Últimas

Domingo, 04 de Outubro de 2009, 12h:18 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:24

Governo do Estado

Artistas "faturam" R$ 800 mil com 28 projetos culturais

   O ex-secretário estadual de Cultura, José Carlos Vicente Ferreira, tido como um dos principais desafetos do atual secretário Paulo Pitaluga, conseguiu emplacar o projeto “Coleção Municípios na História”. A proposta foi aprovada pelo Conselho Estadual de Cultura, na terceira etapa, categoria literatura, para receber R$ 60 mil pela Lei Estadual de Fomento à Cultura.

   Ao todo, na reunião de 30 de setembro, o conselho aprovou 28 projetos, que custarão R$ 801,5 mil aos cofres públicos. Os mais “salgados” foram inseridos na categoria Cinema, Vídeo e Fotografia. Da baixada cuiabana, Daniela Correa Leite conseguiu emplacar ao custo de R$ 70 mil o projeto “Bolhas de Sabão Desmanchando no Ar”, assim como Betell Leonardo Santa e Cecília Fontes, que apresentaram “O Que Há em Tangará?”

   O cantor João Eloy receberá R$ 18 mil para publicar o livro de poesia Chapada dos Guimarães “Império da Neblina”. Pela categoria Literatura, também foi contemplada com R$ 18 mil a escritora Gilda Barradas, autora da obra “Canção ao Luar”. Pela oficina de formação e capacitação “Viola de Cocho”, Alcides Ribeiro dos Santos vai faturar R$ 11 mil, enquanto Jaime Queiroz de Matos ficará com R$ 10 mil para proferir o curso “Aprendendo com o Mestre Jaime”.

   Dos 28 projetos, 16 são de Cuiabá e dois de Sinop. O restante é dividido entre Várzea Grande, Juina, Rondonópolis, Poconé, Barra do Garças, Tangará da Serra e Santo Antônio do Leverger. A várzea-grandense Silvana de Matos vai receber financiamento de R$ 18 mil para publicar o livro “Na Sombra da Mangueira”, enquanto o rondonopolitano Wander José de Melo ficará com R$ 35 mil para organizar a “Mostra Mato Grosso”, na categoria Artes Visuais.

   Com o projeto de capacitação “Refazendo a Música”, o sinopense Roberto Francisco Trigo obteve financiamento de R$ 10 mil. De Cáceres, Junio José Ferraz conseguiu R$ 20 mil para financiar o vídeo “O Comandante e a Chalana Pantaneira”.

   A escolha dos projetos foi feita pelos 11 membros do Conselho Estadual de Cultura: Vanice Marques, Tânia Mara Arantes Figueira, Jorge Luiz Martins Fefanti, Edilene Lima Gomes de Almeida, Juliana Fiusa Ferrari, Eliane Fátima da Conceição, Wanderley Alves da Silva, Paulo Sérgio de Lima, Luiz Antonio Machado Tolotti, Mauro César Lara de Barros e Cleuta Inez Paixão Rodrigues. O presidente é o cantor Everton da Silva Jesus, o Johnny Everson. (Andréa Haddad)

Postar um novo comentário

Comentários (8)

  • VILSON EMANUEL CORREA | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    OS LIVROS SOBRE OS MUNICIPIOS DE MATO GROSSO, DIGA-SE DE PASSAGEM, UMA PORCARIA. NÃO DÁ NEM PARA PESQUISA DE JARDIM DE INFANCIA DE TÃO RUIM. TA TUDO ENCALHADO.E JOÃO CARLOS INSISTE EM TORNAR-SE ESCRITOR E CONSEGUE SESSENTA MIL REAIS DA SECRETARIA DE CULTURA .TA BRINCANDO! NEM PLAGIAR ELE CONSEGUE. O LIVRO SOBRE OS MUNICIPIOS DO PARANA E BEM MELHOR.

  • Joubert Lobato | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Acho incrível o grau de desinformação e o uso desqualificado de alguns termos. O uso do termo faturam é de enorme ignorância e falta de informação. Faturam aqueles que usam de dinheiro público para benefício exclusivo, como alguns que usam de projetos e não apresentam resultados. Acho que um pouco de respeito aos que buscam valorizar a cultura matogrossense. É bom as pessoas saberem que um projeto responsável não pode ser feito nas coxas, e nem fazendo às custas de favores. Os profissionais envolvidos em projetos culturais devem ser respeitados e tratados como profissionais, recebendo pelos trabalhos como profissionais. Mas devem ser cobrados pela execução dos projetos propostos.

