Últimas

Quinta-Feira, 06 de Agosto de 2009, 18h:56 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:23

Caso Lutero

Comissão tem 90 dias para comprovar fraudes de Lutero

   A Comissão Processante instaurada nesta quinta (6) pela Câmara de Cuiabá tem 90 dias para apurar os indícios de envolvimento do ex-presidente da Casa, vereador Lutero Ponce (PMDB), no rombo de R$ 7,5 milhões nos cofres do Legislativo, conforme apontou o inquérito da Delegacia Fazendária. Em coletiva após a sessão em que foi aprovado o pedido de abertura das investigações, o relator do processo, vereador Lúdio Cabral (PT), disse que pretende divulgar nos próximos dias um cronograma dos trabalhos. “Isso é para que todos saibam quais serão os procedimentos. Vamos fazer tudo dentro da legalidade e sem pré-julgamentos”.

   Ao lado do presidente da Comissão, vereador Francisco Vuolo (PR), e de Lueci Ramos (PMDB), que é membro-titular da comissão, Lúdio disse que deve receber em 5 dias a documentação sobre as investigações contra Lutero. “Assim que recebermos o documento, vamos iniciar os trabalhos. Temos que recolher provas, denúncias e estudar em quais crimes o Lutero pode ser enquadrado”, detalhou o petista. Amiga de Lutero, do qual foi primeira vice-presidente entre 2007 e 2008, Lueci não escondia a satisfação em compor a comissão que vai investigar o peemedebista. “Vamos operar dentro da legalidade”, limitou-se a dizer. 

   Satisfeito com a escolha dos membros da comissão, Lutero jurou inocência e disse que já esperava o resultado. “Durante as investigações, finalmente vou poder provar minha inocência. Essa auditoria (contratada por Deucimar) é que ficou atrás das minhas irregularidades. Toda irregularidade encontrada é taxada como desvio. Assim não dá para provar que sou inocente”, avaliou. Indagado sobre a suposta venda das ações da Câmara no valor de R$ 300 mil durante sua gestão, o peemedebista respondeu que “Deucimar só sabe jogar as coisas no ar, mas não prova nada”. 

   Em meio ao clima tenso da sessão desta quinta, o presidente disse a Lutero que gostaria de saber se foi o peemedebista ou a ex-presidente e atual deputada Chica Nunes (PSDB) quem vendeu ações da Câmara por R$ 300 mil. “O senhor fica trazendo ratoeira pra mim, mas acho melhor guardar. Daqui a dois anos vai servir para o senhor também”, disse Lutero. Irritado com as vaias dos cuiabanos que lotaram as galerias da Casa, reagiu: “Vou ter que falar mais alto para esse povo parar de gritar?”. Deucimar respondeu que ambos estavam numa democracia e que, por isso, a população tinha o direito de se manifestar. Lutero respondeu de imediato. “Por isso mesmo. Estamos numa democracia e eu também tenho o direito de falar. Não acho que deva ser condenado, pois tem um monte de vereador com processo e nenhum foi cassado”. O peemedebista disse ainda que Deucimar tem obrigação de ter mais de R$ 5 milhões em caixa e não apenas R$ 3 milhões, conforme anunciado antes do recesso parlamentar. “Ele recebe R$ 300 mil a mais do que eu recebia de duodécimo. Tinha que ter R$ 5 milhões. Quero saber quem do grupo dos 10 ainda coloca a mão no fogo pelo senhor”. Deucimar respondeu, por sua vez, que nunca roubou. “Nunca formei quadrilha alguma. Fui corajoso”. (Andréa Haddad e Patrícia Sanches)

------------------------------------------------------
Clique no play
e saiba mais sobre o protesto na Câmara e a cassação de Ralf

Postar um novo comentário

Comentários (7)

  • LUIZ CARLOS | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Nós estamos vivendo um período muito polêmico, mas promissor, com relação à política em todos os níveis. São novos tempos. Só não vê quem não quer. Muitos de nós têm pressa por mudança, o que é natural; mas o que já vem se deteriorando há séculos, não se recupera da noite para o dia, como mágica. O processo é lento, mas está no caminho certo. Precisamos mudar nosso conceito de que pessoas honestas devem passar longe da política. Precisamos incentivar pessoas de reconhecido caráter a entrar na política. A política é o meio mais eficaz de se distribuir justiça social, mas o mal político prefere usá-la para benefício próprio, em detrimento da população. Então, precisamos mudar nossa maneira de pensar. Vamos colocar nos mandatos eletivos pessoas comprometidas com as causas sociais. A política não é ruim, alguns políticos é que a deturpam. Mas já é um bom começo, pois, ver o povo nas ruas, protestando, enche os olhos de qualquer pessoa do bem. Como já disse o espetacular Martin Luther King O que me assusta não é a tirania dos maus, mas o silêncio dos bons. Se o povo continuar mobilizado, acompanhando esse processo e encher o auditório novamente no dia da votação, não há como esses três beneficiarem o Lutero. Parabéns RD News pela cobertura fantástica. Jornalismo sério, transparente e compromissado com verdade se faz dessa forma.

