Últimas

Quarta-Feira, 21 de Novembro de 2007, 20h:55 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

CUIABÁ

Câmara deve votar nesta 5ª redução do recesso

  A Câmara Municipal de Cuiabá, que tenta superar o desgaste público, deve incluir na pauta na sessão desta quinta e já aprovar um projeto que reduz o recesso parlamentar de 90 para 55 dias. A tendência é da maioria dos vereadores darem apoio à idéia. Já em fase de pré-campanha, ele temem se opôr publicamente à redução do período de mordomia e enfrentar mais desgaste ainda.

   Como havia três projetos similares, apresentados pelos vereadores Ivan Evangelista (PPS), Deucimar Silva (PP) e pelo presidente do legislativo, Lutero Ponce (PMDB), a Mesa Diretora resolveu, então, criar uma comissão especial para produzir uma mensagem de consenso. Essa proposta foi apresentada nesta quarta e aprovada pela Comissão de Constituição e Justiça. Alguns vereadores estavam articulando junto ao presidente Lutero para que ele incluísse o projeto na pauta desta quinta.

   Hoje, os 19 vereadores cuiabanos, que recebem R$ 7,5 mil mensais de salário cada, usufruem de três meses de férias. Os trabalhos são interrompidos por 30 dias em julho e depois entre 15 de dezembro a 2 de fevereiro. Pela proposta, o recesso ficaria limitado a 15 dias no meio do ano e a 40 dias entre dezembro e início de fevereiro, a exemplo do que já ocorre na Câmara dos Deputados e no Senado.

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • Marcos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Caro Romilson

    Acredito que o Sr. Juca do Guaraná não conheça o municipio de Várzea Grande.

    Pois Várzea Grande é uma cidade de porte médio que infelismente não teve nenhum planejamento ao longo da sua existencia.

    Várzea Grande na realidade paga um preço muito alto pelo seu crescimento desordenado com um sistema viário sem planejamento, com varios loteamentos sem nenhuma infra - estrutura (inclusive o do Cons. Júlio Campos).

    Várzea Grande era na realidade para ser uma das cidades mais modernas do estado de Mato Grosso pois teve como Governador o Cons. Júlio e o Senador Jayme no entanto é uma cidade sem nenhuma infra - instrutura para exemplificar todo mundo faz severas criticas ao sistema de aguá no municipio, agora eu pergunto qual foi o investimento em rede de agua e esgoto ali (inclusive do Cons.Júlio).

    Várzea Grande precisa hoje de um prefeito com novas idéias e com disposição para enfrentar uma cidade em estado de precariedade, não apenas pela pessima adm atual mas pela falta de administrações anteriores.

    Acredito que o Sr. Juca conhece de Várzea Grande apenas o trajeto até a casa do Cons. Ary de quem é amigo.

  • Assessoria Vereador Deucimar | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Realmente todos nós estamos surpresos com a colocação em pauta da proposta de recesso parlamentar para 55 dias na sessão de hoje, pois, o Vereador Deucimar ao iniciar seu mandato no começo deste ano, a primeira matéria em que se dedicou foi na diminuição do Recesso Parlamentar da Camara de Cuiabá de 90 dias para 30 dias.
    A justificativa para essa proposta se dá principalmente pelo fato de que, se os trabalhadores com vinculo empregatício possuem juridicamente 30 trinta dias de férias anual, por que a veneranda que trabalha por nossa sociedade fica tanto tempo em gozo de férias?
    Ademais, nesta matéria do RDnews diz que a Mesa Diretora resolveu criar uma comissão especial para produzir uma mensagem de consenso e essa proposta foi apresentada nesta quarta e aprovada pela Comissão de Constituição e Justiça.
    Ora, o Vereador Deucimar participou desta reunião, é membro da CCJ e nenhum momento cogitaram a retirada da proposta de 30 dias.
    Parece que tem algo muito errado nessa história.

    Mas, estamos aqui para deixar claro que iremos lutar até o fim para que essa proposta de 30 dias de recesso na Camara de Cuiabá seja aprovada.

  • aurora | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Poizé, vcs nao acham que 55 dias continua muita mordomia?? deveriam colocar em pauta a proposta do vereador Deucimar que quer 30 dias de recesso, o que é mais justo, pois, o trabalhador-empregado tem 30 dias.

    É ... infelizmente nao é essa proposta que vai ser votada, então, que continuem na mordomia!

EP na batalha por vacinas e insumos

emanuel pinheiro 400 O prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro (foto) entrega nesta segunda (8) PL para a aquisição de vacinas para combate à Covid-19, medicamentos, insumos e equipamentos. O documento foi elaborado pela Frente Nacional dos Prefeitos (FNP) e será votado na Câmara. Esse é mais um movimento...

Fúrio volta à carga contra secretário

celio furio 400 curtinha Depois de se enganar ao abrir investigação contra o secretário de Saúde Gilberto Figueiredo e ter de pedir desculpas, o promotor Célio Fúrio (foto) voltou à carga. Fúrio entrou na Justiça para que Gilberto seja condenado à perda da função...

TJ e posse em cartórios após 7 anos

maria helena _ curtinha O Tribunal de Justiça, sob Maria Helena (foto), marcou para 31 de março a posse coletiva dos aprovados no concurso para os cartórios extrajudiciais de Mato Grosso. O certame vem se arrastando desde 2013 e foi interrompido diversas vezes por causa de recursos judiciais de concorrentes inconformados com os...

Setores vivem tensão e são castigados

Gilberto Figueiredo Artigo O governo acerta ao estender o horários de funcionamento dos supermercados. Afinal, desde que o decreto entrou em vigor, as filas se multiplicaram pela Capital, aumentando o risco de transmissão do novo coronavírus. Há a expectativa de que novas medidas possam ser tomadas diante do evidente colapso da...

Limpeza e obras no entorno da Arena 

Beto 2x1 400 curtinha   Apesar da Arena Pantanal ser um cartão postal do Estado, o entorno do estádio vive situação crítica com lixo nas ruas, episódios de esgoto à céu aberto e matagal. O secretário estadual de Esporte e Cultura, Beto 2 a 1 (foto), em visita ao Rdnews, assegura que os...

VI de R$ 18 mil garantida na Câmara

juca 400 curtinha A verba indenizatória de R$ 18 mil para os vereadores da Câmara de Cuiabá está garantida, pelo menos por enquanto. Depois de diversas ações judiciais, derrubando a alta indenização por gastos do mandato, os vereadores implantaram o benefício novamente em dezembro. O...