Últimas

Sábado, 28 de Abril de 2007, 07h:05 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

INFRAESTRUTURA

Casa Civil garante que ficha de Pagot está limpa

   O Ministério da Casa Civil, sob Dilma Rousseff, assegura que não há qualquer impedimento quanto à nomeação de Luiz Antônio Pagot para o cargo de diretor-geral do Departamento Nacional de Infra-Estrutura de Transportes (Dnit). Suspeitas sobre o nome do secretário de Educação de Mato Grosso, divulgadas pelo jornalista Ricardo Noblat em seu site nesta sexta, trouxeram preocupação ao PR, que articula para aprovar, no Senado, o nome do indicado pelo próprio presidente Lula para comandar o Dnit, detentor de um orçamento anual de R$ 12 bilhões.

   Segundo a Casa Civil, a ficha de Pagot está limpa. Destaca que na pesquisa feita sobre atuação do futuro diretor-geral do Dnit não há nada que o impeça de assumir o cargo. A busca foi feita com base no CPF. Obteve aval até da Agência Brasileira de Inteligência.

  Noblat informou em seu blog que Pagot trabalhou como assessor no Senado de Jonas Pinheiro, de 1995 a 2002 e, ao mesmo tempo, como diretor-superintendente da Hermasa Navegação da Amazônia, empresa privada com sede em Itacoatiara e pertencente ao Grupo Amaggi, do governador Blairo Maggi. Esse duplo cargo que, em tese, contraria a Lei 8.112, de 1990, sobre o regime jurídico dos servidores públicos da União, foi omitido por Luiz Pagot no corrículo que acompanhou a mensagem para o Senado de sua indicação ao posto do Dnit. Com isso, levantou-se suspeita até de falsidade ideológica.

  Outra acusação já divulgada em Mato Grosso, mas que nesta sexta ganhou destaque no blog de Noblat foi o que se convencionou chamar de negócio suspeito entre Pagot e o ex-secretário de Meio Ambiente na primeira gestão Maggi, Moacir Pires. O Ministério Público mato-grossense está investigando o caso. Trata-se da compra de um apartamento "quase de graça" feita por Pagot, numa transação comercial com Pires.

   Alegações

   Pagot argumenta que a informação sobre ocupar dois cargos ao mesmo tempo não foi inserida no currículo por considerá-lá irrelevante. Observa que omitiu outras informações como, por exemplo, de ter atuado como consultor do Sebrae. Admite que atuou na assessoria do senador Jonas Pinheiro e também na direção da Hermasa simultaneamente e destaca que, à época, o Senado foi consultado e não impôs obstáculos. Diz que sempre declarou as duas fontes no Imposto de Renda.

   Com aval do presidente Lula e do ministro dos Transportes, Alfredo Nascimento, Pagot será sabatinado no Senado nos próximos dias. A bancada do PR, a pedido do governador Maggi, está articulando para o nome do filiado ser aprovado.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Pivetta promete permanecer no PDT

allan kardec 400 curtinha   O empresário Otaviano Pivetta, que se tornou o mais badalado nesta fase de pré-campanha ao Senado por causa da grande logística em torno do seu nome, se encontra numa saia-justa. Para líderes do Podemos com os quais passou a ter afinidade política, como os senadores Álvaro Dias e...

Ao Senado, 2 partidos e apoio para EP

elizeu nascimento 400 curtinha   Elizeu Nascimento (foto), terceiro-sargento PM licenciado, não é nada bobo. Ex-vereador pela Capital e no mandato de deputado estadual, Elizeu hoje controla o DC-MT e ainda levou aliados de confiança para o PSL-MT, partido que ainda está ligado ao presidente Bolsonaro e que só de...

Digital de Selma no apoio para Pivetta

olga lustosa curtinha 400   Mesmo com laços antigos de amizade com Otaviano Pivetta, Olga Lustosa, que está se desligando do cargo de assessora do gabinete da senadora cassada Selma Arruda em Brasília, causou aquele climão dentro do Podemos quando apareceu no encontro do PDT, neste sábado. O ato marcou o...

Fritado ao Senado, Galvan deixará PDT

antonio galvan 400 curtinha   Como já esperado, o presidente da Aprosoja, Antonio Galvan (foto), foi mesmo patrolado dentro do PDT estadual na tentativa de concorrer ao Senado na suplementar de abril. Com a decisão oficial do partido de lançar o vice-governador Otaviano Pivetta à disputa, Galvan agora pensa em sair da...

Contratos suspensos de 7 prefeituras

domingos neto 400 curtinha   O conselheiro do TCE-MT, Domingos Neto, determinou, até julgamento do mérito, a suspensão de pagamento por sete prefeituras à Oscip Tupã. Ele é relator de uma representação feita pelo Ministério Público de Contas contra as prefeituras de Vera,...

Contrariando estatística do governador

silvano amaral 400 curtinha   Mais um secretário de Estado contraria a estatística do governador Mauro, que no ano passado se orgulhou de anunciar que nenhum dos integrantes do primeiro escalão respondia por condenação judicial. O emedebista Silvano Amaral (foto), ex-deputado, ex-secretário de...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Na sua opinião, como está indo o Governo Bolsonaro...

excelente

bom

razoável

ruim

péssimo

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.