Últimas

Terça-Feira, 17 de Junho de 2008, 09h:33 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:21

CUIABÁ

Câmara mal começa e já suspende a sessão

   A sessão ordinária da Câmara de Cuiabá desta terça (17) mal começou, às 9h, e já foi suspensa por falta de quórum, ou seja, pela ausência de vários parlamentares em plenário. O fato se tornou uma rotina no parlamento cuiabano. Praticamente todas as sessões são suspensas por alguns minutos. O curioso é que a suspensão deveria ser de 15 minutos, mas normalmente demora ao menos meia-hora para retornar.

   O Legislativo da Capital realiza duas sessões semanais, às terças e quintas. Fora esses 2 dias, os 19 vereadores não têm obrigação de comparecer à Câmara. Cada um recebe um salário de R$ 7,5 mil, além de uma série de privilégios. (Pollyana Araújo)

   Os atuais 19 vereadores:

  • Lutero Ponce (PMDB)
  • Domingos Sávio (PMDB)
  • Mário Lúcio (PMDB)
  • Lúdio Cabral (PT)
  • Enelinda Scala (PT)
  • Luiz Poção (PP)
  • Levi de Andrade (PP)
  • Marcus Fabrício (PP)
  • Márcia Campos (DEM)
  • Luiz Marinho (DEM)
  • Edivá Alves (PSDB)
  • Lueci Ramos (PSDB)
  • Júlio Pinheiro (PTB)
  • Clovis Hugueney, o Clovito (PTB)
  • Chico 2000 (PR)
  • Francisco Vuolo (PR)
  • Permínio Pinto (PSDB)
  • Ivan Evangelista (PPS)
  • Éden Capistrano (PSDB)

(Às 9h42) - Sessão retorna após 40 minutos de suspensão

   A sessão retornou após mais de 40 minutos de suspensão, com a leitura da ata feita pelo primeiro-secretário da Câmara, vereador Luiz Poção (PP).

(Às 10h19) - Lúdio apresenta requerimento e cobra prefeito

   O vereador Lúdio Cabral (PT) apresentou um requerimento nesta terça com vistas a cobrar do prefeito Wilson Santos (PSDB) documentações referentes ao programa QualiSUS. Segundo o petista, o governo federal liberou R$ 8,8 milhões ao programa. Esse recurso deve ser destinado à reforma das policlínicas do Verdão, Planalto e Coxipó. Também deve ser usado em obras para melhoria do atendimento do Pronto Socorro de Cuiabá.

(Às 10h45) - Sindicalista repudia portaria criada por Soares

   A representante do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais (Sispumc), Maria Ângela Conceição, foi à Câmara nesta terça (17) para manifestar repúdio à Portaria 021/2008 criada pelo secretário de Saúde de Cuiabá, Luiz Soares. Maria Ângela considera absurdas  as exigências previstas na portaria que vetam o direito dos servidores de receberem o prêmio Saúde. Nesse caso, aquele que pegar licença médica, licença maternidade e atestado de óbito em família para justificar o motivo da falta não terá direito ao benefício que equivale a 60% do salário de cada trabalhador.

   Além disso, ainda retira o "prêmio" daqueles que aderirem às eventuais greves do setor. "Na verdade essa portaria é uma verdadeira coersão aos servidores. Há profissionais doentes que estão cuidando de outros doentes, pois não temos o direito de apresentar um atestado médico". A sindicalista avalia que quem deve julgar greves não é o Executivo, pois existem outras instâncias para cuidar desses casos.

  O vereador Mário Lúcio (PMDB) aproveita o momento e diz que o prefeito Wilson Santos (PSDB) errou na escolha do secretário Luiz Soares. "Acho que foi uma infeliz escolha do prefeito ao escolher o Luiz Soares". (Pollyana Araújo)

Postar um novo comentário

Comentários (6)

  • JOSÉ CARLOS ARRUDA | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    ESSA TURMA AINDA QUEREM A REELEIÇÃO. PELO AMOR DE DEUS VAI MECHER COM OUTRA ATIVIDADE. O POVO NÃO MERECE TANTO DESCASO.

