Últimas

Sábado, 23 de Fevereiro de 2008, 16h:00 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

MEIO AMBIENTE

Com atraso, carta do Nortão Reage é concluída

    Com uma semana de atraso, os organizadores do movimento  Nortão Reage concluíram a tal carta de intenções. Da mobilização foram extraídas 23 propostas que serão encaminhadas às autoridades dos Poderes Executivo e Legislativo em Brasília, inclusive ao presidente Lula è a ministra do Meio Ambiente, Marina Silva, que acabou virando alvo dos manifestantes. Dentre os pleitos, o Nortão Reage reivindica início já do asfaltamento da BR-163. Propõe criação de um programa específico de incentivos fiscais para agricultura familiar e agroindustriais.

   Melhorias na estrutura da secretaria de Meio Ambiente, sob Luis Henrique Daldegan, também fazem parte das reivindicações do setor produtivo. A classe produtora cobra um posicionamento do governador Blairo Maggi no sentido de se juntar ao movimento e cobrar providências para evitar a paralisação do levantamento do índice de desmatamento que está sendo feito pelo Instituto Nacional de Meio Ambiente (Ibama). A idéia é contestar os dados negativos apontados pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), nos quais 19 municípios mato-grossenses aparecem como campeões em desmatamento na Amazônia Legal.

   A carta propõe ainda que seja resgatado o projeto do ex-senador Jonas Pinheiro, que faleceu nesta semana, com vistas a retirar Mato Grosso da Amazônia Legal. O projeto ganhou força em meio às articulações políticas lideradas pelo deputado Homero Pereira (PR), que faz parte da bancada ruralista no Congresso Nacional.

  Criticados ao serem chamados de "destruidores" do meio ambiente, prefeitos e produtores do Nortão, sob auxílio de alguns parlamentares, como os deputados José Riva (PP), Dilceu Dal Bosco (PMDB), e os federais Homero e Eliene Lima (PP), propuseram ainda o reflorestamento de áreas de preservação permanente que foram desmatadas ilegalmente. Para isso, querem também linhas de crédito. (Pollyana Araújo)

  • Confira aqui as propostas da carta de intenções do Nortão Reage.

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • antonio villar torres | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Essa cambada de destruidores da natureza demoraram uma semana para fazer uma cartinha que toda a sociedade matogrossense já sabia de suas intenções, ou seja, o direito para desmatar. Se tivessem excrupulos assumiriam seus erros históricos, pederiam perdão pela forma de expropriação irresponsável dos recursos naturais, que sempre foi feito ao arrepio da lei e com a conivência dos governos deste Estado. O curioso é que não pediram a saída dos atuais gestores da sema, reconhecidamente incompetentes, segundo muitas assertivas do próprio riva e caterva quando da tal cpi da sema. Pelo jeito essa turminha já chegaram ao acordo político para mandaram e desmandarem na sema, seguindo orientações da cartilha desse tal setor "produtivo"? A policia federal está chegando, e a sociedade matogrossense (digo a grande parte que se preocupa com o meio ambiente) deseja ver os criminosos ambientais na cadeia.

  • SILVIO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    EXISTE MUITA GENTE GRANDE NESSA CATASTROFE, ELES PODERIAM EMPLACRA PROJETOS, LEIS ETC...

    AGORA VEM COM ESSA DE CARTINHA, ME DESCULPEM SE ESTIVER ERRADO, ATÉ EU, POSSO ESCREVER UMA CARTA, MAS LEIS ELES...

    ESSES CIDADÕES PENSAM QUE SOMOS OTÁRIOS...

    SÓ A REUNIÃOZINHA QUE ELES FIZERAM EM COLIDER DAVA PRA COLOCAR COMIDA NA MESA DE MILHARES EM UM MÊS...

  • edivan campos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    piada kkkkk destruiram agora querem linha de credito para reflorestar? eita paiz bom. vou mudar para o brasil la nao é assim.

  • éber José de Oliveira | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Pelo jeito esse movimento "Nortão Reage" foi mais barulho do que resultados concretos. Não vejo nenhuma proposta contundente, são sempre as mesmas coisas. Pelo visto querem ainda se aproveitar da destruição do meio ambiente para conseguir mais dinheiro, pois parece que a principal preocupação é obter a tal "Linha de Crédito".

Reconhecimento de um governo ruim

pedro taques 400   Pedro Taques (foto) recorreu a uma observação feita pela mãe, professora Eda Taques, de que fora melhor senador do que governador. No horário eleitoral, o candidato ao Senado, agora pelo SD, menciona a frase da mãe para, em seguida, dizer que reconhece que sua atuação em...

Apoiado por deputados bolsonaristas

jose medeiros 400 curtinha   Um dos vice-líderes do Governo Bolsonaro na Câmara, o deputado José Medeiros (foto), do Podemos, vem recebendo apoio na disputa ao Senado de vários parlamentares bolsonaristas. O chamado núcleo duro do presidente no Congresso Nacional está com Medeiros, entre eles os deputados...

Justiça barra ficha suja em Poconé

clovis martins 400   A Justiça Eleitoral barrou em Poconé o ex-prefeito Clovis Damião Martins (foto), considerado ficha suja. Está inelegível por oito anos. Filiado ao PTB, ele foi condenado pelo TCU por irregularidade insanável que configura ato doloso de improbidade administrativa. Enquanto...

3 estão fazendo pesquisa em Cuiabá

Três institutos de pesquisa entraram em campo na capital nesta semana para levantar as intenções de voto para prefeito. São eles: Malujoa Comunicações, que geralmente divulga os resultados no site Olhar Direto; a Voice Pesquisas e Comunicação, do site Midianews; e Real Time Big Data. A Voice poderá tornar públicos os números apurados da pesquisa a partir de segunda (26), enquanto os outros dois estão autorizados...

Marino enaltece Leitão para o Senado

marino franz 400 curtinha   O empresário e ex-prefeito de Lucas do Rio Verde, Marino Franz (foto), anunciou apoio a Nilson Leitão (PSDB) para o Senado. Disse que conhece o candidato tucano de longa data, desde quando este foi prefeito de Sinop e assegura que Leitão é preparado, representa muito bem a região e o...

Magali de fora em General Carneiro

magali vilela 400   A ex-prefeita de General Carneiro, Magali Vilela (foto), que se lançou novamente à disputa ao Executivo, foi barrada pela Justiça. Teve o registro indeferido, já que está inelegível por ter sido condenada à suspensão de seus direitos políticos em...

MAIS LIDAS