Últimas

Quinta-Feira, 31 de Julho de 2008, 13h:57 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:21

RUMO ÀS URNAS

Candidato gay, Valdomiro defende união estável

Valdomiro Arruda (PTB) no santinho da campanha  Único candidato homossexual que concorre a uma vaga na Câmara de Cuiabá neste ano, o colunista social Valdomiro Arruda (PTB), adiantou que, se eleito, sua principal proposta parlamentar será em defesa da união civil estável entre os casais homossexuais e a legalização da adoção de crianças. "Há muitas pessoas (homossexuais) que estão juntas, mas acabam não tendo direito à nada que construíram juntos". Ele lembra que tem um amigo, também homossexual, que viveu 16 anos com outra pessoa, que faleceu, e não teve direito aos bens adquiridos pelos dois, pois a família do falecido não foi favorável à partilha.

    Valdomiro diz que, se for eleito a uma das 19 cadeiras do legislativo cuiabano, não teme sofrer preconceito por parte dos colegas vereadores. Até porque, segundo ele, durante a convenção partidária deixou clara sua posição. "Eu disse que era o único candidato gay e que defendia as causas gays". Avalia ainda que não deve sofrer represália pelos eventuais parlamentares evangélicos, para quem estão equivocados quanto à conversão religiosa dos homossexuais. "O cara nasce gay e vai ser gay até morrer".

    O candidato do PTB afirma que nunca sofreu nenhum tipo de preconceito por ser gay, mas por ser negro. "Já sofri preconceito por ser negro. Por isso, sou contra todo tipo de preconceito". Conta que resolveu lançar candidatura sob incentivo dos amigos e por estar envolvido no meio político, enquanto colunista social. "Um dia um amigo me disse: porque você não entra na política, já que sempre está envolvido em ações sociais".

   Por ser homossexual, Valdomiro avalia que a campanha não será fácil, porém, "alegre". "Sei que a campanha será difícil, mas minha campanha será muito focada no público GLS (Gays, Lésbicas e Simpatizantes)". Ele defende ainda que os homossexuais são trabalhadores e, desse modo, não vê motivo para o preconceito. "Pode ter certeza que você não vê nenhum gay pedindo esmola nas ruas. Normalmente, ele (homossexual) é 100% bom no que faz e, por isso, precisa ser mais respeitado pela sociedade".

   Outra proposta defendida pelo petebista é a aprovação da Lei de Homofobia, que ampara os homossexuais que são vítimas de discriminação. O projeto tramita no Congresso Nacional desde 2001. (Pollyana Araújo)

Postar um novo comentário

Comentários (19)

  • Edson | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Na minha opiniao meu glorioso AMIGo deveria continuar era fazendo festinhas e puxando saco dos riquinhos, pois na poltitica o TRANCO é mais embaixo e o pobre coitado em epigrafe não aguentara !!! Alias, ja esta ficando pra traz ate mesmo no raminho do colunismo, imagina na politica !!!!

  • Senhor Entediado | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O site esqueceu de informar o seguinte no inicio da matéria, Único candidato homossexual... Ouso corrigí-los, único assumido homossexualmente!!!!! rsrsrs.

  • David Lima | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O candidato Valdomiro Arruda merece sim lutar por um desejo, por uma vontade, principalmete ele que já vivenciou muitas campanhas politicas em MT(Cuiabá e Varzea Grande) e sempre perto dos vencedores, ou melhor dos eleitos. E desta vez se oferece como cidadão em proteger o cuiabano dentro da camara dos vereadores, mesmo que assumido gay sempre teve uma postura de gente do bem, e com idoneidade o suficiente para disputar o pleito. Colunista pelo diário de cuiabá um jornal de respeito e de notoriedade nacional por ser o jornal mais antigo do estado, sempre realizando eventos e não festinhas como um outro cidadão disse ai em cima, são eventos de grande porte e que sempre tem um ou outro, quando não digo todos os colunistas envolvidos pois nesta terra o colunista é uma pessoa muito mais importante que qualquer autoridade politica e artistica, sendo bem relacionados nacionalmente com os grandes eixos onde o PIB do brasil circula e teve hombridade suficiente em assumir a candidatura e de defender a bandeira gay de mato grosso. Boa sorte valdomiro e conte com meu voto.

