Últimas

Terça-Feira, 13 de Outubro de 2009, 15h:35 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:24

FINANCIAMENTO

Conselho de Cultura reprova 89 projetos só na 3ª etapa

   O Conselho Estadual de Cultura, presidido pelo cantor e apresentador de TV e rádio, Everton da Silva Jesus, o Johnny Everson, aprovou 28 projetos ao custo de R$ 801,5 mil - veja aqui -, mas, por outro lado, rejeitou outros 89 de artistas que buscavam financiamento por meio da Lei de Incentivo à Cultura. O Conselho é composto por 11 membros, mais o presidente e dois suplentes.

   Entre os que não foram contemplados com recursos estão seis projetos apresentados por prefeituras. A pasta da Cultura, comandada por Paulo Pitaluga, informa, por meio de assessoria, que a maioria dos projetos reprovados não estavam dentro das normas exigidas nos três editais já divulgados neste ano. Havia falhas como falta de documentos ou informação. Num primeiro momento, as propostas passam por uma análise técnica e, depois, são submetidas às câmaras temáticas, conforme a disponibilidade dos recursos para o incentivo à cultura. “Se sobrar verba e não houver projetos dentro das normas, a secretaria faz outro edital para não perder o dinheiro. Até agora, já foram abertos três editais apenas neste ano”, informa a Cultura.

   Nas reuniões de 30 de setembro e 2 de outubro, os conselheiros reprovaram o projeto apresentado pela Prefeitura de Santo Afonso, comandada pelo progressista Silvio Souto Felisbino. O prefeito de Comodoro, por sua vez, Marcelo Beduschi (PT), tentou emplacar sem êxito o Festival da Canção do município. Os conselheiros descartaram a proposta de capitalização de recursos para o Festival de Música de Terra Nova do Norte, sob Manoel Rodrigues de Freitas Neto. Os prefeitos de Paranatinga e Peixoto de Azevedo, respectivamente, Vilson Pires (PRP) e Sinvaldo Santos Brito (PP), também apresentaram projetos de festival de música, mas não conseguiram os recursos. Já o prefeito de Arenápolis, Farid Tenório Santos (DEM), terá que reformular o projeto que prevê a realização de um festival de pesca, o Fescanópolis.

   Dentre os projetos independentes, o cantor várzea-grandense José Paulo não conseguiu recursos para produzir o CD “Explode Coração – Sabiá e Decibel”, assim como Danny Borges Lara da Silva terá de adiar o lançamento do CD “Dannylo e Rafael”. Os projetos “Workshop de Capoeira Contemporânea”, apresentado por Visquival de Campos Martins, e da “Mostra de Música Independente de Cuiabá”, de Leandro de Carvalho, também não foram contemplados. (Andréa Haddad)

--------------------------------------------------------------
Veja aqui quais projetos foram reprovados e engavetados

Postar um novo comentário

Comentários (10)

  • ITAMAR VERAS | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    CARO PAULO MATTOS, O SEU COMENTARIO E UM POUCO INFUNDADO JA QUE NAO CONHECE MINHA VIDA, EU NUNCA AGI NA AREA DE COBRANÇA, TENHO UMA EMPRESA DE FACTORING SIM, CONSTITUIDA E LEGALIZADA, NA QUAL PAGOS OS IMPOSTOS DEVIDOS, CONTRIBUINDO ASSIM PARA A ECONOMIA DO NOSOS ESTADO E DA NOSSA CIDADE, OUTRO FATO DESCONHECIDO POR VC E QUE NAO SOU PASTOR, SOU MINISTOR DE LOUVOR, ISSO DEMOSNTRA REALMENTE QUE VC NAO SABE MUITO BEM O QUE DIZ IRMAO, MAS SE QUISER SABER MAIS SABRE MINHA VIDA, MEU MINISTERIO QUE DEUS COLOCOU SOBRE MINHA RESPONSABILIDADE, AI ESTA MEU EMAIL EU ESTOU A SUA INTEIRA DISPOSIÇAO PRA QUALQUER DUVIDA.
    AGORA QUE O REINO DE DEUS GANHA COM A MINHA PARCERIA, E CLARO QUE GANHA, MAS NAO PELA MINHA POSIÇAO SOCIAL, MAS SIM PELA MINHA VONTADE DE FALAR DO AMOR DE DEUS PARAS AS PESSOAS QUE AINDA NAO CONHECE O AMOR, O PERDAO E A MISERICORDIA DE DEUS PARA AS SUAS VIDAS. DEUS TE ABENÇOE MEU IRMAO, E QUE A SUA DECENDENCIA SEJE BENDITA EM NOME DE JESUS.

