Últimas

Quinta-Feira, 28 de Janeiro de 2010, 11h:10 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

INFRAESTRUTURA

Consema dispensa EIA/RIMA de obra na rodovia de Chapada

  O verniz verde do governo Blairo Maggi (PR) dá sinais de que começou a descascar. O Conselho Estadual de Meio Ambiente (Consema) liberou no último dia 21 de Estudo e Relatório de Impacto Ambiental (EIA/RIMA) as obras de duplicação da MT-251 (rodovia Emanuel Pinheiro), no trecho que compreende MT-010 até o entroncamento com a MT-351 (trevo de Manso), que começaram sem qualquer licenciamento e foram embargadas pelo Instituto Chico Mendes (ICMBio) em dezembro.

   Os votos foram embasados na Resolução 237 do Conama, que em seu artigo 3º prevê a dispensa do estudo e o relatório quando a obra não apresentar significativo potencial de destruição do meio ambiente. Para conceder a dispensa, o Conselho aprovou obras em 16,2 km, um quilômetro a menos do que o traçado original.

   O chefe da Coordenação Regional 10 do ICMBio em Chapada dos Guimarães, Eduardo Barcellos, considera inútil a resolução 01/10 do Consema, que permite a dispensa. “Ela (resolução) não tem como vigorar porque o governo não levou em consideração que as obras não atingem só o Parque de Chapada, mas também diversas unidades de conservação municipais e até estaduais. Portanto, para desembargar as obras é necessário licenciamento em todas”, explicou. O Parque Massairo Okamura, por exemplo, passa a 4 km da MT-251, coisa que teria que ser levada em conta no momento da concessão da licença.

   O ICMBio aguarda, agoram uma solução para o impacto ambiental das obras na região do trevo de Manso, próxima do Parque Nacional de Chapada. O local abriga alojamentos e máquinas da Cavalca Construtora e Mineração, empresa que ganhou a licitação para este primeiro lote dos trabalhos.

   Segundo Barcellos, o Instituto multou em R$ 2 milhões a empresa Cavalca Contrutora pela falta de licenciamento na obra e encaminhou pedido ao Ministério Público para encaminhar ação na justiça a esse respeito. Segundo ele, o ICMBio prepara um mapa com a identificação de todas as unidades de conservação que sofrerão impacto com a obra de duplicação. 

   Outro lado

   O secretário de Meio Ambiente em exercício, Salatiel Araújo disse que não poderia falar sobre o assunto por estar em Brasília, onde participa de reuniões. O RDNews não conseguiu entrar em contato com a assessoria. Já o diretor da construtora responsável pelas obras, Arlindo Cavalca, antecipou que aguarda permissão para retomar as obras, mas não soube estipular quando isso deve ocorrer.

 

Postar um novo comentário

Comentários (10)

  • juliodedier | Quinta-Feira, 28 de Janeiro de 2010, 22h55
    0
    0

    é de se estranhar a defesa que vcs da midia fazem contra a duplicacao desta tão importante rodovia.Bem, certamente vcs ainda não perderam nenhum amigo prá não dizer um filho,um pai ou um irmão nessa rodovia.Sorte a de vcs, por enquanto, é claro.ñ basta essas mau fadadas ongs, que falam pelos cotovelos e querem ditar ordem aqui em nosso terreiro. Até aonde vcs vão continuar entrando nessa, seu Romilson.Essa estrada duplicada salvará vidas,em troca de uma meia duzia de pé de lixeiras que serão cortadas.Não se constroe o progresso perservando buraco de tatu e de cobras o que só tem as margens dessa MT.Parem de ser retrogados. Deixe o progresso chegar nesse estado.Depois culpam os governantes. Êta povinho atrasado.Em tempo, esses pseudos ambientalistas querem preservar não o meio ambiente e a Chapada, mas sim seus anonimatos prá cheirar macanha nas cachoeiras e paredões.O progresso certamente irá tirar essa liberdade.Não entra nessa seu Romilson, caso contrário vou entender que o senhor também gosta de queimar unzinho.

