Últimas

Sábado, 22 de Novembro de 2008, 10h:00 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:21

COMUNICAÇÃO

Carta Capital aponta pessimismo da crise no país

   A revista Carta Capital desta semana aborda um dos assuntos mais comentados no mundo todo nos últimos dias. A crise econômica que a potência Estados Unidos desencadeou no mundo todo. Com uma visão nada otimista, a revista mostra que as medidas adotadas pelo governo Lula não estão surtindo o efeito esperado e os indicadores continuam caindo.

   Apesar do rumo da notícia, a revista mostra uma análise otimista para o fim deste ano e prevê aumento do Produto Interno Bruto do país. Trecho da matéria diz que "o governo tem aberto algumas torneiras de crédito para os setores da economia mais afetados pelo temor de os bancos não concederem empréstimos". O tema aborda ainda que na segunda semana de novembro, foram contemplados a construção civil, as montadoras, a agricultura e os pequenos e médios varejistas, em um total de 18 bilhões de reais, sem que tenha surtido o efeito desejado.

   Outra temática abordada na Carta Capital em entrevista com a relatora especial da ONU, a pediatra marroquina Najat M`jid, é sobre a pouca eficácia no combate à exploração sexual infantil, venda crianças e prostituição.

   A enviada da Onu chega ao Brasil nos próximos dias para participar do 3º Congresso Mundial de Enfrentamento da Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. Realizado pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), o governo brasileiro e ONGs ligadas ao tema, o congresso pretende criar um "plano de ação em busca de soluções nacionais e internacionais para esse problema, que ano a ano se agrava mundo afora". O encontro ocorrerá no Rio de Janeiro, entre 25 e 28 de novembro, com a participação de representantes de 150 países, incluindo chefes de Estado e primeiras-damas.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

8 candidaturas e Thelma com chances

thelma de oliveira 400 curtinha   Mesmo sem apoio de nenhum outro partido, a não ser do seu PSDB, enfrentando forte desgaste político e rejeição popular e ainda problemas de saúde, se recuperando de tratamento de câncer de mama, a prefeita Thelma de Oliveira (foto) ainda tem chances de...

Niuan de fora da suplência ao Senado

niuan ribeiro 400 curtinha   O deputado federal José Medeiros não conseguiu segurar o vice-prefeito de Cuiabá, Niuan Ribeiro (foto), como primeiro-suplente de sua chapa ao Senado. Há alguns dias, o filho do ex-vice-governador e ex-deputado Osvaldo Sobrinho vinha demonstrando desejo de pular fora, em meio a...

Jayme incomodado com Flávio em VG

jayme campos 400 curtinha   A candidatura a prefeito de Várzea Grande do empresário Flávio Frical (PSB), principal aposta da oposição, passou a incomodar a família Campos, que apoia o ex-vereador Kalil Baracat, concorrente ao Executivo pelo MDB. Em uma noite que seria de festa, em comemoração...

Acordo com Euclides partiu de Allan

allan kardec 400   Otaviano Pivetta, vice-governador licenciado por 30 dias para cuidar de problemas de saúde, disse que nada tem a ver com o tal acordo "costurado" pelo presidente regional do PDT, deputado Allan Kardec (foto), com Euclides Ribeiro, candidato a senador pelo Avante. Explica que só apresentou Euclides para Allan e...

Família Maia tenta retomar o poder

martha maia 400   O ex-prefeito de Alto Araguaia por quatro vezes, Maia Neto, não entrou na disputa de novo ao Executivo, mas lançou a irmã Martha Maia (foto), cuja filha Sylvia Maia é vereadora. Filiada ao PP, Martha entra como principal candidata da oposição ao prefeito Gustavo Melo, que vai à...

Welinton fará grande ato em Barra

welinton marcos 400 curtinha   Welinton Marcos (foto) lança sua candidatura a prefeito de Barra do Garças, na segunda (28), em um grande ato. Mesmo pelo sistema drive-in, devido à necessidade de adotar medidas sanitárias contra a Covid-19, são esperadas na solenidade cerca de mil pessoas, num espaço amplo,...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.