Últimas

Quarta-Feira, 11 de Junho de 2008, 19h:28 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:21

INVESTIGAÇÃO

Auditoria sobre incentivos inicia na gestão Dante

Pivetta apresenta requerimento, com apoio dos líderes partidários, para a investigação do TCE começar desde 98 e não se limitar a apenas ao governo Maggi

   O deputado Otaviano Pivetta (PDT) apresentou requerimento e já obteve apoio de todas as lideranças partidárias na Assembléia para a auditoria anunciada pelo TCE não se liminar à apuração dos incentivos fiscais referentes ao governo Blairo Maggi, mas também à gestão do antecessor Dante de Oliveira (já falecido). Pela proposta, o cerco à farra dos incentivos fiscais deve começar a partir de 1998, ano em que Dante se reelegeu governador, e não em 2003, quando Maggi assumi o comando do Estado.

  A argumentação de Pivetta é que se a comissão técnica auditora criada pelo presidente do Tribunal de Contas do Estado, conselheiro Antonio Joaquim, investigar a concessão de benefícios fiscais, a partir de 2003, pode transparecer que estaria havendo perseguição à atual administração. Como seu requerimento teve aval de todas as lideranças dos partidos na AL, a auditoria deve redefinir estratégias e começar o trabalho a partir de 98.

   Essa ampliação dos trabalhos, retroagindo à gestão passada, inclui as políticas de incentivos fiscais de um governo do qual fizeram parte os próprios atuais conselheiros Antonio Joaquim e Walter Albano, que foram secretários. Joaquim, que é o presidente da comissão auditora, foi secretário de Infra-Estrutura e de Educação. Albano conduziu a Educação e também a pasta da Fazenda.

   A concessão de incentivos fiscais suscitou polêmica na Assembléia no início do ano. Alguns deputados acusaram o governo de não agir com transparência, ao dificultar a disponibilidade da relação das empresas que recebem milhões em benefícios como forma de atraí-las para Mato Grosso. Algumas indústrias estariam sendo privilegiadas no perdão inicial de tributos. Já a turma da botina, ligada ao governo Maggi, argumenta que a política de incentivos foi mais intensa no governo passado. Agora, pela proposta de Pivetta, o trabalho da auditoria vai abranger as gestões Dante e Maggi.

Postar um novo comentário

Comentários (6)

  • francis | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Na realidade o Deputado Otaviano Pivetta faz pose de paladino da moralidade mas tem contra ele um kg de processos que devem ser levados a publico pela imprensa de todo o País , servindo de dossiê para ser entregue entregue a toda Executiva Nacional e aos parlamentares do Senado e Camara Federal que pertencem ou não ao PDT, mostrando dessa maneira a face dissimulada do mal , verdadeiro artífice da camuflagem , onde os processos e os escandalos das cooperativas, Cooperlucas, desvio de dinheiro, improbidade, envolvimento com sanguessugas e do seu sócio Helmut, ainda mais a nomeação por parte do Deputado Pivetta de pessoa que sequer é filiada ao partido ,para cuidar das finanças do PDT regional emitindo cheques em nome do partido , inclusive usando dinheiro do Fundo Partidário (isso deve ser denunciado no Ministério Publico Federal).
    Bem, de mais a mais o Deputado abriga no seu gabinete pessoas com processos cabeludos (sequestro, agressão, cobrança ilegal etc.) antes de posar de ético o Deputado deve limpar primeiro o seu terreiro.

  • Américo Corrêa | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Senhor jornalista Romilson Dourado,

    É fundamental que o site informe aos leitores que a auditoria a ser realizada pelo Tribunal de Contas de Mato Grosso sobre os incentivos fiscais, a partir de 2003, atende fielmente o que foi determinado pela Assembléia Legislativa, conforme requerimento aprovado em plenário.

    Foram os deputados que decidiram requerer uma auditoria para os últimos cinco anos.

