Últimas

Terça-Feira, 18 de Março de 2008, 19h:35 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

SINOP

Baiano critica falta de apoio e as intrigas no PR

 O secretário estadual de Esportes e Lazer, Baiano Filho (PR), se sente dentro de um ninho de cobras. Ele começou a disparar críticas a algumas lideranças do seu partido, um dia após discurso na executiva regional, quando anunciou recuo da pré-candidatura a prefeito de Sinop (a 500 km ao Norte de Capital). Nesta terça no final da tarde, ao desembargador no aeroporto internacional Marechal Rondon, em Várzea Grande, junto com o governador Blairo Maggi e outros líderes de uma comitiva que esteve no Rio para discutir os preparativos visando a Copa do Mundo de 2014, Baiano fez questão de dizer que existe corrente do seu partido (PR) conspirando nos bastidores contra sua pré-candidatura. “Todo mundo está tentando construir candidatura própria. Enquanto isso, tenho dentro do partido lideranças construindo a candidatura de um outro partido”. Apesar de não citar nomes e nem a legenda, Baiano estaria se referindo a um grupo favorável a que o PR apoie o nome do deputado peemedebista Juarez Costa.

    O secretário se mostrou insatisfeito com essa situação. Adianta que, diante desse clima de racha, não se responsabiliza pelo futuro do PR em seu município. “Não quero ser responsabilizado pelo partido se eu tomar a decisão de não disputar as eleições”, avisa. Sem Baiano, o grupo majoritáiro do PR admite buscar alianças com qualquer um dos partidos e grupos que tentam consolidar candidatura própria, menos o DEM. Dessa forma, os republicanos podem fechar acordo com o PMDB de Juarez,  com o PDT de Roberto Dorner ou com o PV de Paulo Fiúza.

   “O momento do Juarez Costa é bom, mas a candidatura do PMDB não é a correta”, afirma Baiano. Ele descarta também o PSDB. “Essa é uma posição clara e definida de que o PR não estará com o PSDB”. Para o republicano, Sinop precisa com um gestor perfil empresarial.

   Réplica

   O prefeito de Cuiabá e presidente estadual do PSDB, Wilson Santos (PR), que também integrou a comitiva na visita ao Rio, ironizou a pré-candidatura do PR em Sinop, numa referência ao nome de Baiano Filho. Ao ser perguntado sobre o por quê do PR não apoiar o PSDB, conforme afirmou Baiano, Santos respondeu: “Quem é o PR em Sinop?. Me desculpe, mas eu não sei”.  O prefeito cuiabano tentou corrigir depois, sob o argumento de que delegou aos diretórios municipais autonomia e que, por isso, ele (Santos) não seria a pessoa mais adequada para falar sobre o partido em Sinop.

  Apesar do tratamento irônico do tucano, o seu partido bate-cabeça em Sinop sobre a sucessão municipal. O prefeito Nilson Leitão, que está prestes a concluir o segundo mandato, se vê impedido de concorrer a um terceiro consecutivamente. O tucanato não tem opção para projeto próprio e já anunciou apoiará um nome do DEM. (Simone Alves)

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • Rodrigo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    essa historia do pr tá muito mal contada precisa de revisão...não podem diminuir o baiano assim. Olha lá PR? Revise sua tática

  • GILVAN | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Baiano Você está junto com a gauchada e paranaennses. Você queria que fosse ninho do que? Esse povo só pensa em acumular.Eles são muito apegados. Acabaram com o Rio Grande e o Paraná, agora estão obstinados em acabar com o Mato Grosso, depois, certamente irão para Rondônia, Pará eo Amazonas.

    Você cavou sua própria sepultura se conluiando com eles, agora aguenta.

  • Ivan Deluqui | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O prefeito Wilson esta coberto de razão ao dizer quem e o pr em SINOP principalmente esse baiano, nem o SINOP EC ele ajuda no estadual de futebol piorou a cidade; outa porque esse baiano não coloca lente de contato azul, verde e vira logo GAUCHO porque de baiano ou matogrossense não tem nada.

    O povo de MATOGROSSO já viu na onde esses gauchos quer chegar e com certeza dara a resposta agora, não deixaremos acabar com a nossa querida FLORESTAS SÓ PARA ENREQUECER esses invasores.

  • Ceará | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    esse Baiano está fazendo muita coisa errada naquela seel... colocou ate funcionario fantasma da casa civil que nunca foi no orgao. fica frio governador.

Misal é reeleito para o 10º mandato

misael galv�o 400 curtinha   Após dois anos fora do comando do Shopping Popular, período em que respondeu pela presidência da Câmara da Capital, o ex-vereador Misael Galvão (foto) voltou à direção do empreendimento, que abriga 500 lojas. E, sob forte...

Oscarlino, Pros e "nocaute" em Gisela

oscarlino 400   Na queda-de-braço dentro do Pros por espaço político, o ex-sindicalista Oscarlino Alves (foto) nocauteou a ex-superintendente do Procon-MT, Gisela Simona. Ele foi um dos filiados que não aceitaram apoio a Abílio na disputa de segundo turno para prefeito de Cuiabá, se aliou ao projeto de...

Promotor recebe medalha do Exército

Mauro Zaque curtinha   O promotor de Justiça Mauro Zaque (foto) foi condecorado com a medalha do Exército Brasileiro na manhã desta segunda (19), no dia da instituição. A solenidade é considerada a segunda maior do Exército Brasileiro, foi reservada por conta da pandemia e contou com a...

Sema reabre os parques em Cuiabá

mauren lazzaretti sema 400   Fechados desde 1º de abril, em obediência às regras de decreto municipal, que suspendiam as atividades coletivas, os parques estaduais urbanos de Cuiabá reabrem nesta segunda (19) para utilização pelo público. Será possível acessar as tradicionais trilhas...

Pilha em Jayme pra disputar o Governo

jayme campos 400   Mesmo sabendo que Jayme Campos (foto) não entra em disputa onde percebe dificuldades para vencê-la e militando no mesmo partido de Mauro Mendes, o DEM, algumas lideranças políticas têm instigado o senador a se lançar ao governo estadual. Para tentar convencer Jayme, lançam...

Scheila assume APDM e cita projetos

scheila pedroso 400   Esposa do prefeito sinopense Roberto Dorner, Scheila Pedroso (foto), primeira-dama e secretária municipal de Assistência Social, passa a tocar, pelos próximos dois anos, a Associação para o Desenvolvimento Social dos Municípios de MT (APDM/MT). Ela promete juntar força com os...