  • Paulo Mattos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Por essas razões, dentre outras de muito maior gravidade, os eleitores de nossa Capital devem substituir completamente, pelo voto, os atuais ocupantes do Legislativo Municipal. Seja pela incompetência, seja pelo descompromisso com o seu povo, seja pelo descaso com que tratam os problemas municipais, seja pela letargia demonstrada pelos vereadores, devem eles serem expurgados do cenário político matogrossense, pois que, reiteradamente, deixam de cumprir suas obrigações de legislar, de acompanhar os comunitários, de resolver seus problemas, de contribuir para o crescimento e desenvolvimento de nossa terra e de nosso povo. Tanto faz, atualmente, nossa Câmara ter como não ter Vereadores. Não faz diferença alguma. De qualquer forma eles não existem, são inoperantes, incompetentes, tanto que a nossa Câmara Municipal, hoje, nada representa para a população. Só uma perguntinha final: no final do mês, será que falta quórum de Vereadores nos Bancos ?

  • CARLOS ROBERTO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    PODE ACREDITAR, O POVO AINDA VAI VOTAR NESSES VERMES.!!

  • Maria do CPA 4 | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Lúdio quer fazer gracinha, pois recebo pelo correio todo mês a prestação de contas da secretaria de saúde e sei que foi aprovado esse montante que lúdio falou, mas so foi liberado menos da metade, e com esse dinheiro ja foi feito uma nova UTI no PS, e as policlinas estão em reformas e ampliação. Lúdio deveria seir do gabinete e andar pela cidade e ver o quanto a área de saúde está crescendo e produzindo. Aliás ele tem vínculo como médico no Osmar cabral e só aparece por lá 1 ou 2 vezes na semana, deveria dar exemplo e não ganhar dinheiro público na mamata.
    Essa Maria ângela é uma desinformada, pois o prêmio saúde não é complemento de salário, como o nome já diz é um PRÊMIO que é ofertado ao servidor para incentivá-lo a não faltar e melhorar a prestação de serviços e informações, para isso tem uma portaria que institui o prêmio saúde. Esse prêmio visa aumentar a satisfaçãp do usuário SUS em cuiabá, para tanto tem uma regulamentação que deve ser cumprida sem exceção.
    Quanto ao Ver. Mário Lúcio, ruim mesmo foi ele ter sido leito vereador para Cuiabá, pois não faz nada e sómente fica barganhando cargos e benefícios para ele. Quando os outros secretarios que passaram pela saúde todos os outros 5 nada fizeram, não aumentou nenhum serviço novo, fizeram barganhas e coisas erradas com o dinheiro público, porém Mario Lúcio era um dos vereadores que devia achar ótimo, pois estava se beneficiando, inclusive com indicação de uma irmã dele que é gerente do centro de saúde do Jd. Imperial e não cumpre o horário nem as funções pois trabalha em outro órgão (CONAB), para isso o Mario Lúcio é bom. Agora que o PMDB deixou de apoiar Wilson ele quer dizer que tudo tá errado. Olha o discurso vereador, senão pode acontecer o que acontecer na sua investida para Deputado, um FRACASSO nas urnas, talvez aconteça o mesmo agora.......
    Abram os olhos cidadãos cuiabanos................

  • ANTONIO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    - SÓ GOSTARIA DE SABER COMO É QUE CONSEGUEM COMPRAR TANTOS BENS, COMO IMOVEIS, FAZENDAS, CARROS IMPORTADOS E TODOS OS GASTOS QUE SÓ MILIONARIO AGUENTA, E AINDA ARCAR COM UMA CAMPANHA POLITICA QUE EM VALORES É UM ABSURDO E SOMANDO TUDO O QUE GANHARAM NA GESTÃO NÃO CORRESPONDE EM VALORES.
    - COMO É FEITA ESSA FISCALIZAÇÃO ?? QUEM OLHA O IMPOSTO DE RENDA DELES, QUANDO ENTRAM E QUANDO SAEM ???? DÁ IMPRESSÃO DE QUEM QUER FICAR RICO NESTE PAIS, TEM QUE SER POLITICO, POIS TRABALHANDO NÃO DÁ ???? FISCALIZAM TANTO O POVO E AS EMPRESAS QUE NÃO TEM COMO GANHAR DINHEIRO, SÓ ROUBAMDO MESMO, TAI FUI..........

