Últimas

Quinta-Feira, 05 de Junho de 2008, 14h:41 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:21

EXECUTIVO

Arrecadação do quadrimestre já aumenta 17,5%

Éder de Moraes, secretário de Fazenda O Estado registrou aumento nominal de 17,52% na arrecadação de ICMS no primeiro quadrimestre deste ano se comparado a igual período de 2007, informa o secretário de Estado de Fazenda, Éder de Moraes. Segundo ele, entre os fatores que elevaram as receitas estão a defesa da ordem tributária e a recuperação da economia. A arrecadação do ICMS, a principal fonte de receita do Estado, cresceu de R$ 1,058 bilhão para R$ 1,244 bilhão de janeiro a abril de 2008 na comparação com os primeiros quatro meses de 2007.

   Para Éder, o desempenho é atípico, visto que a arrecadação costuma ter melhor performance a partir de maio, quando se intensifica mais a comercialização da safra de grãos. Apesar disso, em 2007, Mato Grosso começou a se recuperar da crise econômica iniciada em 2005, impulsionada pelo descompasso entre preços e custos de produção das commodities internacionais. E, para os demais meses de 2008, a expectativa é que, com cenário econômico mais favorável, o desempenho da arrecadação do ICMS se incremente ainda mais.

   O secretário observa que o aprimoramento da sistemática de controle do cumprimento das obrigações tributárias, a intensificação do investimento em tecnologia e a ampliação da percepção do risco fiscal junto aos contribuintes contribuíram substancialmente para o incremento da arrecadação no primeiro quadrimestre de 2008. "Estamos implementando um esforço fiscal nunca antes visto em Mato Grosso. Preparamos um pacote com 36 medidas para aumentar a arrecadação, sem majorar os impostos, como investimento em automação dos procedimentos, sobretudo nos postos fiscais, e na qualificação dos servidores e ações pontuais de fiscalização, junto a segmentos específicos”.

  Ele atribui também o desempenho bem-sucedido da arrecadação ao empenho dos servidores da Receita Pública, do Tesouro Estadual e da Secretaria Executiva do Núcleo Jurídico e Fazendário, em especial dos fiscais e agentes de tributos estaduais, na busca por resultados, principalmente nas forças-tarefas implementadas junto a vários segmentos econômicos, para identificar se as obrigações tributárias estão sendo cumpridas corretamente. (Com Assessoria)

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • Campos Neto | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    DIGNO DE RECONHECIMENTO O TRABALHO DO SECRETÁRIO ÉDER DE MORAES, QUE EM POUCO TEMPO JÁ MOSTROU SEU PULSO FIRME E SUA TOTAL DISPOSIÇÃO EM APERFEIÇOAR OS MECANISMOS DE ARRECADAÇÃO DO SETOR. ESPERO QUE OS BONS FRUTOS DO TRABALHO DE ÉDER SE TRADUZAM EM BENEFÍCIOS SOCIAIS, TAIS COMO GERAÇÃO DE EMPREGO E RENDA.

    CAMPOS NETO, DEPUTADO ESTADUAL

  • agno.solon@terra.com.br | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O único fato triste na atual gestão do Sec. Éder Moraes foi o concurso realizado em 01/06/2008 para o cargo de ATE (agente de tributos estaduais). A estrutura estava boa, com segurança reforçada e até detector de metais. Mas, infelizmente a organizadora do concurso pecou em um detalhe, quem sabe o mais importante, a prova. Muito mal elaborada, com questões mal formuladas, dúbias, faltando alternativas válidas para algumas perguntas e até com várias alternativas válidas para uma única pergunta. Tal fato nos mostra a incapacidade de nossa Universidade Estadual em ser a elaboradora de provas desse nível, ou seja, não está no mesmo quilate de CESPE, ESAF e FCC, organizadoras de concursos de renome nacional. Por que entregar esta prova para a UNEMAT? A quem interessa? Perguntas ao Secretário de Fazenda, que vem demonstrando eficiência e respeito com a coisa pública.

  • giovanni holtreng | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É parece que esse secretário está mesmo a fim de mostrar trabalho que sirva de exemplo para os demais secretários com excessão de dois outros das pastas planejamento e casa civil.

  • João Vergío bittencourt | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Boa éder...não faça como o secretario da casa civil que gasta o dinheiro do povo inventando fantasias, realizando sonhos de infancia ou melhor tá sobrando dinheiro? aplica na saude da população no ensino e não joga fora gastando com luxo para os que apenas passam pelas secretarias. isso é uma vergonha

  • giorgina avarela | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Da proxima vez continue valorizando a unemat, apenas exija que ela seja a univercidade de mato grosso e não tentar copiar unb ou esaf, porque assim ela não será nem uma coisa nem outra, apenas o que ela demonstrou nesta prova incompetencia. é muito triste, tinha esperança que a unemat se destacasse nesta grande oportunidade.

8 candidaturas e Thelma com chances

thelma de oliveira 400 curtinha   Mesmo sem apoio de nenhum outro partido, a não ser do seu PSDB, enfrentando forte desgaste político e rejeição popular e ainda problemas de saúde, se recuperando de tratamento de câncer de mama, a prefeita Thelma de Oliveira (foto) ainda tem chances de...

Niuan de fora da suplência ao Senado

niuan ribeiro 400 curtinha   O deputado federal José Medeiros não conseguiu segurar o vice-prefeito de Cuiabá, Niuan Ribeiro (foto), como primeiro-suplente de sua chapa ao Senado. Há alguns dias, o filho do ex-vice-governador e ex-deputado Osvaldo Sobrinho vinha demonstrando desejo de pular fora, em meio a...

Jayme incomodado com Flávio em VG

jayme campos 400 curtinha   A candidatura a prefeito de Várzea Grande do empresário Flávio Frical (PSB), principal aposta da oposição, passou a incomodar a família Campos, que apoia o ex-vereador Kalil Baracat, concorrente ao Executivo pelo MDB. Em uma noite que seria de festa, em comemoração...

Acordo com Euclides partiu de Allan

allan kardec 400   Otaviano Pivetta, vice-governador licenciado por 30 dias para cuidar de problemas de saúde, disse que nada tem a ver com o tal acordo "costurado" pelo presidente regional do PDT, deputado Allan Kardec (foto), com Euclides Ribeiro, candidato a senador pelo Avante. Explica que só apresentou Euclides para Allan e...

Família Maia tenta retomar o poder

martha maia 400   O ex-prefeito de Alto Araguaia por quatro vezes, Maia Neto, não entrou na disputa de novo ao Executivo, mas lançou a irmã Martha Maia (foto), cuja filha Sylvia Maia é vereadora. Filiada ao PP, Martha entra como principal candidata da oposição ao prefeito Gustavo Melo, que vai à...

Welinton fará grande ato em Barra

welinton marcos 400 curtinha   Welinton Marcos (foto) lança sua candidatura a prefeito de Barra do Garças, na segunda (28), em um grande ato. Mesmo pelo sistema drive-in, devido à necessidade de adotar medidas sanitárias contra a Covid-19, são esperadas na solenidade cerca de mil pessoas, num espaço amplo,...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.