Últimas

Segunda-Feira, 29 de Outubro de 2007, 11h:41 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

Artigo

Brasil subterrâneo

     Através de informações que nos chegam pelos mais diversos meios de comunicação somos levados a pensar o que é, em que tempo está e o que quer esse enigma chamado Brasil. O filme Tropa de Elite faz uma revelação que está deixando chocada a sociedade brasileira que se descobre financiadora da violência proveniente do tráfico de drogas, através de seus jovens endinheirados. O traficante Abdiel Rabelo em entrevista no JB da época em que foi preso já denunciava como negociadores do tráfico os barões endinheirados das mansões. A prova do que dizia era seu próprio irmão Jabes Rabelo, deputado federal cassado por envolvimento com tráfico.
     Outro dia através da mídia televisiva assistimos, sem, pasmem! nenhum choque social, salvo a honrosa, pertinente e necessária, porém isolada, manifestação da OAB fluminense, a uma caçada de helicóptero a dois prováveis traficantes que corriam, como coelhos, ladeira abaixo no morro. Sob o fogo cerrado do helicóptero, eles morreram. A questão é: não havia nenhuma possibilidade de acuá-los, prendê-los e talvez, sonho meu, como aos grandes do país, conceder-lhes "hábeas corpus" para responder pelo crime em liberdade. Negros e favelados que eram, a sociedade não se indigna. Nenhuma facção religiosa questiona tal fato. Estranho. Muito estranho.
     Através da mídia impressa recebemos a informação de que a bancada ruralista da Câmara tem feito esforços para barrar investigações sobre trabalho escravo no país. Aqui uma dúvida povoa a minha ignorante pessoa, a bancada ruralista é a representante do agronegócio, saudado como a grande força do desenvolvimento do país? Mas, como é que uma sociedade moderna, movida por uma atividade moderníssima, o agronegócio pode usar de expediente de uma sociedade bárbara, como foi o Brasil escravocrata, uma nódoa na nossa história. Qual é o critério que se usa para "escolher" os escravos. Escolhem-se aqueles com cara de "jeca", os campesinos "bobos", aqueles "preguiçosos", que não têm iniciativa para nada, só trabalham sob forte mando? Os senhores de escravos "detectam" e dão a "sentença" de que estes e suas descendências para nada servirão porque estão despreparados para grandes empreendimentos, grandes execuções, grandes negociações com bancos. Num simples olhar e o diagnóstico fenotípico leva a um veredicto genético, pois determina-se que estes e os seus descendentes só servem para trabalhar naquele tipo de trabalho sob aquelas condições. Noticiou-se que ao menos um parlamentar brasileiro teve, em sua propriedade, trabalho escravo. Porém, quando uma bancada parlamentar se une em torno dessa causa, há de se presumir que não é, infelizmente, um caso isolado. Essa classificação de superiores e inferiores a partir de características exteriores levou o mundo à guerra contra um sujeitinho de bigode. A permanecer esse estado de coisas em que existe uma casta brasileira que se traveste, se maquia de moderna e outra, a que sustenta essa maquiagem e que vive em condições subumanas, tornam, infelizmente, sempre atuais os versos de Castro Alves: Que cena infame e vil... Meu Deus! Meu Deus! Que horror! ...E ri-se a orquestra irônica, estridente.....Andrada! arranca esse pendão dos ares.

Elesbão Moreno da Fonseca é engenheiro civil e músico (elesbaomoreno@uol.com.br)


 

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

2 suplentes já estreiam em Cuiabá

alex rodrigues 400   Com menos de quatro meses de mandato, dois dos 25 vereadores cuiabanos reeleitos no ano passado já pediram licença para abrir espaço a suplentes. Diego Guimarães (Cidadania) se afastou por 30 dias. Em sua cadeira está Maysa Leão, do mesmo partido. Marcrean Santos (PP) pediu afastamento...

Governista 2 e o desafio da reeleição

wilson santos 400 curtinha   Wilson Santos (foto), que conseguiu retornar à Assembleia "sangrando" nas urnas de 2018, impactado pelo desgaste pela defesa intransigente do Governo Pedro Taques, se prepara para atravessar outro purgatório no próximo ano, em busca de mais um mandato. O deputado tucano carrega desgaste...

Nobres chora a morte de ex-prefeito

flavio dalmolin 400   A pequena e turística Nobres, de 16 mil habitantes, parou neste Feriado de Tiradentes em comoção pela morte, por Covid-19, do ex-prefeito Flávio Dalmolin (foto). Um cortejo percorreu ruas e avenidas, parou em frente ao estádio municipal Balizão e à prefeitura, onde...

Derrotado ensaia disputa ao Governo

reinaldo morais 400 curtinha   O empresário Reinaldo Morais (foto), o rei dos porcos, está disposto a gastar mais uns milhões com nova candidatura majoritária, agora para governador. No ano passado, concorreu ao Senado e obteve votação decepcionante. Foi o penúltimo colocado numa corrida com 11...

Sicredi recua de comprar praça pública

enilson rios 400 prefeito araputanga   A diretoria do Sicredi nem esperou ser votado na Câmara Municipal o polêmico projeto sobre negociação de uma praça pública no centro de Araputanga para cancelar o negócio. A cooperativa havia "amarrado" entendimento com o prefeito Enilson de Araújo...

Sessão, voto e namoro com cantora

ulysses moraes 400   Na sessão virtual da Assembleia desta segunda, o deputado Ulysses Moraes (foto), do PSL, estava demorando para computar o voto na apreciação de um veto do governador. O presidente Max Russi (PSB), então, cobrou agilidade do colega e brincou, dizendo que agora ele só tem olhos para a Maraisa....