Últimas

Quarta-Feira, 03 de Setembro de 2008, 10h:38 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:21

DECISÃO

Câmara de Sapezal restitui R$ 80 mil ao erário

   Os vereadores de Sapezal foram condenados a restituir R$ 80 mil aos cofres do município, conforme decisão do Tribunal de Contas do Estado (TCE) desta terça (2). O montante será descontado da folha de pagamento dos parlamentares em razão do recebimento indevido de diárias por parte dos próprios vereadores. Além disso, o TCE aplicou multa de R$ 921 ao presidente da Câmara, vereador Manoel Nascimento da Silva, por atraso no envio de balancetes e de informações do Sistema de Auditoria Pública Informatizada de Contas, o Aplic. A multa será recolhida ao Fundo do Tribunal de Contas, o Fundecontas. 

   O valor deve ser recolhido nos meses de setembro, outubro, novembro e dezembro deste ano. Caso não seja pago, a presidência do legislativo se responsabilizará pela restituição. Apesar das diversas recomendações, as contas da Câmara referente ao exercício de 2007 foram aprovadas. O TCE também pediu que os prazos sejam devidamente respeitados quanto ao envio de documentos e informações necessárias para o bom  andamento e lisura do processo de fiscalização.

   Ainda determinou que seja implantado controle interno e que sejam adotadas providências a fim de que as irregularidades descritas no relatório não se repitam no próximo exercício, sob pena de aplicação. (Pollyana Araújo com Assessoria)

Postar um novo comentário

Comentários (8)

  • tche | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    aqui em campos de julio aconteceu a mesma coisa em 2006, se devolveram o dinheiro não sabemos ate agora, e uma pena, mas o comentario e que o seu manoel presidente da camara de sapezal não tem culpa, ela esta e mal assessorado, abra o olho sr presidente em quem esta a sua volta, pois o sr e o vereador que mais faz pelo social em sapezal.

  • carlos roberto | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    DA NADA NÃO, PERTO DOS SEIS MILHÕES DA CHICA, ISSO É ESMOLA.

  • Sabat | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Olá Vamos juntos fazer de Sapezal um exemplo de Brasil dentro do Brasil. Vamos focar nossa visão no Brasil que dá certo e exemplos não faltam em tantos pequenos Municípios nesse país afora. Se dá certo é porque o povo participa das decisões políticas. Quando não há participação popular é lamentável, ainda vamos continuar ouvindo o discurso furado de que quem tem a máquina na mão ganha ELEIÇÃO. Moro no Mato grosso há 23 anos e tudo o que sou e tenho agradeço a esse CHÃO ABENÇOADO. Fiz dele minha NAÇÃO!! Eu acredito que Sapezal possa ser o Brasil que eu quero prá viver. Mesmo morando aqui há 4 anos somente, estou bastante interado do cenário político local. Sempre fui atuante politicamente e aqui não sou diferente. Quando me mudei prá cá em 2004 era época de campanha eleitoral, e por não estar interado com a realidade do Município, não opinei a respeito. Mas hoje é diferente. Tenho pleno conhecimento sobre o que estou manifestando, e ninguém é obrigado a concordar comigo afinal vivemos num regime democrático e é essa diversidade de opiniões que vai ajudar o nosso país crescer. Aristóteles já dizia: “Ser cidadão é uma atividade.” O Estado não possui condições de enfrentar sozinho os desafios de uma gestão do bem público que seja adequada à realidade atual. É necessária a participação do cidadão, exercendo o controle social sobre as ações do Governo. A participação ativa do cidadão no Controle Social pressupõe a TRANSPARÊNCIA das ações governamentais. Para tanto, é fundamental que se construa uma gestão pública que privilegie uma relação governo-sociedade baseada na troca de informações e na corresponsabilização das ações entre o governo e o cidadão. O governo deve propiciar ao cidadão a POSSIBILIDADE DE ENTENDER SEUS MECANISMOS DE GESTÃO, para que ele possa influenciar no processo de tomada de decisões. O acesso à informação SIMPLES E COMPREENSÍVEL para o cidadão é o ponto de partida para uma maior transparência.