  • Joana | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Acho muito bonito ter alguém nesta cidade que defende o prefeito com tanto fervor ótimo sei agora que existem pessoas cegas e tapadas que não conhecem mesmo a situação da nossa cidade da verdadeira situação da nossa saúde, o nosso pronto socorro é uma verdadeira vergonha, rezamos para que um parente não adoeça para que não seja preciso usar os serviços do pronto socorro, porque ali sim as pessoas são jogadas de um lugar para outro sem si quer ser visto como ser humano.
    Quando falamos da nossa central de regulação essa sim é muito caótico seus serviços prestados a nossa saúde,é preciso que os parente dos doentes que estão internados nas unidades ficam todos os dias cobrando da central os seus exames serem autorizado. Sem falar nas inúmeras cirurgias de anjioplástia que já foram autorizada para a Amecor e até hoje os paciente estão aguardando serem chamados para fazer cirurgia, a espera chega mas de 1 ano por pessoas na fila.
    Maria do cpa é por essas dificuldades e problema que o VEREADOR LÚDIO CABRAL vem lutando para que melhore a nossa saúde então se liga e presta atenção para quem trabalha nesta cidade.
    O MEDICO LÚDIO CABRAL TRABALHA SIM DE SEGUNDA A QUARTA FEIRA NO OSMAR CABRAL COMO UM EXCELENTE MEDICO
    Enquanto as seções da Câmara são estipuladas por Lei que os Vereadores da nossa cidade tenham seções duas vezes por semana.
    Para de assistir novela e se liga nos problemas da nossa cidade ok; e veja quem realmente trabalha ....

Beco do Candeeiro só abrirá em abril

Carlina 400   A secretária municipal de Cultura, Esporte e Lazer, Carlina Jacob (foto), em visita ao Grupo Rdnews, revelou que a revitalização do Beco do  Candeeiro, que foi concluída em janeiro, será entregue à população em abril, nas comemorações dos 302 anos de...

Águas, expansão e investimentos

william figueiredo 400 aguas cuiaba curtinha   O diretor-geral da Águas Cuiabá, executivo William Figuereido (foto), disse, em visita à sede do Rdnews, quando aproveitou para conceder entrevista à tv web Rdtv, que a concessionária já distribui água para toda Cuiabá e que, em quase quatro anos...

Creci combate empresas irregulares

benedito odario 400 curtinha   O presidente do Conselho Regional de Corretores de Imóveis do Estado, Benedito Odário (foto), aproveitou a operação desenvolvida na quinta, com apoio da Polícia Civil e da Decon, para enfatizar que não dará trégua àquelas empresas que, irregularmente,...

Cuiabá paga fevereiro aos servidores

emanuel pinheiro 400   A Prefeitura de Cuiabá quitou nesta sexta (26), último dia útil do mês, a folha de fevereiro. Desde quando assumiu o Palácio Alencastro, em janeiro de 2017, o prefeito Emanuel Pinheiro (foto) tem conseguido pagar o funcionalismo dentro do mês trabalhado. Aliás, essa prioridade,...

3 deputados sob certa cordialidade

janaina riva 400 curtinha   Max Russi, Eduardo Botelho e Janaina Riva (foto), que mandam na Assembleia, demonstram entre eles um certo clima de cordialidade, mas chegaram a entrar em queda-de-braço até fechar um novo acordo político sobre a Mesa Diretora. Com a decisão do Supremo de veto a Botelho no comando do...

Expediente na AL só a partir do dia 8

max russi 400   Por causa do aumento da taxa de incidência de Covid-19 entre servidores e parlamentares, as atividades presenciais da Assembleia foram suspensas na quinta (25). O expediente só retoma em 8 de março. Neste período, estão sendo mantidas somente as atividades estritamente essenciais para o...