Últimas

Quarta-Feira, 15 de Agosto de 2007, 17h:05 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:16

INVESTIGAÇÃO

CPI recebe denúncia de destruição no rio Cuiabá

    A CPI da Sema recebeu denúncia informando que foram autorizados redução de 150 metros de margem do rio Cuiabá, área de proteção permanente que não poderia ser desmatada. A informação veio do presidente da Comissão José Riva (PP), durante a sessão que interroga o superintedente Jurídico da secretaria estadual de Meio Ambiente, César Augusto de Arruda. A sessão ocorreu nesta quarta à tarde.

    César Augusto foi chamado a depor para esclarecer quais são os trâmites processuais realizados até que um parecer chegue à Superintendência de Gestão. Até o momento, se confirma a necessidade de pessoal para agilizar análise e liberação de licenças ambientais, uma ação defendida pela Comissão. A CPI questiona principalmente o giro dos processos dentro da superintendência e o porquê das expressivas reduções de multas para aqueles que não cumprem a lei ambiental. Um dos exemplos diz respeito à Usina Hidro Cuiabá, que recebeu uma multa de R$ 50 mil e teve o valor reduzido para apenas R$ 2,5 mil, menos do que a lei ambiental permite. César disse não se lembrar do caso.

    Quanto à demora para que o Jurídico avalie o processo, o superintendente afirma que os processos já chegam acumulados e a situação piora quando chega a seu setor. "O prazo que tenho é de 30 dias, mas não são cumpridos devido à demanda", afirmou, depois da reformulação de várias perguntas nesse sentido.

   Ainda nesta quarta, a CPI que apura irregularidades na administração da Sema, bem como a lentidão para aprovar licenças ambientais, ouvirá o superintendente de Gestão, Afrânio Migliari. (Simone Alves - RDNews)

Postar um novo comentário

Comentários (19)

  • Lorena | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    "Amigo dos ervidores da SEMA" - que psdeu infeliz vc escolheu.

    O nome do senhor que nem nomeação tem é Tercio, trabalha no almoxarifado e foi a Izabel , chefe de gabinete, quem vociferou que ele fica lá porque o Daldegan manda.

    Quer mais? leia as denuncias no Tribunal de contas e aompanhe os relatorios que o Secretario etico tera que responder.

    Concordo com vc que diz que a "amiginha do secretario", esta morrendo de medo de perder seu cargo, sabe porque, cade a teta pra ela ficar mamando?

    Os incompetentes se juntam mesmo, porque este cidadão não soube dar continuidade no trabalho começado é que chegamos a esta situação caotica.

    Sergio, concordo contigo, ou o sr Blairo faz algo decente , exonerando esta corja ou teremos que enfrentar o fim de todo um trabalho que vinha sendo feito e porque? por incompetencia desta gente.
    E tem mais "amigo" o Secretario nem sequer sabe que ele tem 60 assessores, como um gestor desconhece sua estrutura organizacional? Imagina as leis.

    É o fim.

  • Jefferson Serafim | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Antonio Carlos Cuiabano | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É preciso investigar pois nimguem respeita o rio cuiabá, existem condominio residencias construidos dentro das areas de preservação permanentes de rios e corregos em cuiabá como exemplo o PAR Acacia, contrido na APP do rio coxipo, Varia torres em frente ao shoping pantanal, construidas na app do barbado e ZIA- 1 (zona de interesse ambiental, Obra da Todimo no Coxipo no 'Capão do Bugio" onde aterraram varias nascentes e corrego, A prefeitura quer construir casas no bairro Praeirinho dentro da margem excepcional do rio Cuiabá (cota 150)entre outras. Não estão respeitando mais o meio ambiente so o lucro é que importa. Cadê o Pseudo defensor do meio ambiente Sergio Ricardo.

  • lauro campos de almeida | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Esse Afrânio é afilhado político de certo deputado e amigo do secretário. não entende da área, antes de ser superintendente vivia dentro do gabinete do secretário. è outro inçado para dentro da sema para assumir uma responsabilidade que não está a sua altura.

