande hoje é com o ex-prefeito Tião da Zaeli (foto), que motivou o amigo e empresário Flávio Vargas, dono do frigorífico Frical, a entrar na disputa à sucessão municipal. E Flávio conseguiu construir um amplo arco de...

A única dos maiores fora da reeleição

rosana martinelli 400 curtinha   Seis dos 10 prefeitos dos maiores municípios de MT poderiam disputar a reeleição neste ano por estarem no primeiro mandato ou já tendo exercido outros não consecutivos. E, destes, somente Rosana Martinelli (foto), de Sinop, não se recandidatou. Percebeu dificuldades...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.