  • CELSO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    VOU USAR ESSE ESPAÇO PARA FAZER UMA CRÍTICA.
    NESSE DOMINGO EU SAI DE CUIABÁ ATÉ UMA VILA PRÓXIMO A CAMPO VERDE CHAMADA CAPIM BRANCO. O QUE ME ATRAIU A ESSE LUGAR FOI UM RECENTE MUSEU DO MARECHAL CÂNDIDO RONDON.
    O TRISTE DESSA HISTÓRIA É QUE SAI QUASE 150 KM E CHEGANDO LÁ, UM LUGAR ACOCHEGANTE, CERCADO POR CORREGOS, AGRADÁVEL A VIDA DAQUELAS PESSOAS QUE LÁ MORAM UM POVO MARAVILHOSO, MAS O MEU OBJETIVO QUE ERA DE VER O MUSEU DESSE QUE É CONSIDERADO O MAIOR HOMEM DA HISTÓRIA DE MT, INFELIZMENTE NÃO FOI POSSÍVEL VER. MOTIVO DE NÃO VER? ESTAVA FECHADO. NÃO ABRE AOS DOMINGOS.
    UM ABSURDO. FICA AQUI A MINHA REVOLTA MAS VOU ENFORCAR UM DIA DE SERVIÇO PARA IR LÁ E CONFERIR ESSE MUSEU, ISSO PORQUE OS NOSSOS POLÍTICOS QUEREM QUE SEJA ASSIM.
    UMA OUTRA CRÍTICA É AO PREFEITO DE CAMPO VERDE. COMO É QUE PODE, UMA VILA PEQUENA, NO MEIO DO MATO, NEM COLETIVO TEM, SE AS PESSOAS QUEREM CONSTRUIR UM BARRACO TEM QUE CONTRATAR UM ENGENHEIRO PARA FAZER A PLANTE E REGULARIZAR NA PREFEITURA. SÃO PESSOAS HUMILDE, COM PODER AQUISITIVO BAIXO, NUMA VILA QUE MAIS PARECE O NOSSO ENGENHO AQUI DE CUIABÁ, EXIGIR PLANTA DE CASINHA.
    UM ABSURDO.

  • Vicente Fereira | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Como esse João Carlos Vicente Fereira tem mamado nas tetas do Governo!! e ninguem vê nada.... O MP está cego e surdo....

  • Clarice Lemos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Claudia de Lima | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Sou de Poconé e resido em Cuiaba, sempre vejo pela mídia a divulgação de que Poconé é contemplado com recursos para projetos culturais, mas onde estão estes projetos que ninguem vê. Precisamos que deem condições aos artesões locais, para que os mesmos possam estar aplimorando e se preparando para a copa. Será que esses recursos algum dia chegará a ele?

  • DONIZETE SENA RODRIGUES | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Olacyr de Moraes | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Esse Conselho de Cultura so dá João Carlos Ferreira e Wanderley da Silva de Poconé. Porque será???

Ibope vê falha na pesquisa de Cuiabá

abilio 400   A  última pesquisa Ibope sobre intenção de voto para prefeito de Cuiabá, divulgada na sexta passada (16) pela TVCA, cujo resultado destoa muito de outras amostragens, foi feita por telefone. E, por causa disso, o próprio instituto, em nota de esclarecimento publicada no próprio site,...

Medeiros x Fernanda e o bolsonarismo

jose medeiros 400 curtinha   Não são apenas Carlos Fávaro (PSD) e Nilson Leitão (PSDB), que se auto-combatem, com um tentando desconstruir a candidatura do outro na corrida pela única vaga em disputa ao Senado. Como num ringue de boxe, José Medeiros (foto), do Podemos, e coronel Fernanda (Patriota)...

Leitão x Fávaro sob efeito-Bolsonaro

nilson leit�o 400   O ex-vice-governador e hoje senador interino Carlos Fávaro (PSD) e o ex-prefeito sinopense e ex-deputado federal pelo PSDB Nilson Leitão (foto) travam uma guerra eleitoral, com críticas mútuas, como se só existissem os dois na disputa para o Senado, quando, em verdade,...

Leverger e ex em palanque separado

francieli magalhaes 400 curtinha   Dois candidatos em chapas majoritárias em Santo Antonio de Leverger, hoje em palanques diferentes, já estiveram juntinhos na vida particular. O empresário Ademilson Dantas de Matos (PV), vice da chapa de Franklin Luis Carvalho (PSDB), foi casado com a petebista Francieli Magalhães...

Prefeito cuiabano vira saco de pancada

emanuel pinheiro 400 curtinha   O prefeito cuiabano Emanuel Pinheiro (foto), que busca a reeleição e havia iniciado a campanha como grande favorito, inclusive com expectativa de ganhar no primeiro turno, se transformou em saco de pancada. Além de Abílio Júnior que o critica e ataca o tempo todo, o que acabou o...

Dal Bosco com 3 na disputa em Sinop

dilceu dal bosco 400 curtinha   Neste pleito eleitoral, a família Dal Bosco se dividiu em três grupos de apoio em Sinop, a chamada capital do Nortão. O ex-deputado estadual Dilceu Dal Bosco (foto) coordena no município e região a campanha à reeleição do senador Carlos Fávaro (PSD). O...

MAIS LIDAS