  • Silvia | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Esta demoras são de proposito, assim os destruidores das florestas, fazem o que bem querem, com a desculpa da burrocracia da autorização, agem livremente, sem ser importunados, quando algum orgão os incomada, ele alegam que não sabiam da lei. tarde demais, as árvores não são coladas.

  • Rodrigo de Matos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Tive a infelicidade de conhecer o atual SUPERINTENDENTE DE ASSUNTOS JURÍDICOS DA SEMA, não me pareçeu ser a pessoa certa para para gerir parte tão importante da sema. Ao questionar funcionários da casa, logo me responderam, "é que ele é irmão do Domingos Sávio promotor estadual do meio Ambiente, e assim o MPE não pertuba tanto os negócios aqui dentro". é mole....

  • Mauricio Fernandes de Menezes | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Concordo com o Lauro, e digo mais, o César Arruda é um técnico de carreira comprometido, sério e ético, não têm nada a ver com certos gestores por aí.

  • Mauricio Fernandes de Menezes | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Concordo com o Lauro, e digo mais, o César Arruda é um técnico de carreira comprometido, sério e ético, não têm nada a ver com certos gestores por aí.

  • Amigos dos servidores da SEMA | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Senhor Lauro Capôs de Alemeida, mais uma vez observamos que ataques maledicentes e pontuais vem sendo direcionados aos servidores da Secretaria de Meio Ambiente de Mato Grosso, diante desse fato paira no ar uma grande ? qual será de fato os interesses por trás de tantas criticas sem base alguma? irei nesta oportunidade colocar o que acredito esta acontecendo

    1) A quem interessa de fato atingir os servidores da SEMA?
    2) Qual critério os críticos tem para formular de forma tão contundente a incapacidade dos servidores?
    3) Será que esses críticos tem interesses sólidos ou apenas fomentar a maledicência?
    4) Qual a capacidade técnica tem esses agressores para apontar competências e incompetências dos servidores?
    5) Afinal são tão competes de fato? Ou incompetentes absolutos que falam de forma aleatória?

    Para quem não sabe o Senhor Afrânio, é um renomado Técnico da área ambiental, capacitado sim, muito mais do que se possa imaginar, com especializações na área ambiental a nível nacional e internacional, uma vez que acumula em seu extenso currículo profissional mestrados em meio ambiente nas mais renomadas instituições Brasileira e Européias

    Engenheiro Agrônomo de formação acadêmica, um profissional de alta capacidade técnica e moral, não considero o fato de ser amigo do Secretário Daldegan, motivo para impedimento bem como ataques maldosos a sua capacidade técnica, ao contrario por ser uma pessoa de caráter, moral, ética, e muita mais muita competência profissional que motivou o secretário a convida para ocupar um cargo que como pré-requisitos considera todas as qualidades acima mencionadas por Afrânio

    O secretário tem como base em seus princípios ético inerente a sua personalidade, compor sua equipe por profissionais que contribua para bom andamento do serviço prestado a sociedade e para isso usa como critério a capacidade técnica e não laços ou vínculos de amizade para formular e compor de forma clara a sua equipe

    Não podemos condenar o fato do Afrânio ter todos os pré-requisitos técnicos para a função a ele delegada colocando na vala comum de comentários mentirosos e maldosos por ter uma relação de amizade com Luis Daldegan, ao contrario vejo como um fator positivo já imaginaram ter a frente de SGF um desafeto ocupando o cargo que para a SEMA e um de maior relevância? Seria um inferno, também não vejo como atitude estratégica para auto favorecimento em particular para o secretário, ter uma pessoa que tem um amizade, só poderia partir de quem realmente não conhece o Secretária e seus valores para tal julgamento infeliz.

