Últimas

Quinta-Feira, 22 de Novembro de 2007, 15h:38 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

CUIABÁ

Câmara aprova parecer pela redução de recesso

     A Câmara Municipal de Cuiabá aprovou nesta quinta, por unanimidade, o parecer da Comissão de Constituição e Justiça, reduzindo o recesso parlamentar de 90 para 55 dias. Agora, a matéria será submetida à primeira votação na sessão da próxima terça (27). Se a tendência de aprovação for confirmada, a Mesa Diretora precisa aguardar 10 dias para colocar a proposta em pauta com vistas à segunda votação por se tratar de uma medida que altera o Regimento Interno. Isso deve ocorrer já em 11 de dezembro.

     A expectativa da Mesa é do recesso com prazo de 55 dias passar a ter validade já a partir deste ano. Nesse caso, ao invés de sair de férias no dia 15 de dezembro, os vereadores devem trabalhar mais uma semana, o que prolongaria as atividades até o dia 22. O retorno aos trabalhos ficaria para 2 de fevereiro. O recesso de julho, que hoje é de 30 dias, será encurtado pela metade. Com esse projeto de resolução que altera o Regimento Interno do legislativo cuiabano, os vereadores esperam reduzir o desgaste político junto à sociedade.

     A emenda engloba também outra alteração na Lei Orgânica do Município: o corte da chamada verba extra. Com ela, os vereadores recebem cerca de R$ 800 pela participação em cada sessão extraordinária. No ano passado, por exemplo, cada parlamentar recebeu aproximadamente R$ 8 mil. 

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • ADILSON ROSA | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Os vereadores rejeitaram a proposta de diminuir ainda mais o recesso para somente 30 dias. A proposta do vereador Deucimar, de 30 dias, foi ignorada. Isso demonstra que os vereadores não querem mesmo se equipararem aos trabalhadores comuns. Os assalariados têm somente 30 dias de férias, mas os nossos nobres representantes ainda querem mais 25 dias de descanso, além dos 30 dias. Os nossos representantes perderam a oportunidade de moralizar o legislativo. Uma pena. O recesso de 30 dias seria exemplar.

  • PARAIBA | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    NÃO DA PARA ENTENDER O QUE A CAMARA MUNICIPAL ESTA QUERENDO(OS VEREADORES).O VER.DEUCIMAR TEM UMA EMENDA QUE REDUZ O RECESSO PARA 30 DIAS E ELES APROVAM UMA EMENDA PARA 55 DIAS .DEPOIS QUEREM MORALIZAR.PAU NELES DEUCIMAR.

Para presidente, BRT é ultrapassado

juca 400 curtinha   Numa sintonia política com o prefeito Emanuel, o novo presidente da Câmara de Cuiabá, vereador Juca do Guaraná (foto), disse ser contra a decisão do governo estadual de "enterrar" o projeto do VLT, cujas obras estão paralisadas desde 2014, para implantar o modal BRT na Região...

Prefeito vai homenagear 2 ex-aliados

ze do patio 400 curtinha   O ex-vereador, ex-deputado estadual e hoje prefeito de Rondonópolis, Zé do Pátio (foto), que está no terceiro mandato, vai homenagear dois aliados que faleceram recentemente, sendo eles o ex-vereador de três mandatos Juary Miranda, que foi líder do Executivo na Câmara...

Maluf deve consultar STF sobre Teis

guilherme maluf 400 curtinha   Assim que retornar de férias, o presidente do Tribunal de Contas do Estado, Guilherme Maluf (foto), dará prosseguimento à análise do pedido de aposentadoria de Waldir Teis, que está afastado do Pleno há três anos e cinco meses, assim como outros três conselheiros...

Novo líder de Pátio na Câmara de ROO

reginaldo santos 400 curtinha   Reginaldo dos Santos (foto), que assume vaga na Câmara de Rondonópolis pela quarta vez, é o novo líder do prefeito Zé do Pátio, com a missão de fazer o trabalho de articulação e defesa do Executivo junto aos colegas do Legislativo. Na legislatura passada,...

Agro sugere Daniella de volta no Indea

daniella bueno 400 indea   Representantes do setor produtivo e um grupo de servidores sugeriram ao governador Mauro o nome da médica-veterinária e servidora de carreira Daniella Bueno (foto) para reassumir a presidência do Indea-MT. Aproveitaram a vulnerabilidade no cargo do presidente Marcos Catão Dornelas, denunciado...

Aumento para vereador só em 2022

Alguns vereadores em Cuiabá, tanto novatos quanto aqueles reeleitos, ficaram surpresos quando informados pela Mesa Diretora de que o aumento salarial de R$ 15,1 mil para R$ 18,9 mil, aprovado agora no final de dezembro, só começa a valer a partir de janeiro de 2022. Não entra em vigor de imediato, mesmo se tratando de nova legislatura, por causa da pandemia, que levou o governo federal a estabelecer, em lei, veto a qualquer tipo de reajuste para servidores até...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT optou pela implantação do BRT em Cuiabá-VG em detrimento do VLT. O que você acha disso?

Estou de acordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.