Últimas

Quinta-Feira, 07 de Janeiro de 2010, 18h:25 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

Segurança Pública

Coronel e SI investigam tentativa de assalto no RDNews; caso ganha repercussão nacional

  O coronel PM Gilson Farid e o serviço de Inteligência da Polícia Militar vão apurar a tentativa de assalto no RDNews na terça (5), às 13h30, quando dois rapazes armados e numa motocicleta me apontaram uma arma, assim que entrei de carro na garagem da empresa e acionei o portão eletrônico. Eles estavam usando capacete. O que apontou a arma levantou a viseira e ordenou que eu parasse. Creio que só não disparou tiros, naquelas frações de segundos, porque o portão o imprenssou no canto e se mostrou incomodado pelo latido contínuo de um cão e gritos vindos do alto do sobrado de "chama a polícia, é assalto!". "Essa é uma questão de honra para a gente resolver esse caso, independente do trabalho de apuração do Comando Regional", enfatiza o coronel, que tem atuação forte na área de proteção a pessoas junto ao Ministério Público e ao Judiciário.

    O mais intrigante é que o plantão policial da PM foi acionado duas vezes, prometeu deslocar uma viatura com policiais para atender a ocorrência, mas isso não aconteceu na prática - saiba mais aqui. Uma sindicância interna foi instaurado para apurar responsabilidades sobre a omissão.

     O assunto ganhou repercussão nacional. Vários portais destacaram o assunto, como o site Imprensa - confira aqui. Jornais e sites de Mato Grosso também fizeram o mesmo, como Midianews, NX Notícias e A Tribuna. Agradeço as várias manifestações de solidariedade e apoio e torço para que ninguém se depare com a situação com a qual passei neste 5 de janeiro. Vivi de novo. (Romilson Dourado)



Postar um novo comentário

Comentários (11)

  • eduardo | Quarta-Feira, 13 de Janeiro de 2010, 17h25
    0
    0

    tentativa de assalto ou execução???quem vai saber né...

  • Leandro Soares Filho | Sábado, 09 de Janeiro de 2010, 22h06
    0
    0

    Me mostre uma PM honesta, eficiente e com caráter, que não se mistura com bandido, que eu te mostro que Papai Noel e o Coelho da Páscoa existe. Que os raros (raríssimos) honestos e de boa índole não fiquem abalados com meus comentários, mas a PM é podre e essa sindicância é fachada, veja que os responsáveis pelo caso "AfroReggae" aqui no Rio estão soltos. PM que rouba ladrão deve ter 100 anos de perdão, por isso os soltaram.

  • Leandro Soares Filho | Sábado, 09 de Janeiro de 2010, 21h59
    0
    0

    Moro no Rio de Janeiro e pergunto: a PM de Cuiabá é diferente da do Rio de Janeiro ? Porque aqui PMs fardados frequentam as favelas e são "amiguinhos" dos traficantes, como exemplo temos a favela de Parada de Lucas onde o traficante Adelmo foi morto por outro traficante a mando da PM porque o mesmo era "mão-fechada", atualmente liderada pelo traficante "Chopp" é a alegria da PM, o mesmo libera verba a vontade, veículos da polícia trafegam em paz entre os traficantes em busca de propina e alguns ainda abraçam, contam piadas e bebem com o mesmo. Logo se a PM de plantão não foi nem precisa procurar os ladrões, procurem os PMs pois haverá todas as chances do crime ter sido encomendado pelos mesmos. Pelo menos aqui é assim PM e ladrão são sinônimos.

  • Marco | Sábado, 09 de Janeiro de 2010, 09h26
    0
    0

    Romilson, não sei o que acontece. Já precisei do 190 e eles não me atenderam. Tive um problema com barulho na rua do condomínio aonde moro. Disseram que a competência não era da PM e me disseram para ligar em outro número (um tal de disque silêncio). Só que no mesmo não tinha ninguém pra atender, tanto em Cuiabá quanto em VG (São 2 números). Voltei a ligar no 190 e novamente voltaram a dizer que não era da competência deles, com aquela costumeira "delicadeza" policial. Fico pensando: meu imposto só serve pra encher o bolso de alguns. Meu nobre jornalista, estamos reféns do sistema. Tome cuidado, por favor. Cuide de sua segurança pessoal.

