Últimas

Sábado, 21 de Novembro de 2009, 09h:03 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:24

COMUNICAÇÃO

Arena do Verdão terá sistema de preservação ambiental

   A Agecopa vai adotar medidas de preservação ambiental na construção da arena multiuso do estádio Governador José Fragelli, o Verdão, em Cuiabá, onde serão realizadas partidas do Mundial de 2014. Trata-se de uma exigência da Fifa. “Todos os projetos já aprovados adotam tecnologias para economizar água e energia. Boa parte deles utilizará formas limpas de produção de energia, como o vento ou os raios de sol. Outros coletarão e aproveitarão a água da chuva para usá-la em limpeza, irrigação e nas torres de resfriamento de ar-condicionado", aponta a revista Veja, que circula no Estado a partir deste domingo (22).

   Em Cuiabá, caminhões retirarão o lixo separado ao fim de cada jogo e o levará diretamente às usinas de reciclagem. "Os arquitetos não podem resolver todos os problemas ecológicos do mundo, mas têm de ser sensíveis ao construir, de acordo com as limitações e a cultura locais", diz o grande arquiteto inglês Norman Foster, autor da Ponte do Milênio, em Londres.

   O projeto da arena do Verdão prevê que parte da arquibancada do estádio seja construída em módulos removíveis, para que, depois da Copa, o espaço possa ser mais bem aproveitado para feiras, seminários e shows. Com parceria com a iniciativa privada, o subsolo do estádio de Cuiabá tem a intenção de se tornar o endereço noturno da cidade, com restaurantes e bares. O projeto foi elaborado GCP Arquitetos e Grupo Stadia. Com capacidade para 42,5 mil pessoas, o governo deverá investir R$ 430 milhões na construção. (Andréa Haddad)

Confira as três principais medidas de preservação ambiental:

Água: as águas pluviais serão captadas e armazenadas em reservatórios de 400 metros cúbicos. Servirão para a limpeza dos sanitários e irrigação do gramado, além do sistema de ar-condicionado.

Energia
: apesar de não adotar nenhum sistema alternativo de geração de energia, será implantado um sistema eficiente de consumo. As placas solares irão aquecer a água dos chuveiros e da cozinha.


Material
: o estádio será construído a partir de estruturas pré-moldadas de concreto e de aço, já que resulta uma obra mais barata do que aquelas construídas de maneira convencional.

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • pedro ananias | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Estrutura pré-moldadas??? Eu jamais irei a este estádio. Viu o que aconteceu com a construção do rodoanel em SP. Desabou em cima de carros. Eu hein!

  • Paulo Roberto | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Esses 430 milhões serviria para terminar o hosp.
    regional de Cbá com sobras! O futuro estádio
    será um enorme elefante branco em termos de
    partida de futebol. Não temos times a altura
    para ocupa-lo. Só time sem vergonha!! Com a
    palavra Carlos Orione. Resumindo, quem vai
    ganhar com essa famigerada construção será
    os empreiteiros e alguns políticos e a mídia, que
    mesmo sabendo que esses investimentos no
    Verdão será um dinheiro jogado fora, por convi-
    niêcia a mídia ficam calados......

  • Zeca Medeiros | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • eduardo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    não sei porque dessa insistência com esse módulos de arquibancadas. já está virando até chocota nacional, sendo denominada até de puxadinho. assisti há alguns dias atrás a apresentação da empresa de consultoria contratada para apresentar o projeto ambiental do novo estádio verdão, e confesso que fiquei decepcionado, muito fraco, sem novidades, e muito frágil no estudo ambiental. agora, reciclagem da água, aproveitamento de energia solar e estrutura de concreto pré-moldados é mais um indicador de que o projeto do novo verdão não inova, não há novidades, nada que chame a atenção positivamente, até porque a utilização de água renovável e uso de energias alternativas já é algo rotineiro nos projetos de espaços esportivos. acho que a cabeçinha muito pequena dessas pessoas que estão a frente destes projetos e desse jeito não vamos chegar a lugar nenhum. a fragilidade desse projeto é igual a mente dessas pessoas, voltado mais para atender a interesse financeiro. está falando mais alto a grana do que a tecnologia, a questão ambiental e o design do novo estádio.

Sob efeito-cavalo paraguaio em ROO

thiago muniz 400 curtinha   Em Rondonópolis, o candidato a prefeito, vereador e empresário Thiago Muniz (foto), se transformou num cavalo paraguaio, expressão muito usual no futebol quando se refere a um time que dispara no início do campeonato mas, lá pela metade, começa a cair pelas tabelas. Acreditava-se...

Lula na TV deve afundar mais Julier

lula 400   O advogado Julier Sebastião da Silva, que disputa pela segunda vez a Prefeitura de Cuiabá - na primeira, em 2016, pelo PDT, ficou em terceiro lugar e, agora, pelo PT -, levou para o seu horário eleitoral o ex-presidente Lula (foto). A participação, com pedido de voto para Julier, da maior...

Na contramão dos investimentos

jose wenceslau 400 curtinha   Ao invés de reconhecer e aplaudir a iniciativa do governo estadual, que anunciou investimentos de R$ 9,5 bilhões em obras e ações, sendo R$ 6 bilhões (63%) de recursos próprios, a Fecomércio-MT, sob José Wenceslau Júnior (foto), reagiu com críticas....

Filho de ex-deputado rumo a vereador

willy taborelli 400   O coronel PM da reserva e ex-deputado estadual Perry Taborelli, que concorreu e perdeu para prefeito de Várzea Grande em 2016, lançou de novo o filho à cadeira de vereador. Trata-se do jovem advogado Willy Jacyntho Taborelli (foto), de 32 anos. Desta vez, ele concorre pelo PV. Na eleição...

Beto vê aliado como mais preparado

wellington marcos 400   O prefeito de Barra do Garças, Beto Farias (MDB), tem sido um cabo eleitoral fundamental para o candidato à sucessão municipal, advogado e atual vice-prefeito Wellington Marcos (foto), do DEM. Beto, que está concluindo o segundo mandato consecutivo com 80% de aprovação popular,...

Produtores e a unificação de eleições

antonio galvan 400 curtinha   Mato Grosso pode ter três eleições no mesmo dia, 15 de novembro. Isso porque, além das municipais e a suplementar ao Senado, alguns produtores rurais se movimentam para que a escolha do novo presidente da Aprosoja também seja na mesma data das eleitorais. Inicialmente, o pleito da...