    ASS. ITAMAR VERAS

  • Pastor Pedro | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vejam só senhores, mais uma vez os projetos do segmento Evangélico foi discriminado por esse conselho dizem que de cultura. porque o ministério público não investiga esses conselheiros? se fizer vai encontrar irregularidades. na hora das campanhas politicas, nos enche de elogios, pra querer nossos votos. na de aprovar nossos projetos, nós não temos cultura, canções que salva, transformas vidas, não é cultura neh se Jony, claro não vai ter comissão, isso é vergonhoso, que na históri da Biblia a musica veio pelo povo de Deus, e agora somos discriminado por um conselho que so consegue alguma coisa se for desse jeito. Que pena governador, e vice que inclusive ta de olho nos votos evangelicos, ja Basta esse pinóquio que nos enganou fingindo que é evangélico agora la vem mais ou vcs vão mudar esse conceito e nos respeitar, so queremos os nossos direitos.

  • Ana Maria Gomes | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Hoje 14, encerra um edital relampago,que foi lançado no dia 6 de outubro;e com cartas marcadas:Projetos prontos,com valores exatos!Qual artista ficu sabendo?Qual prefeito?E Pitaluga lança suas obras...João Carlos pega 60mil!!!!

  • Paulo Sergio | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    AIgreja abocanhou bons pedaços também no último edital, lembra da marcha, quem mandou vc ser de outra denominação

  • paulo mattos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    os evangélicos não tém muito que reclamar pois marcha pra jesus pegou uma grana preta,aliás os evangélicos ganhou mais um parceiro o itamar da factorim depois de gir na área de cobrança ágora é pastor,agora o impressionante de tudo isso é permitirem que jhonhi seja presidente depois de ser proprietário de uma das mais estruturadas empresas de eventos em mato grosso,na verdade a cultura presusa ser renovada totalmente,começando com aquela luiza intocável intolerável e manipuladora dos proponentes ligados ao governo.agora colocaram um irmão de um pastor para ser adjunto tomara que dê cérto em meio a tantas turbulências.

  • wilsom marques | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    pois é caro romilsom conheço quase todos esses honrados conselheiros principalmenmte na pessoa do seu presidente articulador oficial da fésta de são cristovão em cuiabá,é lamentável que isso aconteçe ainda no segmento cultural do nosso estado ver um tal de praça do lambadão em lugar fechado e cobrado ingresso,mesmo abocanhando 20 mil das tetas da cultura,é um afronto ao meio faça ao ar livre como alguns fazerem,aprovar um tal de gravação do karadogol é um absurdo pois ficamos sabendo que o tal do edinho(proprietário)nem banda tém aprovar projetos de quatro marcos araputanga indiavai reserva do cabaçal são todos manipulados por um empresário com só contrata banda do paraná com o recurso da cultura de mt isso é contra lei existe um projeto do deputado riva que diz que todo o recurso de projeto cultural do nosso estado tem que consumir em 100%de artistas regionais.infelizmente esse é o nosso conselho que analiza com muito critério os nossos projétos.isso é uma vergonha.

  • Manoel da Silva | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Eu fico irado qdo leio noticia da Cultura....aquilo lá é uma vergonha p/nós cuiabanos..esse tal Pitaluga qdo vai deixar essa pasta? pq insiste, saia fora vc não está com nada...esse evento que teve na praça..meu Deus foi fracasso...o povo não aguentava mais aquilo..esse tal de Jone..presidente do conselho meu Senhor Jesus..tome conta dele..é um verdadeiro pau mandado..dizia que tudo ia ser diferente..que nada..pior que João Carlos...falando em João Carlos ele abocanhou nada mais e nada menos que uma boa quantia com mais uns dos seus projetos..etá homem de sorte...derpois de tantas blablá com o seu amigo Pitalaga agora está mamnado novamente..essa é a cultura de cuiabá, gestão Paulo e Jhony..Salve a nossa Culturaaaaaaaaaaaaaa