  • Bento (do Porto) | Quinta-Feira, 28 de Janeiro de 2010, 20h23
    0
    0

    Enquanto existirem pessoas que, convenientemente, acreditam ser possivel burlar a legislação para conseguir benesses, esse estado vai continuar sendo essa M.... É simples.....sem EIA/RIMA, não tem rodovia. Não adianta espernear. Onde estão os conselheiros que representam as ongs ambientalistas, a UFMT e UNEMAT???? No mímino...convenientemente, não estavam a par da situação. Essa duplicação, mascarada pela melhoria para a copa, só vai servir para cortar caminho para a soja. E o povo besta, está se achando....

  • hugo werle | Quinta-Feira, 28 de Janeiro de 2010, 18h25
    0
    0

    Caro Nilson e internautas contrários a elaboração do IA/RIMA... Não tenho procuração dos técnicos do Instituto ICMBio, porém são profissionais altamente qualificados, formados em curso superior nas mais divesas áreas tais como agronomia, engenharia, biologia, geografia, engenharia florestal, geologia, etc. e, que ingressaram na carreira fazendo concurso público, portanto aptos tecnicamente a se manifestar sobre a questão do EIA/RIMA. Por outro lado, sua função, dentre outras, é a de fazer cumprir as leis na área ambiental, dentre elas a do SNUC (9985) e sucedâneas estaduais e federais. Não cabe a eles a preocupação funcional especifica sobre a poluição do Rio Cuiabá, mas sim ao Wilson Pinóquio que não conclui a ETA Tijucal e não recolhe adequadamente o lixo da capital. Finalmente, a legislação ambiental estadual e federal é muito clara, para obras de tal envergadura, como a duplicação da rodovia Emanuel Pinheiro, faz-se necessário sim a elaboração de Estudo de Impacto Ambiental e seu respectivo Relatório, para fins de consulta e discussão pública. Causa assombro o CONSEMA aprovar emprendimento desse porte e com tal impacto, não exigir a realização dos estudos pertinentes. Cadê a manifestação do membro da OAB e do Ministério Público? Será que mais uma vez estão se omitindo? A lamentar tal postura...

  • Mario Junior | Quinta-Feira, 28 de Janeiro de 2010, 17h50
    0
    0

    pra mim este instituto chico mendes quer alguma coisa tbem, isso sim, uma obra dessa que hoje é muito importante afim de salvar vidas, pois, esta rodovia esta a verdadeira rodovia da morte, e fica esses caras que não tem o que fazer travando essa que pra mim é a obra mais importante do governo que precisa ser feita atualmente.

  • marcos | Quinta-Feira, 28 de Janeiro de 2010, 17h47
    0
    0

    O povo cuiabano não pode ficar no meio desse fogo criado por eco-chatos de plantão. A população quer a obra sim, e quer pra já...ess instituto chega a ser criminoso. Já não basta a roubalheira imposta para entrar no parque. Fora daqui Instituto Chico Mendes! não podemos ficar reféns desses eco-bobos. Mato Grosso deve se livrar desse estigma de terra sem progresso, onde as pessoas só sabem ficar olhando passarinho. A ligação com chapada é pra ontem e vai salvar muitas vidas HUMANAS e maior acesso a cidade de Chapada. Isso sim, é assegurar o progresso..

  • Roberto | Quinta-Feira, 28 de Janeiro de 2010, 14h26
    0
    0

    Matéria vencida...o bem maior do ser humano deve ser preservado: "a vida"! Chega de demagogia gente.

  • Felipe | Quinta-Feira, 28 de Janeiro de 2010, 14h17
    0
    0

    A Portaria nº143 de Dez de 2009, assinada pelo secretário Daldegan, designa o Secretário Adjunto para responder como secretário, será que não seria coisa para ser feita pelo governador ou ela já não manda mais nada, alem disso a festinha do Salatiel acabou segundo a mesma portaria em 27/01/2010, ou seja ontem. Boas férias Saatiel, a SEMA não vai sentir sua falta...

