Últimas

Segunda-Feira, 19 de Maio de 2008, 12h:50 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:20

CHAPADA DOS GUIMARÃES

Crianças não vão às aulas por falta de transporte

 Desde 29 de abril as cerca de 50 crianças do distrito Rio da Casca, em Chapada dos Guimarães, não podem ir às aulas por falta de transporte escolar. O vereador oposicionista Vidal Bezerra de Medeiros (PMDB) conta que alguns alunos moram cerca de 20 km da Escola Municipal de Ensino Fundamental Casca III e não têm como ir a pé. Ele disse ainda que durante este período somente no dia 8 de maio o veículo disponibilizado pela prefeitura transportou os estudantes até a escola. 

  Vidal afirma que o ônibus foi comprado em 1997 e não tem manutenção adequada, por isso o transporte está em péssima condições. “Para falar a verdade, a prefeitura faz uma manutenção meia-boca e no período errado. Ao invés de aproveitar às férias das crianças para fazer o conserto, prefere esperar o início das aulas”, relata o vereador, em críticas diretas ao prefeito Gilberto Mello (PR), pré-candidato à reeleição.

  De acordo com o parlamentar, além do problema de transporte, quatro disciplinas estão sem professores: matemática, ciências, geografia e educação física. “Faltam professores destas matérias desde o início do ano letivo: 12 de março”, diz. Vidal informou que já alertou a secretária municipal de Educação, Mabel Strobel, e também a direção da escola, mas a única informação obtida é de que estão recuperando o veículo, mas até agora o impasse persiste. O prefeito Gilberto não foi localizado nesta segunda para comentar o assunto. (Alline Marques)

(Às 16h55) - Em nota, secretaria contesta vereador

  A secretaria de Educação de Chapada dos Guimarães rebate as acusações feitas na matéria acima pelo vereador Vidal Bezerra. Assegura que muitas das colocações feita pelo parlamentar não condizem com a realidade vivenciada na Escola Municipal Casca III.

   Eis, abaixo, a nota na íntegra:
  "Ao contrário do que o vereador prega, o transporte escolar deixou de funcionar desde o início das aulas por dois dias e não desde 29 de abril, como relatou Vidal ao blog RDNews.
   Com relação às condições do ônibus mencionadas pelo parlamentar, a atual realidade é outra, pois a linha escolar atualmente encontra-se terceirizada, percorrendo aproximadamente 130 quilômetros dia.
   Outro ponto que o vereador questiona é a falta de professor em quatro disciplinas, mais uma inverdade do parlamentar, pois apesar das dificuldades em contratar professor para zona rural, existe a vaga aberta de uma disciplina: matemática.
   Para remediar essa situação, além da Secretaria de Educação estar buscando um profissional para ser contratado, a disciplina vem sendo lecionada pelo diretor da escola, profissional com formação para a função.
   Sobre o alerta que o vereador teria feito à secretária de Educação, Mabel Strobel. Ela relata que a única postura tomada por Vidal Bezerra foi de apresentar um abaixo-assinado solicitando a retirada de uma professora, alegando falta de competência profissional. Neste caso, a profissional citada no abaixo-assinado passou pela aprovação do conselho deliberativo da Escola Municipal Casca III."

  Assessoria de Imprensa
 Secretaria de Educação de Chapada dos Guimarães

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • CARLOS ROBERTO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    ESSE VEREADOR VIDAL DEVE ESTAR MUI AMIGO DO ELIAS SANTOS, E COM CERTEZA ELES TIVERAN UMA CONVER$INHA, NA BÉLA CHÁCARA DO IRMÃO DO WS, VAI TRABALHAR VEREADOR, E PARA DE FICAR QUERENDO FERRAR O PREFEITO.

  • Paulo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Cadê o Ministério Público daquela cidade????
    E as luzes da avenida principal que há 60 dias estão apagadas, quando se entra na cidade? E o acidente que esse fato pode ocasionar? São 500 metros sem iluminação na avenida principal ao se chegar no trevo da Giovanni Imobiliária.. E o paralelepípedo ao redor da praça principal saíndo todo ....E os buracos nas ruas aolado da Igreja, na avenida, de frente a padaria e a farmácia???? cade o Ministério Público ??? Alô Ministério Público ???? Dr. Edimilson Pereira , Corregedor do Ministério Público, que foi da Cidadania em Cuiabá por muitos anos, ensine como se dá atenção em Chapada àquele Promotor Público!