  • robertosantos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    pois é wilsom eu fico estarrecido com tudo que tém acontecido últimamente na nossa cultura,meu nome é roberto sou vendedor âmbulante hã mais de 05 anos vinha vendendo churrarquinho alí na praça do rasqueado,a´t que um dia pararam com tudo mandaram acabar com aquilo que aquilo nã éra cultura,como eu tinha vários ambulantes vendedo o seu produto ali,aquele tratava de um projeto cultural que sem mais sem menos parou por falta de apoio, e a praça acabou não te´m mais movimento tá um deserto triste abandonado e cercado de tronbadinha assaltantes noiados etc.que pena que a cultura seja tratado assim.

  • éder batista | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    meu nome é eder batista sou o proponente do projeto cultura na praça a mais de 06 anos,cuiabano tenho residência fixa desde qdo nasci sou um dos maiores promoter em praça pública faço com muita responsabilidade a cultura acontecer e com qualidade.fui injustiçado este ano por conta de papel,como se fosse motivo de pelo menos verem ou lerem o projeto,faço a minha pretaça~de contas além de minimos detalhes no pápel, as faço prncipalmente ao vivo e aos olhos de todos ou seja não pego dinheiro do governo de graça,sou responsável e não preçiso trocar o nome de proponente pra realizar o meu evento,faço em meu nome como sempre fiz;de graça na praça pra todos sem discriminação de raça e cor,que pena que não tive chance de defender o meu projeto como jhonni(presidente)me prometeu que pena tabém que os outros conselheiros não tiveram acesso a ele(projeto).mais não me desanimo já tenho dia local e data marcada pra continuar o projeto cultura na praça 20010 com ou sem apoio do conselho,pois graças a deus a nossa cultura é forte também na iniciativa privada,como dizia o saudoso casuza o shou não pode parar.obrigado romilsom pelo espaço.

  • pauliho tecladista | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

8 candidaturas e Thelma com chances

thelma de oliveira 400 curtinha   Mesmo sem apoio de nenhum outro partido, a não ser do seu PSDB, enfrentando forte desgaste político e rejeição popular e ainda problemas de saúde, se recuperando de tratamento de câncer de mama, a prefeita Thelma de Oliveira (foto) ainda tem chances de...

Niuan de fora da suplência ao Senado

niuan ribeiro 400 curtinha   O deputado federal José Medeiros não conseguiu segurar o vice-prefeito de Cuiabá, Niuan Ribeiro (foto), como primeiro-suplente de sua chapa ao Senado. Há alguns dias, o filho do ex-vice-governador e ex-deputado Osvaldo Sobrinho vinha demonstrando desejo de pular fora, em meio a...

Jayme incomodado com Flávio em VG

jayme campos 400 curtinha   A candidatura a prefeito de Várzea Grande do empresário Flávio Frical (PSB), principal aposta da oposição, passou a incomodar a família Campos, que apoia o ex-vereador Kalil Baracat, concorrente ao Executivo pelo MDB. Em uma noite que seria de festa, em comemoração...

Acordo com Euclides partiu de Allan

allan kardec 400   Otaviano Pivetta, vice-governador licenciado por 30 dias para cuidar de problemas de saúde, disse que nada tem a ver com o tal acordo "costurado" pelo presidente regional do PDT, deputado Allan Kardec (foto), com Euclides Ribeiro, candidato a senador pelo Avante. Explica que só apresentou Euclides para Allan e...

Família Maia tenta retomar o poder

martha maia 400   O ex-prefeito de Alto Araguaia por quatro vezes, Maia Neto, não entrou na disputa de novo ao Executivo, mas lançou a irmã Martha Maia (foto), cuja filha Sylvia Maia é vereadora. Filiada ao PP, Martha entra como principal candidata da oposição ao prefeito Gustavo Melo, que vai à...

Welinton fará grande ato em Barra

welinton marcos 400 curtinha   Welinton Marcos (foto) lança sua candidatura a prefeito de Barra do Garças, na segunda (28), em um grande ato. Mesmo pelo sistema drive-in, devido à necessidade de adotar medidas sanitárias contra a Covid-19, são esperadas na solenidade cerca de mil pessoas, num espaço amplo,...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.