Últimas

Sexta-Feira, 10 de Agosto de 2007, 10h:11 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:16

MEIO AMBIENTE

Daldegan altera portarias e redistribui funções

 Depois de deflagrada a Operação Guilhotina que serviu para escancarar os problemas existentes na área ambiental e na própria secretaria estadual do Meio Ambiente, o secretário Luís Henrique Daldegan resolve redistribuir demandas, alterando portarias. O secretário-adjunto Batilde Jorge Abdala agora passa a acumular, pelos próximos dois meses, a superintendência de Assuntos Jurídicos.

    Batilde, que será ouvido pela CPI na Sema na próxima semana, já tem as seguintes missões: delegar atribuições, deferimento, indeferimento, aprovação, rejeição, correção, revisão, anulação, celebração de termos, licenciamento e autorização. Também e atribuição do adjunto a definição de atos inerentes às atividades executadas pelas superintendências de Ações Descentralizadas, de Gestão Florestal, de Assuntos Jurídicos, Administrativo, Infra-Estrutura, Mineração, Indústria e Serviços, além de Planejamento.  

     O secretário Daldegan resolveu mudar também as atribuições internas da Comissão de Descadastramento Profissional. Antes, os 10 membros da Comissão, em caso de constatação de irregularidades, deveriam suspender o cadastro profissional e encaminhar os processos ao Conselho de Classe. Agora, apenas devem recomendar a suspensão. (Simone Alves - RDNews)

Clique aqui e confira detalhes das portarias.

Postar um novo comentário

Comentários (7)

  • Jefferson Arruda dos Anjos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Existe aquele ditado que diz que quando existe uma sombra de olho no teu cargo, ou você tromba de frente, isolando o cidadão e assumindo o desgaste pessoal da perseguição (aliás, como têm ocorrido com alguns) ou dê superpoderes a um cidadão que têm políticos por trás de sua indicação, mas, não têm conhecimento da área, nem tampouco é eficiente e agil, e estarás condenando o cidadão a pecha de incompetente.

  • VERDADE | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Quanta maldade! Quem e você fiedor slevenko? Para falar do Bathilde? Que mania que vocês tem de denegrir a imagem das pessoas, inveja, falta do que fazer, o que será que move vocês? Vão trabalhar bando de desocupados.

    O pior e falta de informação isso me deixa desanimado o Bathilde ( tidinho) gente boa, amigo e companheiro não é indicação Política não meu caro ele é indicação da OAB-MT para com essa estória sem pé nem cabeça, não agüento mais falar isso mal informado ou conveniente de plantão

  • Grupo anti corrupção | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    GENTE BOA, AMIGUINHO, COMPANHEIRO??? OLHA, ESSA TAL DE "VERDADE" TÁ PARECENDO AQUELE ASSESSOR PUXA-SACO QUE NÃO CONSEGUE ENXEGAR A REALIDADE DOS FATOS, A HISTÓRIA DO CIDADÃO PELA INSTITUIÇÃO E AS ARMAÇÕES QUE OCORREM NUM ÓRGÃO PUBLICA PARA PERSEGUIR, EXCLUIR E DENEGRIR A PESSOA INTEGRA E COMPETENTE, ESTES SIM VITIMAS DO CIDADÃO QUE A "VERDADE" DESEJA DEFENDER. O QUE AS PESSOAS NÃO FAZEM PARA MANTER AS BENESSES E AS MORDOMIAS DE UM CARGO PUBLICO, AINDA MAIS QUANDO NÃO SE TEM COMPETENCIA PARA EXERCER OUTRA FUNÇÃO NA VIDA.VAI TRABALHAR "VERDADE" E DEIXA DE FICAR PENDURADO EM ALGUÉM INDICADO POR POLÍTICOS INEXCRUPULOSOS E OPORTUNIDADES, QUE VIVEM CRIANDO FILME DE FICÇÃO PARA EXTRAIR O MÁXIMO DE VANTAGENS PARA SI E SEUS PUXAS SACOS, LOTEANDOS ÓRGÃOS PÚBLICOS DE GENTE SEM PREPARO E QUE NADA TEM A VER COM A QUESTÃO AMBIENTAL. A VERDADEIRA "VERDADE" TEM QUE TOMAR VERGONHA!!!