  • Morais | Sexta-Feira, 08 de Janeiro de 2010, 10h13
    0
    0

    Bom dia Romilson, eu entendo e sei perfeitamente o que você passou no momento da abordagem, porque eu e meu cunhado também fomos alvo de ladrões que nos abordaram em frente da casa dele(cunhado) nos levaram para dentro da casa ( jardim imperador ) sob mira de revólver. Quero dizer é uma situação muito traumática, quanto ao atendimento policial, bom isso é complicado, pois sempre que precisamos, não estão presente. Minha esposa também foi assaltada no mesmo bairro por dois ladrões em motocicleta, a derrubaram no chão e levaram sua bolsa. Romilson, quero te dizer fazem tres anos que estou em Várzea Grande, morava anteriormente no paraná, já estou considerando a possibilidade de voltar, pois a segurança nessa cidade tanto Várzea Grande quanto Cuiabá, ta ficando cada dia mais complicada, no final do ano estive no paraná ibaiti (norte velho do paraná) pra você ter uma idéia la as pessoas largam as casas aberta sem problemas, num primeiro momento eu alertavam o pessoal ( parentes ) sobre a segurança, mas me dizia que era assim que eles viviam e nunca tiveram nenhum tipo de problemas. Romilsom , outra vida outro Brasil, coisa ordeira, o que pra nós aqui é muito deficiente, penso que o governo deveria priorizar essa área, mas o que vemos é um massagre do governo em cima de empresário com impostos que chegam a margem da extorsão, uma garganta que não tem fundo, e quando é cobrado para dar respostas ao que confere ao governo conforme prescreve a contituição é um tal de um passar a responsabilidade para o outro e ninguém faz nada. O que podemos fazer diante de tudo isso... ou deixamos o estado e procuramos um lugar menos violento, ou aprendemos a conviver com o caus, entregando a DEUS todas as coisas. amigo que DEUS te abençoe e te guarde de situações dessa.

  • Antonio sousa de lima | Sexta-Feira, 08 de Janeiro de 2010, 08h04
    0
    0

    ROMILSON! SOU LEITOR ASSIDUO DO RDNEWS E FICO ME PERGUNTANDO..SERÁ QEU FOI ASSALTO MESMO? VC SABE MELHOR DO QEU NINGUEM QUE A VERDADE INCOMODA MUITA GENTE...E PRINCIPALEMTNE PELA IMPARCIALIDADE E SERIEDADE..MAS O QUE FAZER NESSE CASO? PORQUE A POLICIA NÃO APARECEU? NEM PARA FAZER O BO? É NO MINIMO ESTRANHO ISSO TUDO...VC TEM CORAGEM, PUBLICA O QUE REALMENTE ESTÁ ACONTECENDO, E TE PREPARA QUE VEM MUITA COISA POR AI...OS BOTINUDOS ESTÃO APAVORADOS COM A POSSIBILIDADE DE PERDER O PODER, O OUTRO GRUPO APAVORADOS EM TER O PODER...É MUITA COISA EM JOGO....TE CUIDA AMIGÃO.......

  • Silva | Sexta-Feira, 08 de Janeiro de 2010, 05h45
    0
    0

    Isso também pode haver, talvez, com certas "forças ocultas".

  • Flavio Pinho | Sexta-Feira, 08 de Janeiro de 2010, 02h10
    0
    0

    TODO CIDADÃO TEM DIREITO À SEGURANÇA, ACREDITO QUE TODOS SOMOS IGUAIS NESSES DIREITOS, AFIRMO QUE AS AUTORIDADES DEDICARÃO PRIORIDADE NESTE ATENDIMENTO, HAJA VISTO O NÚMERO DE INTERNAUTAS FIÉIS A RDNEWS. APROVEITANDO A OPORTUNIDADE DE TAMBÉM PARA MELHORAR A OPINIÃO E PRESTÍGIO POPULAR, SOBRE AS INSTITUIÇÕES EMPENHADAS EM SEGURANÇA PÚBLICA.