    Atenciosamente,

    Américo Corrêa
    Assessor de Comunicação TCE-MT

  • antonio carlos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Temos que parar com os dois pesos e duas medidas tudo que é feito de errado com dinheiro publico tem que ser investigado.... !!! tem muito desembargador, promotor, conselheiro, deputado, governador, senador, delegado de policia, coronel, etc, que ficaram milhonarios graças ao empurrãozinho dos cofres publico. quando vamos respeitar o erario publico?

    P.s. e o escandalo SecomGates? é as ações da Cemat? nimguem mais fala nisso.

  • solange moura | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    AÍ TEM DEDO DO SECRETARIO DE FAZENDA , EDER MORAES , TACADA DE MESTRE !!!!!!!!!!!!!!!!

  • Joana Michels | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    REALMENTE FOI UMA TACADA DE MESTRE!!!!!!!!!!!!!!!!!!! que se cuide CARLOS AVALONE,VALTER ALBANO , ALDO ROMANI E CIA!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    quem com ferro fere com ferro será ferido!!!!!

  • Bruno Armarildo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Se conselheiro Antonio Joaquim não aprovar esta brilhante ideia do Dep Pivetta, vai ficar muito claro para todos os matogrossenses que ele tem culpa no cartório e usa o cargo para praticas tendenciosas contra o atual Governo.

Para presidente, BRT é ultrapassado

juca 400 curtinha   Numa sintonia política com o prefeito Emanuel, o novo presidente da Câmara de Cuiabá, vereador Juca do Guaraná (foto), disse ser contra a decisão do governo estadual de "enterrar" o projeto do VLT, cujas obras estão paralisadas desde 2014, para implantar o modal BRT na Região...

Prefeito vai homenagear 2 ex-aliados

ze do patio 400 curtinha   O ex-vereador, ex-deputado estadual e hoje prefeito de Rondonópolis, Zé do Pátio (foto), que está no terceiro mandato, vai homenagear dois aliados que faleceram recentemente, sendo eles o ex-vereador de três mandatos Juary Miranda, que foi líder do Executivo na Câmara...

Maluf deve consultar STF sobre Teis

guilherme maluf 400 curtinha   Assim que retornar de férias, o presidente do Tribunal de Contas do Estado, Guilherme Maluf (foto), dará prosseguimento à análise do pedido de aposentadoria de Waldir Teis, que está afastado do Pleno há três anos e cinco meses, assim como outros três conselheiros...

Novo líder de Pátio na Câmara de ROO

reginaldo santos 400 curtinha   Reginaldo dos Santos (foto), que assume vaga na Câmara de Rondonópolis pela quarta vez, é o novo líder do prefeito Zé do Pátio, com a missão de fazer o trabalho de articulação e defesa do Executivo junto aos colegas do Legislativo. Na legislatura passada,...

Agro sugere Daniella de volta no Indea

daniella bueno 400 indea   Representantes do setor produtivo e um grupo de servidores sugeriram ao governador Mauro o nome da médica-veterinária e servidora de carreira Daniella Bueno (foto) para reassumir a presidência do Indea-MT. Aproveitaram a vulnerabilidade no cargo do presidente Marcos Catão Dornelas, denunciado...

Aumento para vereador só em 2022

Alguns vereadores em Cuiabá, tanto novatos quanto aqueles reeleitos, ficaram surpresos quando informados pela Mesa Diretora de que o aumento salarial de R$ 15,1 mil para R$ 18,9 mil, aprovado agora no final de dezembro, só começa a valer a partir de janeiro de 2022. Não entra em vigor de imediato, mesmo se tratando de nova legislatura, por causa da pandemia, que levou o governo federal a estabelecer, em lei, veto a qualquer tipo de reajuste para servidores até...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT optou pela implantação do BRT em Cuiabá-VG em detrimento do VLT. O que você acha disso?

Estou de acordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.