Últimas

Terça-Feira, 22 de Abril de 2008, 07h:20 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:20

ARTICULAÇÃO

Bezerra ignora Sávio e leva o PMDB para Santos

  O acordão do PMDB para apoiar o  projeto de reeleição do prefeito de Cuiabá, Wilson Santos (PSDB), selado na última quinta (17), em um jantar na casa do vereador Mário Lúcio (PMDB), tem causado estranheza dentro do próprio partido. O vereador Domingos Sávio é um dos que questionam essa adesão. Ex-presidente do diretório municipal, o ex-petista foi ignorado. Foi atropelado pelas ações do cacique Carlos Bezerra, que conduz o PMDB em Mato Grosso há mais de uma década. Agora, está no pacote da aliança e se vê obrigado a mudar o discurso, sob pena até de enfrentar a comissão de ética, o que poderia inviabilizar sua candidatura à reeleição.

    Segundo Sávio, o PMDB cuiabano se precipitou. Observa que, em nível nacional, a discussão gira em torno da formação de um bloco com PT e PR. Além se ancorar no cenário nacional, Sávio tem mais um argumento. Afirma que desde que assumiu cadeira na Câmara faz oposição ao prefeito. A sua contrariedade à gestão tucana foi maior quando o prefeito autorizou o aumento da tarifa do transporte coletivo, ensaiou privatizar a Companhia de Saneamento da Capital (Sanecap) e elevou o IPTU. O vereador lamenta o fato de sua opinião não importar nesse processo. Diz que, sequer, foi consultado. Hoje quem conduz o PMDB em Cuiabá é o vereador Lutero Ponce, presidente da Câmara Municipal. Lutero, aliás, ri à-toa, mesmo sob investigação do Ministério Público por supostos atos de improbidade da Mesa Diretora.

   Contrariedade

  "Tudo que sei é porque acompanho pela imprensa. Ninguém nunca me convidou para essas reuniões. Eles sabem que não sou favorável. Eles podiam ter esperado mais um pouco”, critica Domingos Sávio. Perguntado se sente-se ignorado pelo partido, o parlamentar respondeu que não ficou nem um pouco contente. “Eu poderia ter participado, mas tudo bem. Não tenho problemas com isso. Estou voltado para o meu projeto de reeleição. Tudo é uma questão de se avaliar". Sávio lembra que em 2006, o PMDB fechou aliança com o PPS para apoiar à reeleição o governador Maggi e o deputado Zé do Pátio preferiu se manter neutro. Essa pode ser a mesma opção do vereador.

   Sávio sinaliza que vai manter uma posição de independência, mas admite que vive uma situação de conflito com a bancada peemedebista na Câmara. Em tom irônico, ele disse que não consegue entender “Lutero e o vereador Mário Lúcio podem aceitar tão facilmente o acordo”. “Quando tenho uma posição, eu tenho, mas na política acontece coisas que até Deus duvida”. (Simone Alves)

Postar um novo comentário

Comentários (7)

  • valmir molina | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O vereador Domingos Sávio vai ter que respeitar o partido e apoiar o atual prefeito Wilson Santos,que por sinal,faz um excelente trabalho.Conheço bem o jovem vereador e sei que sua adesão esbarra apenas numa simples conversa com o prefeito.Seja bem vindo ao barco TUCANO nobre vereador.

  • CARLOS ROBERTO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O JORNALISTA CLÓVIS ROBERTO ESTAVA BEM COTADO PARA SER DEPUTADO, FOI SÓ APAREÇER NA TV AO LADO DO BEZERRA PRA COISA DESPENCAR, COM O JULIO CAMPOS FOI A MESMA COISA, PORTANDO..............

  • JUAREZ NEVES | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    AQUI EM JACIARA ESTE TRATOR EMPERRADO - BEZERRA - QUER METER A COLHER E LEVAR O PARTIDO PARA APOIAR O PPS, IGNORANDO A CANDIDATURA PRÓPRIA E O VEREADOR ROBERTO PIRES QUE ARRISCOU O SEU MANDATO POR ESTE PROJETO.

  • Patricia Oliveira Silva | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O vereador Domingos Sávio não deve se meter nesse embaraço político...é melhor ficar longe das Marias vão com as outras

  • Diego SAlles | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Besteira o Wilsom se juntar a Lutero...ninguém merece...vai se queimar

  • Gilson | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Domingos Savio vc é criança ainda pra se meter com esse povo ... larga mão que esse povo ta com pé na cova !!!

  • Benedictos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Votei no Wilson na eleição passada e este ano num seria diferente, mas aghora a coisa muda de figura, moro em -
    Olinda-PE, mas por ser filho de Cuiabá, nunca faltei -
    um pleito ai, mas aghora q o Galinho ajuntou com Sir Quadrupede (Bezerra), este ano vai ser diferente, só vou
    justificar meu voto daqui mesmo.
    Esta aliança enfraquece e esvazia a candidatura de Wilson.

Taisir coordena campanha de Eliene

taisir karim 400 curtinha   O ex-reitor da Unemat e uma das lideranças do PSD na região Oeste, Taisir Karim (foto), que chegou a se lançar de última hora como pré-candidato a prefeito de Cáceres, mas logo em seguida recuou, será o coordenador-geral da campanha de Eliene Liberato (PSB), atual...

Inaugurados 67 km de asfalto da 020

mauro mendes 400 curtinha   O governador Mauro Mendes (foto) inaugurou nesta 5ª a pavimentação de 67,5 km da MT-020, entre Paranatinga e Canarana. Essa estrada faz parte do pacote de obras que foi retomado e já concluído nesta gestão. Foram investidos R$ 45 milhões do governo estadual. O...

Saggin critica "ditadura" e apoia Raye

paulo raye 400 curtinha   O empresário e advogado Sandro Saggin, que desistiu da candidatura a prefeito de Barra do Garças e agora apoia Paulo Raye (foto), do Pros, explica que em nenhum momento os diretórios estadual e nacional do Podemos, de cujo partido é filiado, encaminharam qualquer orientação aos...

Pode abandona Raye e pune Saggin

sandro saggin curtinha 400   Sandro Saggin (foto) amargou outra derrota em Barra do Garças. Inicialmente, seria candidato a prefeito pelo Podemos. Mas resolveu, por conta própria, levar o partido para uma coligação com partidos de esquerda que lançaram o ex-prefeito Paulo Raye, apoiado pelo PC do B, PT e Pros. A...

Ex-vereador recua para apoiar primo

divino 400 barra do bugres   Ex-vereador, ex-presidente da Câmara e empresário bem sucedido, Chico Guarnieri (PTB) não será candidato a prefeito de Barra do Bugres nas eleições deste ano. Guarnieri, que disputou a prefeitura em 2016, até ensaiou, mas recuou ao ver que o primo, pedetista Doutor Divino...

3 ex-prefeitos viram cabos eleitorais

percival muniz 400 curtinha   Dois candidatos de oposição em Rondonópolis têm ex-prefeitos como principais cabos eleitorais. O empresário Luiz Fernando, o Luizão (Republicanos), conta com apoio de Adilton Sachetti, que já comandou o município e perdeu na tentativa de reeleição, e...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.