  • Anônimo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Lobo Solitario | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É uma vergonha para uma nação, colocar representantes escolhidos em boteco que são candidatos a reeleição falando ao publico que fiscalizam o dinheiro público e não sabem se quer fiscalizar o dinheiro da camara. Vergonha senhores demagogos (peçam pra sair da camara e nem concorram a reeleição, pois isso é a vergonha de um cidadão).
    Caros eleitores como confiar em uma camara que é comandada e não sabe fiscalizar, isso acontece devido a falta de conhecimento e qualificação(escolar) dos senhores vereadores, que falam em educação sendo que o mesmo não os possui.

    indignação de um ex sapezalense.

  • Carlos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Isso é migalhas perto do que já devem ter pego.

    Vereadores gastaram mais de R$150.000,00 mil reais pra se eleger, se acha que já tiraram quanto do povo????

  • CESAR | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    OLHA SÓ O QUE ESTA ACONTECENDO
    VAMOS VER SE AGORA ALGUEM FAZ ALGUMA COISA
    CAMBADA DE LADRÃO FDP

    E AINDA VAI SER ELEITO

    EITA POVO BURRO

  • Carlos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Isso é migalhas perto do que já devem ter pego.

    Vereadores gastaram mais de R$150.000,00 mil reais pra se eleger, se acha que já tiraram quanto do povo????

Mais jovem prefeito sucede familiares

Rog�rio Meira_400 jangada   O mais jovem entre os prefeitos eleitos e/ou reeleitos de MT, Rogério Meira (foto), tem um histórico de vida pública, mesmo tendo apenas 24 anos. Atualmente, ele exerce mandato de vereador por Jangada e foi eleito prefeito da cidade ao obter 1.699 votos, 9 a mais que o...

Base forte de EP para Mesa Diretora

juca do guaran� curtinha 400   A base do prefeito Emanuel Pinheiro para o segundo mandato, embora com quatro virtuais candidatos à presidência da Mesa Diretora, está construindo o discurso de que não pode rachar sob o risco de entregar o comando do Legislativo para a oposição....

Deputado ajudou a enterrar Binotti

neri 400 curtinha   O deputado federal Neri Geller (foto), que se acha um grande líder político, ajudou a enterrar nas urnas o projeto de reeleição do prefeito Luiz Binotti (PSD), derrotado à reeleição. Perdeu para o ex-vice-prefeito Miguel Vaz (Cidadania), que contou com apoio do ex-prefeito e atual...

Euclides "torra" R$ 8 mi na campanha

euclides ribeiro 400 curtinha   O advogado milionário Euclides Ribeiro (foto), que tem na carteira de clientes grandes produtores rurais, registra R$ 8,2 milhões de receitas e despesas de campanha ao Senado. Concorrendo pelo Avante, Euclides só chegou a 58.455 votos. Ficou em nono lugar, à frente apenas de Reinaldo...

Fávaro é quem mais gastou ao Senado

carlos favaro 400 curtinha   O senador reeleito Carlos Fávaro (foto) foi o que mais gastou na campanha. Oficialmente, arrecadou R$ 11,7 milhões. As maiores contribuições financeiras vieram de empresários do agronegócio. Orcival Guimarães, dono de rede de empresas de implementos agrícolas, doou...

Beto deve repensar projeto a federal

beto farias 400 curtinha   A derrota nas urnas do seu afilhado político, vice-prefeito Wellington Marcos (DEM), que tentou o Executivo de Barra do Garças e ficou em segundo lugar, obtendo somente metade dos votos em relação aos atribuídos ao eleito Adilson Gonçalves, pode levar o prefeito Beto Farias (foto)...