    Afrânio, siga em frente com sua postura ética e capacidade técnica incontestável e aos que não o conhece também possui uma humildade e educação hoje raríssima em pessoas que ocupa cargos de relevância em órgãos públicos e dono de uma inteligência impar.

    Não poderia deixar passar despercebido que o seu antecessor o querido Rogério, também uma pessoa maravilhosa, humilde, educado, transparente e competente deixando saudades na SGF mais sem duvida ira compor junto ao Secretário um cargo a sua altura e nobreza de alma, querido Rogério volte logo estamos com muitas saudades de você amigo querido e fiel em seus princípios tendo como alicerce berço herdado por uma família de bases sólidas e conceitos pautados na verdade e humildade da alma para moldar um caráter raro aos dias de hoje.

    Parabéns Secretário pela equipe que vossa excelência tem, e como base indispensável ao senhor humildade, caráter, fidelidade, respeito e compromisso com os princípios e metas do Governo do Estado que trabalha com uma política transparente e voltada ao bem estar de toda sociedade.

    Com base em todo o exposto e que discordo de forma total e absoluta com o comentário infeliz feito pelo Sr. Lauro Capôs de Almeida, mais quero deixar claro que respeito sua opinião e espero do senhor o mesmo respeito pela minha.

    Obrigado!

  • lorena | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    A desculpa é sempre a mesma. Excesso de processos, falta de recusros humanos, falta de tecnicos. Então porque este ilustre senhor retirou de seu setor servidores efetivos, eficientes, éticos e comprometidos com a SEMA?
    A pergunta fica no ar.
    Infelizmente servidores do poder executivo tem que engolir indicações como esta para exercer cargos de alto escalão em uma secretaria que tem por objetivo uma causa tão nobre.

Candidato a reitor e 2 apoios fortes

dimorvan rui 400   O candidato de oposição a reitor do IFMT, Deiver Teixeira, recebeu dois apoios importantes. As manifestações de adesão à candidatura vieram dos professores Ruy Oliveira e Dimorvan Brescancim. Ruy foi candidato a reitor nos últimos dois pleitos e é um pesquisador...

Abílio e Medeiros rejeitam Fernanda

coronel fernanda 400 curtinha   Abílio Júnior e o deputado José Medeiros, presidente do Pode-MT e que foi derrotado para senador, querem distância da coronel Rubia Fernanda (foto) da campanha neste segundo turno em Cuiabá. Nos bastidores, comentam que não precisam da militar filiada ao Patriota e que ficou...

Com maioria na Câmara de Cáceres

eliene liberato 400 curtinha   A prefeita eleita de Cáceres Eliene Liberato (foto), que conquistou 15.881 votos (38,16% dos válidos), terá apoio da maioria dos 15 vereadores. Destes, oito garantiram cadeira pela coligação da própria Eliene, o que representa 53%. As duas maiores bancadas são do PSB de...

Gamba quer Tuti presidindo a Câmara

tuti 400 alta floresta curtinha   O prefeito eleito de Alta Floresta, Chico Gamba (PSDB), tem se articulado para eleger presidente da Câmara o vereador reeleito do seu partido, Oslen Dias dos Santos, o Tuti (foto), que obteve a segunda maior votação, com 814 votos. Na tentativa de convencer os novos integrantes da próxima...

Várzea Grande paga a folha já na 6ª

lucimar campos 400   A prefeita várzea-grandense Lucimar Campos, prestes a concluir o segundo mandato, anunciou que na sexta, a três dias de fechar o mês, conclui o pagamento da folha de novembro. E, nesta quarta (25), já libera a diferença da correção do piso federal para os professores. No total...

Críticas à busca do poder pelo poder

marcia pinheiro 400   Em um ato realizado na praça Alencastro, nesta segunda à noite, a primeira-dama de Cuiabá Marcia Pinheiro disparou críticas aos adversários do prefeito Emanuel, que busca a reeleição. Segundo ela, as alianças formadas por Abílio neste segundo turno são...

MAIS LIDAS