  • MAGALI RIBEIRO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    SÓ UMA PERGUNTA AO PREFEITO E A SECRETARIA DE EDUCAÇÃO DE CHAPADA: ESSAS CRIANÇAS QUE ESTÃO SEM TRANSPORTE ESCOLAR VOTAM???
    RESPOSTA: NÃO
    ENTÃO ESTÁ TUDO EXPLICADO E ELAS NÃO TEM RESPONSABILIDADE CIVIL PARA DENUNCIAR JUNTO AO MINISTÉRIO PÚBLICO.
    EITA!!!

  • Amado Amador | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    A prefeitura de Campo Verde atuava nessa área até que a prefeitura de Chapada dos Guimarães criou um quiprocó danado chamando a si a responsabilidade com os moradores dessa região. Certamente, a atenção de Campo Verde com os agricultores e alunos do Rio da Casca não era desinteressada porque estava pretendendo encampá-la como parte do seu município, ou seja, quem ocupa espaço se torna responsável por esse espaço, com todos seus os ônus e bônus. Então, Chapada dos Guimaarães bateu o pé, disse que a região era seu compromisso e mandou Campo Verde cuidar dos seus municípes longe dali. Entretanto, os administradores de Chapada dos Guimarães não possuem tanta capacidade para sustentar sua valentia, muito menos suas terras e sua gente.

  • jacyara | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Acho que já está na hora de Dr.Saguas ser chamado, realmente ele é muito bom em questão de onibus escolares.

Mauro e vitórias na briga de decretos

mauro mendes 400 A estratégia do governador Mauro Mendes (foto) de articular com os Poderes a edição do decreto de toque de recolher vem dando frutos. O governo publicou decreto impondo toque de recolher das 21h às 5h, com fechamento do comércio às 19h. O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, discordou e fez...

Prefeito é intubado e pode ir para SP

Prefeito de Tapurah Carlos Alberto Capeletti   É grave o quadro de saúde do prefeito de Tapurah (432 km de Cuiabá), Carlos Alberto Capeletti (PSD). Após piora, ele precisou ser intubado nesta quinta (4). Foi internado na terça (2), após testar positivo para Covid-19, em uma UTI no Hospital 13 de Maio, em...

Setasc doou 330 mil cestas básícas

Rosamaria 400 curtinha   A Secretaria Estadual de Assistência Social e Cidadania (Setasc), sob Rosamaria de Carvalho (foto), já entregou mais de 330 mil cestas básicas desde o inicio da pandemia, sendo 110 mil em Cuiabá e Várzea Grande. E como assistência social foi considerada como serviço essencial,...

Interinos ficam sem cargos no TCE

jose carlos novelli 400 curtinha   Com o retorno dos conselheiros do TCE, Antonio Joaquim e José Carlos Novelli (foto), dois substitutos perderam os postos não apenas nas relatorias, como também ficam sem os cargos na gestão. É o caso de Isaías Lopes da Cunha, que deixou de ser ouvidor-geral, sendo...

MT perde José Afonso Portocarrero

portocarrero-400   Morreu nessa quarta  (3), aos 93 anos, José Afonso Portocarrero (foto). O ex-presidente dos extintos  Banco do Estado de Mato Grosso (Bemat)  e Loteria do Estado de Mato Grosso (Lemat)  morreu de causas naturais. Viúvo, deixa quatro filhos.  Na vida profissional, foi o responsável...

Secretários filiados e sem pretensões

Beto 2x1 400 curtinha   Presidente do DEM em Cuiabá, o secretário estadual de Cultura, Esporte e Lazer, Alberto Machado, o Beto 2 x 1 (foto), disse, em visita ao Rdnews, quando concedeu entrevista à tvweb RDTV, que alguns colegas secretários estão filiados ao partido, mas isso não significa que eles...