Últimas

Sexta-Feira, 04 de Maio de 2007, 08h:16 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

NEGÓCIOS

Cepromat loca carro popular por quase R$ 5 mil

    O Centro de Processamento de Dados (Cepromat), autarquia que integra a estrutura do governo do Estado, locou um veículo, de potência 1.4 e com ar condicionado, da concessionária Monza Veículos para atender o que se convencionou chamar de "necessidades do órgão".

    Sob comando do diretor-presidente Adriano Niehues, o Cepromat vai pagar por mês pela locação R$ 4.479,72 ou R$ 53,7 mil por ano. Daria para comprar um carro 0km. O contrato foi assinado no último dia 19 por Adriano e por mais dois diretores do Cepromat, Marcelo de Rosso e Graziele Cautry Pichioni.

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • Lucky Marlon | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0



    Uma vergonha saber que recursos públicos tomam este fim, enquanto Mato Grosso, sofre em oyros setores.

  • Luiz Furlani | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Estive em MT para 'tentar'participar de uma licitação,e para minha surpresa,percebi o direcionamento desse referido orgão,e aparentemente com o AVAL(izado) pelo nobre presidente.Ainda viria eu,ter a maior surpresa:o sr Adriano é proprietário de um CLUB de GOLFG,previlégio dos nobres com posses......Salário bom,hein!!!!!!!

  • Antonio Luiz de Souza | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    È verdade a observação do senhor Luiz Furlani sobre o Adri (para os íntimos) ser dono de um clube de golfe. o que o Furlani e muita gente não sabe é que este clube de golfe está localizado em boa parte em área de preservação permanente, na margem de um lago na estrada que vai para a usina de manso. Quer dizer então que os ricos podem usufruir de lazer e recreação em área de preservação ambiental sem nenhuma penalidade da legislação ambiental? Dizem que têm gente grande que frequenta o local. Se esse site tiver rabo preso, duvido que este email seja publicado, mas, com certeza essa denúncia será revelada, mesmo com o silêncio de boa parte da nossa imprensa.

4 fora da reeleição em Rondonópolis

jailton 400 vereador curtinha   Em Rondonópolis, quatro dos 21 vereadores não devem ir à reeleição, sendo eles Thiago Muniz (DEM), Rodrigo da Zaeli (PSDB), Hélio Pichioni (PSD) e Jailton do Pesque e Pague (foto), do PSDB. Thiago e Rodrigo têm esperanças de concorrer a...

Prefeito apoia vice à briga em Cáceres

eliene liberato 400 curtinha   Francis Maris vai mesmo declarar apoio oficial à pré-candidatura da empresária Eliene Liberato à sucessão em Cáceres. Em público, o prefeito faz mistério para não contrariar outros pretensos candidatos do grupo e que têm esperanças de receber...

Preparando um dos aliados a federal

mauro carvalho 400 curtinha   Embora não comente publicamente, o governador Mauro Mendes está "costurando" acordos políticos com líderes mais próximos, visando não só o pleito de 2020, mas também às eleições gerais de 2022. Em época de busca de projetos e de...

Salvando 1º ano de mandato no cargo

selma arruda 400 curtinha   Embora "sangrando" e com a imagem arranhada, a juíza aposentada e senadora cassada pelo TRE-MT Selma Arruda, que trocou o PSL pelo Podemos, consegue concluir este primeiro de oito anos de mandato. E vai se licenciar nos próximos dias para ceder espaço aquele que financiou a sua campanha,...

Barbudo é menos empreguista de MT

nelson barbudo 400 curtinha   Dos oito deputados federais de MT, o estreante Nelson Barbudo (foto) é o menos "empreguista". Nestes 10 primeiros meses de mandato, ele nomeou no gabinete em Brasília e no escritório político em Cuiabá apenas 15 assessores. Cada gabinete pode ter até 25 secretários...

Rossato quer "minar" reeleição de Ari

dilceu rossato 400 curtinha   Em Sorriso, a capital nacional do agronegócio, a tendência é da disputa à sucessão no próximo ano ficar polarizada entre o prefeito Ari Lafin, do PSDB, e seu antecessor, Dilceu Rossato (foto), hoje filiado ao PSL. Embora se movimente nos bastidores, o deputado Xuxu Dal Molin...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Como você avalia a decisão do Supremo de suspender prisão imediata após julgamento em segunda instância?

Concordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.