  • Marcelo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Essa LUECI tá metida até o pescoço no desvio de verbas do Luthero.

    Colocaram a ratazana pra armar a ratoeira....nunca vai funcionar e ainda vai continuar comendo o queijo.

  • PAULO SEVILHANO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    VUOLINHO... presta atenção!!!

    Você ainda tem nome e credibilidade...

    Você tem futuro.

    Não permita que lhe submerjam nesse lamaçal...

  • Claudio Moraes | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Essa estou pagando para ver. O Vuolo e o Lúdio estão atolados até o pescoço com o Lutero. Que bela jogada fez o presidente da Câmara, Deucimar Silva, em colocar esses dois pseudos moralistas na comissão processante. Agora, ou eles atende o clamor popular ou atende o seu ex-patrão Lutero Ponce. Essa eu quero ver

  • ROBSON ANTUNES | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    NEM RAUF LEITE, NEM LUTERO TEM MAIS CONDIÇÕES MORAIS PRA CONTINUAR LEGISLANDO PELA CAPITAL DO ESTADO. SÃO CASOS PERDIDOS...A CABEÇA JÁ ESTÁ NA GUILHOTINA, SÓ FALTA DECEPAR! VUMBORA GENTE, CHEGOU A HORA! ! !

  • Zé Do Pipo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    KKKKKKKKKKK...

  • Fabiana | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Bom... de acordo com a delegacia fazendária. As fraudes e o rombo superior de mais de sete milhões de reais foram apontados nas investigaçãoes... Portanto resta saber e acreditar que os 3 vereadores que vão fazer as investigações na Camâra, sejam honesto e não omitam qualquer irregularidade, que já foi apresentada pela delegacia fazendaria....
    Compromisso com a sociedade é preciso, a população não tem nariz vermelho de palhaço....Basta de desmoralização e impunidade.
    Quem deve tem que pagar......

Ex-vereador recua para apoiar primo

divino 400 barra do bugres   Ex-vereador, ex-presidente da Câmara e empresário bem sucedido, Chico Guarnieri (PTB) não será candidato a prefeito de Barra do Bugres nas eleições deste ano. Guarnieri, que disputou a prefeitura em 2016, até ensaiou, mas recuou ao ver que o primo, pedetista Doutor Divino...

3 ex-prefeitos viram cabos eleitorais

percival muniz 400 curtinha   Dois candidatos de oposição em Rondonópolis têm ex-prefeitos como principais cabos eleitorais. O empresário Luiz Fernando, o Luizão (Republicanos), conta com apoio de Adilton Sachetti, que já comandou o município e perdeu na tentativa de reeleição, e...

3 candidatos competitivos em Sinop

roberto dorner 400   Apesar da "inflação" de candidatos a prefeito de Sinop, com cinco no páreo, a disputa tende a se acirrar mesmo entre o empresário Roberto Dorner (foto), do Republicanos e apoiado pela prefeita Rosana Martinelli (PL), o ex-prefeito e deputado Juarez Costa, que atraiu 10 partidos para o palanque, e o...

Ex-prefeito no páreo em Alta Floresta

robson silva 400 curtinha   Alta Floresta, uma das cidades pólos do Nortão, tem sete candidatos a prefeito. Um deles é Robson Silva (foto), empresário, ex-prefeito entre 93 e 96 e que concorre pelo MDB, mesmo partido do prefeito Asiel Bezerra, que está encerrando o segundo mandato e se tornou um dos principais...

Vice sinopense quer retornar à Câmara

gilson de oliveira 400 curtinha   O vice-prefeito de Sinop e apresentador de TV, Gilson de Oliveira (foto), resolveu concorrer a vereador, cadeira já ocupada por ele por dois mandatos, o primeiro pelo PSDB, entre 2005 e 2008, e, depois, pelo PSD (2009/2012). Foi candidato a deputado estadual duas vezes (2006 e 2010) e, como suplente da...

Vice que morreu na praia em Tangará

renato gouveia 400 curtinha   Assim que percebeu que não seria escolhido pelo prefeito Fabio Junqueira (MDB) como o candidato governista na briga pela Prefeitura de Tangará da Serra, ainda em junho, o vice-prefeito Renato Gouveia (foto), do PV, correu para os braços do tucano Vander Masson. Levou com ele uma chapa de 21...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.