Últimas

Terça-Feira, 24 de Julho de 2007, 13h:10 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:16

JUDICIÁRIO

Carros oficiais rejeitados por juízes ficam em garagem

HUDSON CORRÊA
DA AGÊNCIA FOLHA, EM CAMPO GRANDE

O Tribunal de Justiça de Mato Grosso vai leiloar 20 Corollas e nove Astras que estão parados na garagem do órgão desde janeiro de 2005, pois foram rejeitados por juízes que preferem receber auxílio-transporte de 15% sobre o salário.
Um desembargador (juiz do tribunal) recebe R$ 22.111,25 e mais R$ 3.316,69 de auxílio-transporte. Segundo o Tribunal de Justiça do MT, não há incidência de Imposto de Renda sobre o auxílio "porque se trata de verba indenizatória". Os juízes também não precisam apresentar notas fiscais ou recibos dos gastos.
Se os carros forem vendidos apenas pelo lance mínimo, o TJ terá prejuízo de R$ 530 mil -diferença entre o valor da compra dos veículos e o total a ser arrecadado no leilão.
Em janeiro de 2005, o tribunal comprou 30 Corollas por R$ 1,84 milhão e nove Astras por R$ 531 mil, totalizando R$ 2,37 milhões. Só três desembargadores aceitaram os carros. Os outros 27 rejeitaram os Corollas, que ficaram sem uso na garagem.
No final da semana passada, o tribunal anunciou que sete Corollas serão usados no setor administrativo e os outros 20 vão a leilão.
A venda incluirá ainda nove Astras rejeitados por juízes dos fóruns. O auxílio-transporte para esses magistrados varia de R$ 2.176 a R$ 2.985.
Cada Corolla, comprado a R$ 61,5 mil, terá lance mínimo de R$ 44 mil. No caso do Astra, adquirido por R$ 59 mil, o valor no leilão será de R$ 39 mil.
A decisão de vender os veículos foi do presidente do tribunal, desembargador Paulo Lessa, que assumiu o cargo em março passado e informou ter implantado um "setor de controle interno" para evitar gastos desnecessários.
Em 2005, antes de assumir a presidência, Paulo Lessa preferiu o auxílio-transporte ao Corolla. "Auxílio esse de que abri mão imediatamente após assumir a função de presidente do tribunal, tendo em vista que o papel de representação [cargo] exige a utilização de veículo", afirmou, por escrito, à Folha.
Segundo Lessa, a presidência do TJ-MT em 2005 "tomou a decisão de adquirir os carros entendendo que o CNJ [Conselho Nacional de Justiça] e o novo Estatuto da Magistratura excluiriam a possibilidade de manter a verba indenizatória [auxílio-transporte]".
Lessa disse que houve precipitação. "O CNJ não se manifestou sobre aspecto algum em relação ao auxílio-transporte. Então, se houve algum equívoco [na compra dos carros], entendo que pode ter sido o da precipitação."
O leilão dos veículos deve ocorrer em 45 dias. O tribunal pode arrecadar, no mínimo, R$ 1,23 milhão. O orçamento anual do TJ-MT é de R$ 338 milhões, para despesas de custeio e de pessoal.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Candidato a reitor e 2 apoios fortes

dimorvan rui 400   O candidato de oposição a reitor do IFMT, Deiver Teixeira, recebeu dois apoios importantes. As manifestações de adesão à candidatura vieram dos professores Ruy Oliveira e Dimorvan Brescancim. Ruy foi candidato a reitor nos últimos dois pleitos e é um pesquisador...

Abílio e Medeiros rejeitam Fernanda

coronel fernanda 400 curtinha   Abílio Júnior e o deputado José Medeiros, presidente do Pode-MT e que foi derrotado para senador, querem distância da coronel Rubia Fernanda (foto) da campanha neste segundo turno em Cuiabá. Nos bastidores, comentam que não precisam da militar filiada ao Patriota e que ficou...

Com maioria na Câmara de Cáceres

eliene liberato 400 curtinha   A prefeita eleita de Cáceres Eliene Liberato (foto), que conquistou 15.881 votos (38,16% dos válidos), terá apoio da maioria dos 15 vereadores. Destes, oito garantiram cadeira pela coligação da própria Eliene, o que representa 53%. As duas maiores bancadas são do PSB de...

Gamba quer Tuti presidindo a Câmara

tuti 400 alta floresta curtinha   O prefeito eleito de Alta Floresta, Chico Gamba (PSDB), tem se articulado para eleger presidente da Câmara o vereador reeleito do seu partido, Oslen Dias dos Santos, o Tuti (foto), que obteve a segunda maior votação, com 814 votos. Na tentativa de convencer os novos integrantes da próxima...

Várzea Grande paga a folha já na 6ª

lucimar campos 400   A prefeita várzea-grandense Lucimar Campos, prestes a concluir o segundo mandato, anunciou que na sexta, a três dias de fechar o mês, conclui o pagamento da folha de novembro. E, nesta quarta (25), já libera a diferença da correção do piso federal para os professores. No total...

Críticas à busca do poder pelo poder

marcia pinheiro 400   Em um ato realizado na praça Alencastro, nesta segunda à noite, a primeira-dama de Cuiabá Marcia Pinheiro disparou críticas aos adversários do prefeito Emanuel, que busca a reeleição. Segundo ela, as alianças formadas por Abílio neste segundo turno são...

MAIS LIDAS