  • Jeferson Lobato | Sexta-Feira, 08 de Janeiro de 2010, 01h54
    0
    0

    Romilson, gostaria de comentar sobre a PM não ter ido mesmo com as duas ligações feitas por vocês. No mesmo dia do assalto no RDNEWS, logo depois do almoço, não sei precisar a hora certa, dois homens armados invadiram uma agência de viagens, onde minha esposa trabalha e anunciaram assaltos, corajosamente e tambem imprudentemente, algumas funcionárias inclusive minha esposa correram para o banheiro e se trancaram. De lá ligaram para a PM 190, e foram esculhambadas pela Atentende que disse que 'sabia que era um trote' e não quis fazer a ocorrência. Sabemos que o trote nesses tipos de serviços deixa de ser uma brincaderia de adolescentes e passa a ser crime e ignorancia pois causa desconfiança e ainda perca de tempo do efetivo militar. Só que a Atentendente e qualquer policial que ali estiver não pode ser o juiz da situação e deixar de ver uma ocorrencia por achar que é trote ou não. Isso poderia ter custado a vida dessas funcionárias. Algumas pessoas estão despreparadas para esse tipo de serviço. Repito: Sei que o trote atrapalha, mas não pode ser um motivo para se alegar não verificar uma ocorrencia. Espero que tudo ai seja solucionado.

  • ROBERTO | Quinta-Feira, 07 de Janeiro de 2010, 19h44
    0
    0

    nao esquenta logo logo eles vao ter o que merece

Decreto "anula" o MPE em Juscimeira

moises 400 juscimeira curtinha   Em Juscimeira, o promotor de Justiça Adalberto Ferreira recorreu à Justiça de forma desnecessária. Pleiteou e conseguiu uma liminar para suspender um decreto do prefeito Moisés dos Santos que, segundo a ação, havia reduzido as medidas de isolamento social, permitindo...

Kero-Kero quer levar Abílio para Pode

wilson kero kero 400 curtinha   Na contagam regressiva do prazo para o troca-troca partidário - vence em 3 de abril para quem pretende ser candidato em outubro deste ano -, o vereador Wilson Kero-Kero (foto), do PSL e um dos opositores à gestão Emanuel Pinheiro em Cuiabá, está fortalecendo o Podemos. E se...

ECSP explica confusão com Marcrean

marcrean 400 curtinha   A Empresa Cuiabana de Saúde Pública (ECSP) emitiu nota sobre a suposta “carteirada” do vereador Marcrean Santos (foto) no HMC. Ele foi pivô de confusão e um vídeo viralizou nas redes sociais. Segundo a ECSP, o parlamentar foi até o local pedir informações...

PL quer suspender dívidas das cidades

max russi curtinha 400   Ex-prefeito de Jaciara, o deputado Max Russi (PSB) apresentou projeto que visa suspender os pagamentos das dívidas dos municípios com o Estado, durante o período de calamidade pública que foi decretado pelo governo por causa da pandemia do coronavírus. Max ressalta que MT não deve...

Articulação pra tentar voltar ao Procon

gisela simona 400 curtinha   Com adiamento e ainda sem nova data para a eleição suplementar ao Senado, Gisela Simona (Pros), que se afastou do Executivo para concorrer ao pleito, quer retornar ao cargo de secretária-adjunta de Proteção e Defesa dos Direitos do Consumidor (Procon), vinculado à secretaria...

Senadora, ataques e defesa de Galvan

selma arruda 400 curtinha   Selma Arruda, senadora cassada por crimes eleitorais, um deles caixa 2, escreveu artigo entitulado "MP x Aprosoja. Afinal, quem tem razão", especialmente para defender o aliado político Antonio Galvan, presidente da Aprosoja. Ao concordar com plantio de soja dentro de período proibido pela...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você concorda com a decisão de prefeitos, que começam a decretar estado de emergência, fechando comércio, serviços públicos e o transporte coletivo?

sim

não

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.