Últimas

Sábado, 31 de Maio de 2008, 09h:30 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:20

JUÍNA

Batista é 1º para vereador; mulher de Ságuas, 2ª

  Pesquisa Mark sobre intenções de voto para vereador em Juína mostra um cenário emblemático, com vários pré-candidatos "embolados" nas primeiras colocações, apesar de uma ligeira vantagem do petista João Batista, que busca um novo mandato. Batista aparece com 5,1%. Nesta amostragem espontânea, o eleitor escolhe o nome do seu pré-candidato sem ajuda de uma listagem. Em segundo lugar e tecnicamente empatada com João Batista está a também petista Josi Moraes, esposa do ex-prefeito de Juína por dois mandatos, deputado estadual licenciado e atual secretário de Estado de Educação, Ságuas Moraes. A margem de erro é de 4% para mais ou para menos. A Mark ouviu 390 eleitores juinenses entre 11 e 14 deste mês. Foi registrada na 35ª Zona Eleitoral de Juína sob número 909/2008.

  Pela amostragem, em terceiro lugar aparece Ailton Barbosa de Oliveira (PP), o Neguinho, com 3,1%, seguido de Zulmar Curzel (PTB), o Carequinha com 2,3%. O presidente da Câmara, Francisco de Assis Pedrozo (DEM), o Chicão, figura em quinto com 2,1%. Outro vereador que vai tentar a reeleição é Wilson Aparecido de Souza (PTB), que aparece na pesquisa com 1,8%. Jair do Detran está com 1,3%, acompanhado de José Oliveira da Costa, o Zezão, e de Antônio Munhoz Sanches, Tuna. O pré-candidato Eduardo da Verdan está empatado com Zé Diniz e Izabel Zaniolo, todos com 1%.

   Dalmo Machaqui aparece com 0,8% junto com o vereador Waldemar Teixeira (PP). A pesquisa da Mark traz ainda Paulão da Cemat, Dorildes, Pacheco, Marta e Nivaldo empatados com 0,5% nas intenções de voto. A suplente Salente Bergoni, Geraldo, Totó protético, Eliana da creche, Celso Nonato, Márcio Gardin, Sebastião Rodrigues, Zulmar Curzel, Aristóteles e Aílton dividem a condição de "lanternas", com 0,3%. Os indecisos somam 48,2%. Hoje, votariam em branco ou anulariam o voto 20%.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Luiz Paulo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Olá.
    Essa pesquisa por ser nova e por esse Blog ser seriu.
    deve ria tirar essa pesquiza que A varios erros ORTOGRAFICOS e de nomes repedetidos.

De MT para USP; governo comemora

gabriel usp ribeiraozinho 400   O governador Mauro Mendes comemorou o fato do estudante Gabriel Rodrigues Ribeiro (foto), de 18 anos, morador de Ribeirãozinho, município mato-grossense com menos de três mil habitantes, ter conseguido ingresso no curso de medicina da USP, considerada a melhor universidade do país. Aos 18...

ICMS e R$ 150 mi a mais a municípios

rogerio gallo 400 curtinha   O secretário Rogério Gallo (foto), da Fazenda, assegura que o governo estadual já enviou para os municípios, no primeiro trimestre deste ano, R$ 150 milhões somente em ICMS arrecadado a mais do que estava previso na lei orçamentária. O valor é 8 vezes...

Fúrio, última ação no MPE e morte

celio furio 400   Célio Joubert Fúrio (foto), que morreu nesta sexta, aos 56 anos, vítima da Covid-19, foi um incansável combatente de atos de improbidade administrativa em MT e na defesa do patrimônio público. Integrava aos quadros do Ministério Público Estadual havia 29 anos. Ele atuou...

Uma petista das causas bolsonaristas

edna sampaio 400   A emblemática vereadora petista Edna Sampaio (foto) se mostra a cada dia defensora das pautas bolsonaristas. Na Câmara de Cuiabá se aliou e vota combinado com os direitistas e conservadores tenente Paccola (Cidadania) e Michelly (DEM). No episódio em que a colega parlamentar fez uma "sarrada"...

Esperança do Procon por candidatura

gisela simona 400   Quem pensa que Gisela Simona (foto), aquela que perdeu para prefeita de Cuiabá e se queimou politicamente ao se aliar a Abílio no segundo turno, não se movimenta politicamente com interesse nas eleições de 2022 está redondamente enganado. Ela tenta, por tudo, reassumir a...

Sorriso tenta aval para conceder RGA

estevam calvo 400   A Prefeitura de Sorriso quer pagar RGA aos servidores, mas não encontrou até agora respaldo legal para assim proceder, considerando a Lei Complementar 173/2020 que, no contexto da pandemia, proíbe reajuste no salário de servidores federais, estaduais e municipais até 31 de dezembro deste...