  • ivo berstein | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Uma "Verdade" inconveniente é inconsequente, defende interesses escussos de manter privilégios de uma minoria, defende os que praticam o fisiologismo e empreguismo de amigos, os que se negam em ser imparcial e justos, os que cerceiam e desrespeitam os que realmente trabalham naqueles órgão, os seus técnicos.Ainda bem que a passagem dessa turminha é bem curta, são gente indicadas políticamente sem afinidades técnicas com a pasta. De herança apenas vão deixar as suas trapalhadas, contratações de centenas de pessoas, entre outras aberrações. Aos técnicos de carreira vão demorar para consertar tudo isso.

  • julia maria | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    vamos ver RIVA vcs da cpi tem que mostrar todos os podres da sema, prestar conta para a sociedade pois a mesmaa espera e confia no trabalho da cpi, ve se não contaminem e não entram nessa de acertinhos da qui e acertinhos da li, porq esse governador esta mostrando quem realmente ele é.Um governador que não mostra sua cara nessa questão do setor madeireiro, será que não tem rabo preso com esse DALDEGANNNNN????? hummmmmmmmmmmm o povo não é bestaaaaa .

  • claudiane | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • fiedor slevenko | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Todos que frequentam a sema sabem que toda essa história de redistribuir demandas e criar portarias é apenas mostrar trabalho, puro faz de conta, o secretário adjunto é uma figura apagada, no tomada de decisões e pior, vive articulando nos bastidores a derrubada de seus desafetos e nomeação de puxa-sacos, quase sempre sem competencia para exercer certos cargos. è uma pessoa vingativa e carimbada, desde a época que exercia cargo no setor jurídico do órgão. Alguém deveria investigar o patrimônio desta moço.

Despesas e o uso eleitoreiro de CPI

marcelo bussiki 400 curtinha   Buscando visibilidade pela reeleição em ano eleitoral, alguns vereadores da Capital, vergonhosamente, usaram e abusaram de dinheiro público para promoção pessoal na esteira da CPI do Paletó. A tendência é do relatório paralelo que pede afastamento do...

Sorriso incentiva 40 projetos culturais

ari lafin 400 curtinha   A seis meses de concluir o mandato, o prefeito de Sorriso, Ari Lafin (foto), estabeleceu, dentro do Plano Municipal de Cultura, o "PROMIC - Festival da Cultura 2020" para contemplar 40 projetos cujos valores somam R$ 340 mil, envolvendo artes visuais, artes cênicas, cultura popular, música, audiovisual,...

Quase R$ 2 mi para o Lucas Protegida

binotti 400 curtinha   A Prefeitura de Lucas do Rio Verde, sob Luiz Binotti (foto), contratou, por R$ 1,9 milhão, um consórcio formado pela Rocha Comércio de Equipamentos, que ficará com a maior "fatia" de R$ 1,4 milhão, e a Airplates Tecnologia da Comunicação, com R$ 521,7 mil, para desevolver o...

Silêncio sobre operação e elo com MBL

ulysses moraes 400 curtinha   O deputado de primeiro mandato Ulysses Moraes (foto), que deixou o DC e se filiou ao PSL, coordenador em Mato Grosso do Movimento Brasil Livre (MBL) e chamado por muitos de paladino da moralidade, mesmo sendo bastante ativo nas redes sociais, não usou a internet para comentar a operação da...

Nomes do DEM para vereador de VG

pablo 400 curtinha   O DEM do casal Jayme-Lucimar, senador e prefeita, respectivamente, é dono da maior bancada na Câmara de Várzea Grande, com sete dos 21 vereadores. Destes, cinco já estão trabalhando projeto de reeleição, sendo eles Gisa Barros, que era do PSB; Valdemir Bernadino, o Nana; Pedro...

Flerte com candidato de outro partido

selma arruda 400 curtinha   Apesar de estar filiada ao Podemos, a ex-senadora Selma Arruda, que teve o mandato cassado por crimes eleitorais e deixou a cadeira neste ano, continua flertando com o pedetista, empresário e vice-governador Otaviano Pivetta, que não demonstra mais tanto ânimo para continuar com o projeto de disputa...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Em Cuiabá, o prefeito suspendeu a decisão de implantar rodízio de veículos entre placas pares e ímpares devido à Covid-19. Mas quer debater a ideia. Você concorda com rodízio?

concordo

discordo

tanto faz

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.