Últimas

Domingo, 27 de Abril de 2008, 10h:46 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:20

MEIO AMBIENTE

Colniza ganha "destaque" em violência e desmate


Na divisa do Amazonas e de Rondônia, Colniza aparece entre as 35 das 50 cidades com maior índice de devastação na região

  Situada no extremo noroeste de Mato Grosso (divisa com Amazonas e Rondônia), Colniza, administrada hoje pelo peemedebista Sérgio Bastos, o Serjão, aparece em quarto lugar no país no ranking do desmate, com 982 km2 derrubados, 115,9 mil novas cabeças de gado e dois assassinatos, em três anos. É o que revela a Folha de S. Paulo deste domingo (27) sobre os municípios que mais desmatam na região Amazônica.

  De acordo com a reportagem, são esses municípios os que mais registram trabalho escravo e violência no campo. O avanço da pecuária na área acompanha o ritmo da queda das árvores. A violência aparece em 39 das 50 cidades com maior índice de devastação na região.   Além de Colniza, também é citado nas estatísticas negativas outro município mato-grossense: Confresa, no noroeste. Com 270 km2 de desmate, Confresa registrou 114,6 mil novas cabeças de gado e 1.013 trabalhadores flagrados em situação análoga à escravidão.

   Entre os top 50 do desmatamento, houve um crescimento médio de 90,9 mil cabeças de gado, contra 15,7 mil em toda a região amazônica, uma diferença de 579%, revela a reportagem de Eduardo Scolese.

  • Leia mais aqui ou aqui (para assinante Folha)

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • Silvio Fernandes | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O único responsável pelos números alarmantes de crescimento da violência aqui em Coliniza é o Governo do Estado. Digo isso porque a polícia (civil e militar) sabem bem quem são os bandidos, que aterrorizam nosso município e não fazem absolutamente nada.
    Aqui em Colniza, o que predomina é a grilagem e roubo de madeira e os pequenos grileiros, são usados pelos comerciantes que bancam as despesas para os mesmos usarem e abusarem.
    Os bandidos anunciam os crimes, com envolvimento até de vereador do próprio partido do governador, e pasmem... ninguém toma atitude alguma.
    Estamos a Deus dará, se Blairo quizesse faria alguma coisa, porem a burocracia do poder deixa muitas famílias órgãs.

  • Diogenes Justo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    A culpa da violencia em Colniza não é do prefeito Serjão não, é do governo Blairo Maggi, pois estão a 1000 kilometros de Cuiabá e lá o governo mantem apenas um efetivo de 6 homens. Um absurdo. E pior, as mas linguas de lá dizem que os bandidos pagam à polícia pela impunidade.

  • CARLOS ROBERTO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    E SERJÃO, QUE BARCA FURADA VOÇÊ ENTROU HEIN MEU AMIGO, VOU REZAR POR VOÇÊ.!!EU HEIN...

  • Nervilho Polles | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Primeiro lugar, esses dados estão extremamente errado, colniza tem uma dimensão de mais de 27.000 km² e não tem 10% da area degradada, e o prefeito Serjão não tem culpa do abandono do governo estadual em nosso municipio, oque está precisando para o nosso municipio toma rumo é:
    Primeiro os jornais começarem a divulgar a verdade, e parar de degrinir a imagem de nosso municipio perante a nação!
    Agente sabe que voces fazem isso somente para extorquir dinheiro do prefeito para amenizar as coisas, se aproveitando do momento dificil que ele passou...
    Segundo é tirar meia duzia de vereador safado que tem aki, que so servem para atrapalhar a administração, e um alerta a população, as eleições vem ai, vamos pensar antes votar para vereador, vamos eleger vereador que não depende do salario para viver e sem compromisso, vamos tirar esse vereador bandido grileiro de terra e ladrão de arroz e milho, Colniza precisa de vereador de verdade.

  • Célia Regina - estudante | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    SERJÃO É INOPERANTE E TEM CULPA NO CARTÓRIO. SE TIVESSE OUTRO PREFEITO TALVEZ AS COISAS NÃO ESTIVESSEM ASSIM.

De MT para USP; governo comemora

gabriel usp ribeiraozinho 400   O governador Mauro Mendes comemorou o fato do estudante Gabriel Rodrigues Ribeiro (foto), de 18 anos, morador de Ribeirãozinho, município mato-grossense com menos de três mil habitantes, ter conseguido ingresso no curso de medicina da USP, considerada a melhor universidade do país. Aos 18...

ICMS e R$ 150 mi a mais a municípios

rogerio gallo 400 curtinha   O secretário Rogério Gallo (foto), da Fazenda, assegura que o governo estadual já enviou para os municípios, no primeiro trimestre deste ano, R$ 150 milhões somente em ICMS arrecadado a mais do que estava previso na lei orçamentária. O valor é 8 vezes...

Fúrio, última ação no MPE e morte

celio furio 400   Célio Joubert Fúrio (foto), que morreu nesta sexta, aos 56 anos, vítima da Covid-19, foi um incansável combatente de atos de improbidade administrativa em MT e na defesa do patrimônio público. Integrava aos quadros do Ministério Público Estadual havia 29 anos. Ele atuou...

Uma petista das causas bolsonaristas

edna sampaio 400   A emblemática vereadora petista Edna Sampaio (foto) se mostra a cada dia defensora das pautas bolsonaristas. Na Câmara de Cuiabá se aliou e vota combinado com os direitistas e conservadores tenente Paccola (Cidadania) e Michelly (DEM). No episódio em que a colega parlamentar fez uma "sarrada"...

Esperança do Procon por candidatura

gisela simona 400   Quem pensa que Gisela Simona (foto), aquela que perdeu para prefeita de Cuiabá e se queimou politicamente ao se aliar a Abílio no segundo turno, não se movimenta politicamente com interesse nas eleições de 2022 está redondamente enganado. Ela tenta, por tudo, reassumir a...

Sorriso tenta aval para conceder RGA

estevam calvo 400   A Prefeitura de Sorriso quer pagar RGA aos servidores, mas não encontrou até agora respaldo legal para assim proceder, considerando a Lei Complementar 173/2020 que, no contexto da pandemia, proíbe reajuste no salário de servidores federais, estaduais e municipais até 31 de dezembro deste...