Últimas

Quinta-Feira, 29 de Novembro de 2007, 20h:26 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

MEIO AMBIENTE

CPI consulta Maggi antes de aprovar o relatório

     A CPI que há 5 meses investiga os motivos da morosidade na liberação de licenças e também falhas na gestão ambiental do governo estadual apresenta, entre terça e quarta, o relatório final dos trabalhos. Antes, porém, os membros da Comissão vão se reunir com o governador Blairo Maggi (PR). Eles pretendem antecipar os dados, o que deve comprometer a autonomia e independência da CPI. São cerca de 480 páginas.

   Com essa medida, seus integrantes seguem à risca a  tese da realização de um trabalho propositivo. Desde já, sabe-se que não haverá denúncias que venham complicar a administração Maggi. A estratégia visa livrar o governo de eventuais surpresas. Tudo caminha para críticas "leves" à pasta do Meio Ambiente, sob Luís Daldegan. "Entre terça e quarta nos encontraremos com o governador para apresentar os resultados", disse o deputado Dilceu Dal Bosco, relator da CPI.

    No documento devem constar sugestões para melhorias na Sema como, por exemplo, a descentralização da pasta, dando autonomia para os escritórios regionais. Atualmente, a Sema tem unidades em Sinop, Colíder, Alta Floresta, Juara e Guarantã do Norte, mas grande parte dos processos é resolvida somente em Cuiabá. Também vão ser cobrados do governo mais investimentos para o setor.

    O governador vem sendo informado sobre o andamento do relatório, antes mesmo da radiografia passar pela votação em plenário. A  comissão se reúne neste fim de semana para fazer os últimos ajustes e, provavelmente na terça ou na quarta, o relatório deve estar nas mãos de Maggi. Segundo Dal Bosco, o resultado da investigação não "trará análises diferentes daquelas já apresentadas no decorrer das oitivas e divulgadas pela imprensa". (Simone Alves)

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • moises de aquino correa | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Sou engenheiro, vou sempre a sema para acompanhar projetos florestais e eu nunca vi uma pessoa mais arrogante e petulante do que a chefe de gabinete do secretário. Parece que ela manda mais que o chefe, que assina em baixo todos os desmandos que essa moça vêm fazendo, inclusive tolera os seus berros e acintes aos empreendedores que buscam apenas uma audiência com o secretário. O pior que ela sequer possue formação superior, e não sabe nem definir o que é meio ambiente. È dessa forma que o governador quer "priorizar" a gestão ambiental do Estado? e a CPI, está dormindo, ou será que foi um acordão para não chamar essa moça para prestar esclarecimentos sobre o porquê ela prioriza o andamento de alguns projetos em detrimento de muitos outros. Se quebrarem o sigilo bancário e telefônico da dita cuja muita coisa, mas, muita coisa mesmo, virá a tona.

  • joao batista | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Credibilidade dessa "comissão"? será que alguem acreditou nela. duvido. só se for para incriminar os servidores daquela instituiçao que em 90% dos servidores da casa, com certeza so cumpriram ordem. agora quanto a alguns parlamentares..., só deus sabe.

  • DEDO DURO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Isso que é independecia de poder heinnnnnnnnnn !!!!!!!!!!!!!

  • leonidas pereira arruda | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Que mal pergunte, mas, o que deu o processo aberto pela policia federal para apurar a responsabilidade pelas emissões das autorizações de queimadas naquele período que quase não conseguimos respirar aqui em cuiabá. Cada dia fica mais obscuro a decisão dessa cpi, que ao que tudo indica em vez de propor a revisão da gestão ambiental do Estado, que os próprios deputados "dizem" que criticam, ao contrário, parece que existe uma estratégia de fortalecer os atuais gestores da sema, considerados os verdadeiros trapalhões da politica ambiental deste Estado.

Sorriso tenta aval para conceder RGA

estevam calvo 400   A Prefeitura de Sorriso quer pagar RGA aos servidores, mas não encontrou até agora respaldo legal para assim proceder, considerando a Lei Complementar 173/2020 que, no contexto da pandemia, proíbe reajuste no salário de servidores federais, estaduais e municipais até 31 de dezembro deste...

Ambulância doada pela CBF para MT

Aron Dresch 400   O governo estadual recebeu doação de uma ambulância da CBF como forma de reconhecimento à dedicação dos profissionais da Saúde e dos serviços que estão sendo prestados durante a pandemia. O Hospital Metropolitano, em Várzea Grande, foi escolhido para...

Fávaro, relatório e vacina sem Anvisa

carlos favaro 400   O senador mato-grossense Carlos Fávaro (foto), eleito na suplementar do ano passado, está comemorando a aprovação pelos colegas do seu relatório ao Projeto 1315/2021, que libera a importação de vacinas e insumos para o combate à Covid-19 no Brasil e sem depender do...

TRE intima deputado pra se defender

gilberto cattani 400   O TRE já citou o deputado Gilberto Cattani (foto) e o comando do PRTB para se manifestar sobre o pedido do suplente Emílio Populo, que quer a perda do mandato do recém-empossado por infidelidade partidária. O relator é o jurista Sebastião Monteiro. Cattani apresenta defesa na...

DEM tem derrotados em 2020 pra AL

anelise silva 400   Alguns filiados do DEM do governador Mauro Mendes estão se movimentando por conta própria, visando as eleições de deputado estadual no próximo ano, alheios ao comodismo do presidente regional do partido, ex-deputado Fabinho Garcia. Em Cáceres, por exemplo, dois são cogitados para...

Vereadores vão devolver a VI de abril

agostinho carneiro 400   Presidida por Agostinho Carneiro (foto), a Câmara Municipal de Ribeirãozinho, um dos menores municípios do Estado, com cerca de 2,5 mil habitantes, decidiu suspender o pagamento da verba indenizatória deste mês de abril de todos os seus nove vereadores. Com isso, os R$ 9 mil que iriam para o...