  • Fernanda | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O candidato a vereador não é diferente de nenhum outro concorrente ao pleito municipal. Valdomiro Arruda em sua campanha está divulgando uma de suas propostas, se eleito certamente irá colocar em prática.

  • Aparecida | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Colega voce esqueceu de mim também sou candidata a vereador..Sou a Cida do Camelô 45045 sou homesexual assumida e tambem defendo a causa gls meu número é 45045

  • Felix Arruda | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    literalmente ele vai levar pau nas eleições!!! risos e mais risos

  • CARLOS ROBERTO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O VALDOMIRO É UM CARA 100%, BATALHADOR E HUMILDE, SÓ ELE VALE POR ESSA CÂMARA INTEIRA.

  • Natalia | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Nossa ele não sabe nem o que está falando, ou quer ganhar populismo querendo enganar o povo que vai criar lei que a prerrogativa não é do Legislativo Municipal e sim do Federal. Meu caro amigo para sair canditado estuda pelo menos a função do vereador.

  • Lane Costa - Professora Universitária | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Muito pertinente a ressalva do Cícero Moraes.

    Aliás, nem sempre “ser”, significa que se compreenda e se assuma posturas e posições de defesa deste ou daquele segmento e seu movimento.

    Digo isso não só para a questão dos homossexuais, mas também para a questão da mulher, da criança, dos negros, índios, da educação, etc.

    Penso que em momentos eleitorais como esses, deve-se aproveitar ao máximo para intensificar o debate, forçar os pretensos representantes ao executivo e legislativo municipal a se comprometerem com as verdadeiras causas populares... não um compromisso de ocasião... mas de luta: ontem, hoje e sempre.

  • Paulo Sérgio | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Romilson, sugiro que você acrescente assumido a frase: único candidato homossexual. Certamente são muitos, mas geralmente inteligentes. Tomara que se eleitos usem a inteligência para o trabalho pelo povo de Cuiabá.

PTB tem 25 e deve eleger 2 à Câmara

misael galvao 400 curtinha   O PTB lançou 25 nomes a vereador em Cuiabá. E a tendência é de eleger entre um e dois. As maiores apostas são os seus próprios vereadores: Misael Galvão (foto) e Adevair Cabral, respectivamente, presidente e primeiro-secretário da Mesa Diretora da Câmara....

Retorno à Câmara após 6 mandatos

fulo 400 curtinha   Figura bastante popular, especialmente na região da Vila Operária, Lourisvaldo Manoel de Oliveira, o Fulô (MDB), que foi vereador de Rondonópolis por seis mandatos, está de volta. Hoje suplente, ele assume provisoriamente nesta segunda a cadeira do titular Thiago Muniz, que pediu licença...

Bolsonaro nem aí para políticos de MT

nelson barbudo 400 curtinha   O cerimonial da Presidência da República deu de ombros para os políticos, inclusive para a bancada federal mato-grossense, na visita de Bolsonaro, sexta, em Sinop e Sorriso. Alguns tentaram, de forma insistente, tirar foto com o presidente. E até conseguiram. Mas o capitão preferiu...

Tião com Flávio e "pau" nos Campos

tiao da zaeli 400 curtinha   A maior bronca dos Campos em Várzea Grande hoje é com o ex-prefeito Tião da Zaeli (foto), que motivou o amigo e empresário Flávio Vargas, dono do frigorífico Frical, a entrar na disputa à sucessão municipal. E Flávio conseguiu construir um amplo arco de...

A única dos maiores fora da reeleição

rosana martinelli 400 curtinha   Seis dos 10 prefeitos dos maiores municípios de MT poderiam disputar a reeleição neste ano por estarem no primeiro mandato ou já tendo exercido outros não consecutivos. E, destes, somente Rosana Martinelli (foto), de Sinop, não se recandidatou. Percebeu dificuldades...

Poconé tem 4 no páreo; Euclides dança

euclides santos 400 curtinha   Em Poconé, o ex-prefeito Euclides Santos (foto) nadou e morreu na praia. Numa queda de braço dentro do PSDB, Euclides, que havia se mudado para Cuiabá e tem o filho na disputa para vereador, perdeu espaço e autonomia para a ex-prefeita Meire Adauto, presidente municipal da legenda tucana e...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.