Últimas

Quinta-Feira, 06 de Março de 2008, 16h:45 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

VARIEDADES

Carta de desistência de Sérgio Ricardo

CARTA ABERTA À POPULAÇÃO CUIABANA

    Longos períodos de reflexão nos levam a enxergar muito além da conjuntura imediata; fazem-nos ver que os interesses coletivos se sobrepõem às causas temporais. Quando assumi a presidência da Assembléia Legislativa, também tomei para meu encargo a responsabilidade de fomentar, por meio de uma ação política pró-ativa, o desenvolvimento humano e econômico de Mato Grosso.

   Qualquer movimentação que perturbe tal ambição, merece ser revista com o rigor de quem ofereceu suas convicções aos anseios maiores do povo mato-grossense. Portanto, presidir o Legislativo Estadual pede mais que assiduidade; requer entrega pessoal e renúncia de posições políticas fracionárias.

   Resta dizer que a plenitude do exercício da presidência de uma Casa de Leis, com a tradição e a história do Poder Legislativo de Mato Grosso, se torna imediatamente incompatível com qualquer postulação eleitoral. Meu papel, neste contexto, é gerar concórdia e entendimento entre as várias correntes que coabitam este espaço consagrado ao debate democrático.

   Neste exato momento, o Legislativo se debruça sobre temas importantes para o futuro de nossa geração. Em 2008, discutiremos assuntos importantes como a renegociação da dívida do Estado e a postura da sociedade diante das novas exigências com a preservação do nosso meio ambiente. De jeito algum posso faltar a esse debate.

    Tenho a consciência, ainda, que na presidência da Assembléia Legislativa, concentro forças e prerrogativas políticas para cobrar do governo estadual um maior volume de investimentos na Capital e em toda a Baixada Cuiabana. E o farei através de emendas e de uma fiscalização incansável da profícua aplicação dos recursos públicos em obras e ações sociais.

    Isto posto, esclareço que, mesmo estando numa situação confortável nas pesquisas de intenção de voto, prefiro não disputar as eleições para a Prefeitura de Cuiabá. Pois, compreendo que, neste momento, minha atuação na direção da Assembléia Legislativa se impõe como tarefa inadiável e de repercussão efetiva para os destinos do povo mato-grossense.

    Com humildade, peço aos simpatizantes de minha candidatura que entendam minhas razões, sobretudo porque elas refletem os meus compromissos éticos com o desempenho de meu mandato parlamentar. Deixo claro que jamais renunciarei ao meu amor por Cuiabá, muito menos ao interesse de contribuir com o desenvolvimento da Capital e de todo Mato Grosso.

    Aos meus amigos e colaboradores, apenas digo que os sonhos não se sepultam, se prorrogam. Meu desejo de ser prefeito de Cuiabá continua vivo. Somente foi adiado para 2012.

 

                                         Sérgio Ricardo
        Deputado Estadual - Presidente da Assembléia Legislativa/MT

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Nobres chora a morte de ex-prefeito

flavio dalmolin 400   A pequena e turística Nobres, de 16 mil habitantes, parou neste Feriado de Tiradentes em comoção pela morte, por Covid-19, do ex-prefeito Flávio Dalmolin (foto). Um cortejo percorreu ruas e avenidas, parou em frente ao estádio municipal Balizão e à prefeitura, onde...

Derrotado ensaia disputa ao Governo

reinaldo morais 400 curtinha   O empresário Reinaldo Morais (foto), o rei dos porcos, está disposto a gastar mais uns milhões com nova candidatura majoritária, agora para governador. No ano passado, concorreu ao Senado e obteve votação decepcionante. Foi o penúltimo colocado numa corrida com 11...

Sicredi recua de comprar praça pública

enilson rios 400 prefeito araputanga   A diretoria do Sicredi nem esperou ser votado na Câmara Municipal o polêmico projeto sobre negociação de uma praça pública no centro de Araputanga para cancelar o negócio. A cooperativa havia "amarrado" entendimento com o prefeito Enilson de Araújo...

Sessão, voto e namoro com cantora

ulysses moraes 400   Na sessão virtual da Assembleia desta segunda, o deputado Ulysses Moraes (foto), do PSL, estava demorando para computar o voto na apreciação de um veto do governador. O presidente Max Russi (PSB), então, cobrou agilidade do colega e brincou, dizendo que agora ele só tem olhos para a Maraisa....

Misal é reeleito para o 10º mandato

misael galv�o 400 curtinha   Após dois anos fora do comando do Shopping Popular, período em que respondeu pela presidência da Câmara da Capital, o ex-vereador Misael Galvão (foto) voltou à direção do empreendimento, que abriga 500 lojas. E, sob forte...

Oscarlino, Pros e "nocaute" em Gisela

oscarlino 400   Na queda-de-braço dentro do Pros por espaço político, o ex-sindicalista Oscarlino Alves (foto) nocauteou a ex-superintendente do Procon-MT, Gisela Simona. Ele foi um dos filiados que não aceitaram apoio a Abílio na disputa de segundo turno para prefeito de Cuiabá, se aliou ao projeto de...