  • ARLINDO BELLO | Quinta-Feira, 28 de Janeiro de 2010, 14h12
    0
    0

    A lei deve ser aplicada a todos, sem distinção, a obra só deveria ser licitada com a devida licença ambiental, agora cabe pela paralização aditivo de praso e um futuro de preço. O licenciamento foi de 16.2 KM, e o projeto incialmente foi informado de 19,00 km e depois na mesma plenária do Consema concertada para 16,80 km, bem a maior que o licenciado sem alteração do projeto (Diário de Cuiabá), ocorre que duvido que eles não vão executar a totalidade do projeto, e descumprir a lei ambiental estadual. Afinal NENHUMA obra de Rodovia do Estado obteve a referida licença em tempo Habil.

  • nilson | Quinta-Feira, 28 de Janeiro de 2010, 14h11
    0
    0

    Profissionais do Instituto Chico Mendes,,,,,,É PRA RIR???ESSE PESSOAL NÃO APITA NADA,SÓ ESTÃO QUERENDO ALGO(?).ESSES ECO-CHATOS SÃO UM PORRE,SE ESSE PESSOAL QUIZESSE TRABALHAR ELES CUIDARIAM DO RIO CUIABÁ QUE RECEBE ESGOTO E CAI DIRETO NO PANTANAL,ESSE SIM DEVERIA TER ESTUDO....

  • cuiabanito | Quinta-Feira, 28 de Janeiro de 2010, 13h36
    0
    0

    qual estudo deveria ser feito, afinal das contas apenas vao fazer uma rodovia paralela a ja existente. chega de marasmo. e salvem vidas humanas e nao de quatis.

8 candidaturas e Thelma com chances

thelma de oliveira 400 curtinha   Mesmo sem apoio de nenhum outro partido, a não ser do seu PSDB, enfrentando forte desgaste político e rejeição popular e ainda problemas de saúde, se recuperando de tratamento de câncer de mama, a prefeita Thelma de Oliveira (foto) ainda tem chances de...

Niuan de fora da suplência ao Senado

niuan ribeiro 400 curtinha   O deputado federal José Medeiros não conseguiu segurar o vice-prefeito de Cuiabá, Niuan Ribeiro (foto), como primeiro-suplente de sua chapa ao Senado. Há alguns dias, o filho do ex-vice-governador e ex-deputado Osvaldo Sobrinho vinha demonstrando desejo de pular fora, em meio a...

Jayme incomodado com Flávio em VG

jayme campos 400 curtinha   A candidatura a prefeito de Várzea Grande do empresário Flávio Frical (PSB), principal aposta da oposição, passou a incomodar a família Campos, que apoia o ex-vereador Kalil Baracat, concorrente ao Executivo pelo MDB. Em uma noite que seria de festa, em comemoração...

Acordo com Euclides partiu de Allan

allan kardec 400   Otaviano Pivetta, vice-governador licenciado por 30 dias para cuidar de problemas de saúde, disse que nada tem a ver com o tal acordo "costurado" pelo presidente regional do PDT, deputado Allan Kardec (foto), com Euclides Ribeiro, candidato a senador pelo Avante. Explica que só apresentou Euclides para Allan e...

Família Maia tenta retomar o poder

martha maia 400   O ex-prefeito de Alto Araguaia por quatro vezes, Maia Neto, não entrou na disputa de novo ao Executivo, mas lançou a irmã Martha Maia (foto), cuja filha Sylvia Maia é vereadora. Filiada ao PP, Martha entra como principal candidata da oposição ao prefeito Gustavo Melo, que vai à...

Welinton fará grande ato em Barra

welinton marcos 400 curtinha   Welinton Marcos (foto) lança sua candidatura a prefeito de Barra do Garças, na segunda (28), em um grande ato. Mesmo pelo sistema drive-in, devido à necessidade de adotar medidas sanitárias contra a Covid-19, são esperadas na solenidade cerca de mil pessoas, num espaço amplo,...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.