Últimas

Sexta-Feira, 09 de Maio de 2008, 15h:08 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:20

POCONÉ

Arrepiado silencia; vereadores admitem acordo

 O presidente da Câmara Municipal de Poconé, vereador Emir Santos (PMDB), o Arrepiado, preferiu o silêncio a comentar os escândalos acerca do suposto acordo selado entre ele e mais quatro vereadores para comandar o legislativo municipal. A estratégia seria beneficiar a sua vice Ornella Falcão (PSDB) dando-lhe a chance de presidir a Câmara por um ano - leia mais aqui.

  "Não vou me pronunciar. Minha assessoria vai entrar em contato com vocês (RDNews)", disse Arrepiado, desconversando sobre o assunto. Em poucas palavras, ele culpa a oposição por divulgar termos de compromissos até então engavetados. Não negou, porém, que o documento tenha sido fraudado pelos seus opositores.

   Confissão

Ornella Falcão (PSDB), vereadora  Apesar do presidente Arrepiado não admitir, os outros quatro parlamentares envolvidos no escândalos dos acordões confessaram nesta sexta (9), em entrevista à TV Pantaneira e à rádio Transpantaneira de Poconé, que realmente assinaram documentos. Ornella Falcão, principal envolvida e que está de olho na presidência da Câmara, disse que considera o acordo um tanto normal. Para a vereadora, esse tipo de entendimento também é comum no Congresso Nacional e na Assembléia Legislativa.

   Além de Ornella, assinaram termos de compromisso  os vereadores Elvis Arruda (PPS), Antonio Carvalho (DEM) e Lauro Eubank (DEM). Os quatro disseram que resolveram admitir a ilegalidade como forma de fazer com que Arrepiado venha a cumprir o "trato". Na entrevista nesta sexta, dois dias após o RDNews tornar público o escândalo, eles avaliaram que o Ministério Público não pode fazer nada em relação ao caso, pois esses acordos são internos e se tornaram de práxis.

   Por outro lado, os parlamentares evitaram comentar sobre a nota promissória de R$ 50 mil assinada pelo presidente Arrepiado, como parte do acordo. Perguntados sobre a nota, eles sugeriram que a resposta ficasse com Arrepiado, que, por enquanto, "sumiu". (Pollyana Araújo)

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Amigos de Ornella Falcão | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Poconé,não merece ter pessoas como nossa amiga Ornella,nós fomos colegas de trabalho na epoca que Dante de Oliveira foi governador,e ela era acessora de Telma de Oliveira,arrumou tanto rolo e brigou com a maioria dos colegas de trabalho, ela além de ser fofoqueira,maldosa,altoritaria,e ligeira para alterar notas ficais.e contribuiu para a derota de Dante para Senador,isso é pouco a coitada de Telma manteve ajudando ela e sua familia. na campanha para federal, ela traiu Telma. apoiando ROdrigues Palma do PPS,atroco de um apartamento aqui em Cuiabá na onde mora a sua filha já referente o seu esposo ex prefeito de Poconé,LUIZ VICENTE ele era funcionário do senado com Antero na mesma epoca,não sei falar muito dele,só sei que era funcionário fantasma do senado.e também traiu Antero. de um basta nos dois Poconé de otroco neles agora na eleição

  • Gilmar | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Afinal, para que serve o verador? com algumas ecessões são meros omologadores da corrupção e serviçais dos prefeitos.

Um novo embate entre Diane x Adair

diane alves 400 curtinha   Adair José Alves Moreira, que vinha atuando na assessoria do vice-governador Otaviano Pivetta, decidiu mesmo concorrer de novo à Prefeitura de Alto Paraguai. Ele já foi prefeito por duas vezes. Adair será o principal nome da oposição à prefeita democrata Diane Alves (foto),...

Taques ofuscado e sob mira do MPE

pedro taques 400 curtinha   Pedro Taques (foto) achou que o recall dos tempos de senador e governador, ajudando-o a se posicionar de forma razoável nas pesquisas, bem antes do início da campanha, o manteria como favorito na corrida ao Senado. Ledo engano. Não levou em consideração o alto índice de...

2 caciques não disputam Alto Garças

roland trentini 400 curtinha   Após décadas de rixas, de campanhas ostentadoras, rachas e brigas eleitorais intermináveis em Alto Garças, os ex-prefeitos Rolando Trentini (foto) e Júnior Pitucha resolveram não mais concorrer ao Executivo. Mas, um deles segue se movimentando nos bastidores. Pela...

Um ex-prefeito inelegível em Poconé

clovis martins 400   Dificilmente o ex-prefeito petebista Clovis Damião Martins (foto) terá registro de candidatura a prefeito de Poconé deferido pela Justiça Eleitoral. O promotor de Justiça, Mário Anthero, já pediu impugnação do registro do petebista por inelegibilidades. Clovis, que...

Briga em Sinop entre Juarez e Dorner

juarez costa 400 curtinha   Em Sinop, a briga eleitoral caminha para tensão e acirramento entre o emedebista Juarez Costa (foto) e Roberto Dorner (Republicanos). Hoje, o ex-prefeito seria eleito, mas Dorner vem crescendo nas adesões, com ajuda do vice de sua chapa, ex-vereador Dalton Martini (Patriota). O apoio da prefeita Rosana...

França elegível; CNJ desatualizado

roberto franca 400 curtinha   O advogado Rodrigo Cirineu, que assumiu a assessoria jurídica da campanha a prefeito de Cuiabá de Roberto França (foto), assegura que o ex-prefeito está elegível. Explica que o cadastro de inelegibilidades do Conselho Nacional de Justiça, constantando ainda o nome de...