Últimas

Quinta-Feira, 01 de Fevereiro de 2007, 10h:06 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

LEGISLATIVO

Brunetto é agredido a caminho da Assembléia

Sindicalista iria distribuir panfletos contra deputados  

   O sindicalista Gilmar Brunetto, do Movimento Cívico de Combate à Corrupção (MCCC), foi detido e agredido nesta quinta, antes de chegar ao prédio da Assembléia Legislativa para acompanhar a sessão de posse dos novos deputados. Brunetto foi acusado de mandar confeccionar e distribuir panfletos apócrifos contra parlamentares acusados de crimes eleitorais. Ele foi detido e conduzido por policiais civis à delegacia Metropolitana.

    Brunetto conta que estava sentado numa mureta em frente à Famato, próximo à secretaria de Estado de Educação. Aguardava mais três colegas para, juntos, se deslocarem à sede da AL. A intenção era fazer espécie de panfletagem dentro do próprio legislativo, exigindo apuração de denúncias sobre atos de improbidade e de crimes eleitorais contra deputados. O sindicalista afirma que um homem estacionou um veículo e, junto com mais dois, ordenou que entrasse no carro. Brunetto resistiu e começou a gritar. Nesse momento, segundo ele, foi agredido no rosto e nas costas. Disseram-lhe que havia mandado de busca e apreensão de panfletos apócrifos. No momento em que foi interceptado para abortagem da operação, Brunetto tinha em seu poder quatro panfletos, com denúncias do Ministério Público contra membros da Assembléia.

   Gilmar Brunetto foi conduzido à Metropolitana. Acompanhado do advogado da OAB/MT, Vilson Neri, e de Antônio Cavalcanti, o Ceará, membro do Movimento Cívico de Combate à Corrupção, ele registrou um Boletim de Ocorrências e se submeteu a exames de corpo delito. "Se fiz algo errado, não é com agressão que se resolve", declarou Brunetto, que acusa um segurança da Assembléia de tê-lo agredido.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Pedido para TSE definir data da eleição

sebastiao carlos 400 curtinha   Na última quarta (2), um dia após a Câmara aprovar a PEC que adia as eleições municipais para 15 de novembro, André de Albuquerque Teixeira, advogado de Sebastião Carlos, que concorreu ao Senado e um dos que denunciaram Selma Arruda por crimes eleitorais, já...

Uma das apostas do PP para vereador

alex rodrigues 400 curtinha   O PP já tem no rol de possíveis eleitos a vereador em Cuiabá o jovem Alex Rodrigues (foto), de 31 anos. Filho do empresário Valúcio Rodrigues e sobrinho do secretário de Obras Públicas da Capital, Wanderlúcio Rodrigues, Alex criou uma comunidade com mais de mil...

Prefeito, efeito pandemia e a reeleição

ze do patio 400 curtinha   Mesmo com o poderio da máquina, considerada preponderante para cooptar partidos e aliados por causa da oferta de cargos e do assistencialismo, o prefeito Zé do Pátio (foto), de Rondonópolis, terceira em população e segunda no ranking da economia estadual, terá muitos...

Servidores sem pagar os empréstimos

adevair cabral curtinha 400   A Câmara de Cuiabá rejeitou o veto total do prefeito Emanuel e promulgou a Lei 6.547, que suspende por 90 dias o pagamento de parcelas de contrato de crédito consignados tanto dos servidores públicos ativos e inativos da prefeitura quanto da própria Câmara Municipal. A...

Eleição ao Senado junto com municipal

carlos favaro 400 curtinha   A eleição suplementar para uma vaga ao Senado deve ocorrer em MT junto com o pleito municipal, em 15 de novembro. A definição oficial partirá do TSE até o final deste mês. Em princípio, a suplementar estava marcada para abril, mas, por causa da pandemia, foi...

Wellington tem 47 lotados no Senado

wellington 400 curtinha   Com dois meses e meio na cadeira de senador, Carlos Fávaro tem hoje 18 assessores lotados no gabinete, muito aquém do quadro dos colegas Jayme Campos e Wellington Fagundes. O chefe de gabinete de Fávaro é o advogado Irajá Rezende de Lacerda, filho do primeiro-suplente Zé Lacerda....

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Em Cuiabá, o prefeito suspendeu a decisão de implantar rodízio de veículos entre placas pares e ímpares devido à Covid-19. Mas quer debater a ideia. Você concorda com rodízio?

concordo

discordo

tanto faz

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.