Últimas

Sábado, 12 de Janeiro de 2008, 10h:55 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

SINOP

Cemat é condenada a pagar R$ 7 mil à cliente

  As Rede/Cemat terá de indenizar uma consumidora de Sinop (a 503 km ao Norte da Capital) em R$ 7 mil por danos morais. A consumidora teve de esperar por mais de quatro horas para provar que pagou a conta de energia elétrica. Ela repassou o valor em dinheiro da sua fatura para uma funcionária da empresa Copercem, responsável pelo recebimento das contas da Rede Cemat. A funcionária alegou que a cliente não havia lhe dado o dinheiro.

   A consumidora argumentou que sofreu constrangimento e humilhação, diante da negativa da funcionária quanto ao recebimento , e assim, a sua honestidade foi colocada em dúvida perante todos os que estavam na fila da agência. Somente depois do balanço foi verificada a sobra do dinheiro, valor igual ao repassado pela consumidora.

  No recurso de apelação, a Rede Cemat sustentava que não havia ocorrido ato ilícito praticado que possa ter causado situação de constrangimento passível de indenização. Além disso, alegou falta de comprovação de dano moral e exorbitância no valor arbitrado em primeira instância.

   O desembargador Jurandir Florêncio de Castilho, relator do processo, entendeu que ficou comprovada a ocorrência do dano moral. Em seu despacho, explicou que, ao contrário do que a Rede/Cemat alegou em sua defesa, não é preciso que haja no ato praticado a figura do dolo ou da culpa ou da intenção de causar prejuízo para que haja condenação por danos morais. O dano surge pela simples falha na prestação de um serviço de qualidade ao consumidor.

  O valor deve ser acrescido de juros e correção monetária da data da sentença até o efetivo pagamento, mais custas processuais e honorários advocatícios arbitrados em 20% sobre o valor da condenação. (Pollyana Araújo com Assessoria)

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Sicredi recua de comprar praça pública

enilson rios 400 prefeito araputanga   A diretoria do Sicredi nem esperou ser votado na Câmara Municipal o polêmico projeto sobre negociação de uma praça pública no centro de Araputanga para cancelar o negócio. A cooperativa havia "amarrado" entendimento com o prefeito Enilson de Araújo...

Sessão, voto e namoro com cantora

ulysses moraes 400   Na sessão virtual da Assembleia desta segunda, o deputado Ulysses Moraes (foto), do PSL, estava demorando para computar o voto na apreciação de um veto do governador. O presidente Max Russi (PSB), então, cobrou agilidade do colega e brincou, dizendo que agora ele só tem olhos para a Maraisa....

Misal é reeleito para o 10º mandato

misael galv�o 400 curtinha   Após dois anos fora do comando do Shopping Popular, período em que respondeu pela presidência da Câmara da Capital, o ex-vereador Misael Galvão (foto) voltou à direção do empreendimento, que abriga 500 lojas. E, sob forte...

Oscarlino, Pros e "nocaute" em Gisela

oscarlino 400   Na queda-de-braço dentro do Pros por espaço político, o ex-sindicalista Oscarlino Alves (foto) nocauteou a ex-superintendente do Procon-MT, Gisela Simona. Ele foi um dos filiados que não aceitaram apoio a Abílio na disputa de segundo turno para prefeito de Cuiabá, se aliou ao projeto de...

Promotor recebe medalha do Exército

Mauro Zaque curtinha   O promotor de Justiça Mauro Zaque (foto) foi condecorado com a medalha do Exército Brasileiro na manhã desta segunda (19), no dia da instituição. A solenidade é considerada a segunda maior do Exército Brasileiro, foi reservada por conta da pandemia e contou com a...

Sema reabre os parques em Cuiabá

mauren lazzaretti sema 400   Fechados desde 1º de abril, em obediência às regras de decreto municipal, que suspendiam as atividades coletivas, os parques estaduais urbanos de Cuiabá reabrem nesta segunda (19) para utilização pelo público. Será possível acessar as tradicionais trilhas...