Últimas

Sábado, 08 de Dezembro de 2007, 12h:03 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

NEPOTISMO

De 12 parentes na Câmara de VG, 4 são de Curvo

   O Ministério Público Estadual descobriu 12 parentes de vereadores várzea-grandenses em algum cargo comissionado, caracterizando prática de nepotismo, algo ilegal e imoral. O campeão é o vereador de terceiro mandato Chico Curvo (DEM). Ele emprega quatro pessoas com vínculos, dois irmãos (Roberto Coelho e Moacir Gonçalo), um cunhado (Antonio Carlos) e um sobrinho (Eliezer Jorge), que atua como motorista. Dos 12 parlamentares, seis mantêm parentes na estrutura do legislativo - veja os detalhes no quadro abaixo

  Agora, por determinação do juiz José Luiz Leite Lindote, da 1ª Vara Especializada da Fazenda Pública de Várzea Grande, todos deverão ser exonerados num prazo de 30 dias - leia mais aqui. O magistrado entende que, com a prática de nepotismo se torna difícil preservar o patrimônio público, bem como garantir a eficiência dos serviços públicos prestados.

     Além de Curvo, empregam parentes e membros da família os vereadores Edil Moreira (DEM), que preside a Câmara, Aziza Baracat (PMDB), João Madureira, Wanderlei Cerqueira e Antonio Cardoso Neto. No caso de Edil, ele mantém na boca-do-caixa o irmão Elisio Moreira da Costa Filho, que é o coordenador-administrativo e financeiro do legislativo várzea-grandense. Cuida de um duodécimo superior a R$ 500 mil.

   Cerqueira empresa a irmã Meire Cerqueira como coordenadora-geral de gabinete e o outro irmão Lauro Paulo na assessoria especial. Aziza ajeitou emprego até para o marido. Ildes José de Lima é seu assessor-técnico legislativo. O sobrinho Roberto Carlos Baracat ganha como assistente parlamentar.

   O vereador João Madureira dá emprego à esposa na Câmara. Maria Clarice de Oliveira é lotada como assessora-técnica de assuntos sociais, com salário superior a R$ 3 mil. No primeiro semestre deste ano, Madureira foi condenado pela Justiça porque mantinha em seu gabinete Írio Marcio, que, ao mesmo tempo, cumpria pena em presídio por latrocínio. O "assessor" recebeu salário da Câmara de maio de 1999 até 2001. Em média, foi R$ 4,8 mil por mês. Quando Madureira o nomeou, Írio já estava condenado. Por causa disso, teve de devolver cerca de R$ 480 mil. Trata-se do dinheiro que o condenado pela Justiça recebeu indevidamente da Câmara.

    Antonio Cardoso nomeou o filho Wellington de Andrade como segurança parlamentar e o outro filho José Cardoso como assistente parlamentar. Dessa forma, os seis vereadores vêm conseguindo "engordar" o salário de seus familiares.

     Em sua decisão, o juiz José Luiz alerta o presidente da Câmara no sentido de cumprir a determinação, sob pena de pagar multa diária de R$ 1 mil. O MPE vem fechando o cerco contra gestores e parlamentares nepotistas. Várias ações estão sendo propostas nesse sentido. (Pollyana Araújo, Romilson Dourado e Simone Alves)

Postar um novo comentário

Comentários (12)

  • Maria | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O Vereador Edil também tem um irmão como DAS na saúde, o Herald, que é coordenador do CCZ, sem nenhuma qualificação profissional para o cargo, afinal ele é formado em o quê????

    O MP deve dar uma olhada, nos cargos comissionados que os vereadores mantem dentro da Prefeitura....

    e ficar de olho, pq vai ter novamente uma troca de favores, depois da exonerações...

  • Salete | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    A Prefeitura está cheio de parentes comissionados
    dos vereadores, e estes com regalias, os carros da prefeitura os buscam em casa, acabam sendo usados em beneficios próprios...

    Quando os funcionários necessitam dos mesmos para desenvolver atividades a campo, os veículos estão na mão dos mesmos, assim fica dificil trabalhar...

    Fora que os mesmos incham a folha de pagamento, e com isto os funcionários não podem ter aumento, que estão sem aumento há 12 anos...

  • Mauro Mendes | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    MP investiga que esta lista está só no começo....
    tem muito mais do que isto.

  • Luiza | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O vereador Chico Curvo mantem funcionário fantasma na prefeitura... tem uma certa Secretaria
    onde os mesmo só buscam os cheques no fim do mês, MP dá uma prensa nos vereadores, que tem cada uma.... ali é um monopólio, e uma troca de favores....

  • ALBUCASSIS RAMIRES | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    ESSE CHICO CURVO É UM GRANDE ENGANADOR,EXPLORA A NECESSIDADE DOS NECESSITADOS EM SUAS CAMPANHAS,E O SEU GABINETE É COMPOSTO SÓ POR PARENTES E PESSOAS LIGADAS AOS SEUS FAMILIARES.

    E.ESTÁ SENDO PROCESSADO PELO P. R. T.B.,LEGENDA QUE LHE DEU DOIS MANDATOS DE VEREADOR,E ÓR ALGUNS TROCADOS OU CARGOS ABANDONOU O PRTB PARA ENGROSSAR AS FILEIRAS DO EXTINTO PFL A MANDO DO SEU CACAIQUE JAYME CAMPOS,POIS NUNCA PAGOU UM CENTAVO DA SUA CONTRIBUIÇÃO PARTIDARIA,ALIÁS , ELE E SEU PARCEIRO EDGARD SANTANA,TAMBEM CALOTEIRO DO PRTB.

  • Gregory | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    CAMBADA DE VAMPIROS DO DINHEIRO PUBLICO!

  • JOAO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    ESSA LISTA ESTA FURADA TODOS OUTROS VEREADORES TEM PARENTES TRABALHANDO NA CAMARA. PORQUE NAO DIVULGARAM DOS OUTROS A IMPRESSA ESTA IMPARCIAL OU TEM COISA ERRADA AI

  • Valdir | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Esses senhores e senhoras, a exemplo do executivo e legislativo de Cuiabá, destroem a dignidade do povo de Mato Grosso.

    Certamente se divertem a custa do dinheiro público. Aqui na terra, são fanfarrões, contam piadas da desgraça alheia, treinam para na próxima candidatura ter mais álibe para enganar o pobre do eleitorado. Mas, um dia envelhecerão, suas consciência os farão sofrer, pedirão perdão mas não encontrarão eco, pois aqueles que dependiam do dinheiro que roubaram não tiveram a chance de envelher, daí conclamaram a justiça divina, porém essa certamente não falhará...

    Na terra viveram as alegrias com as desgraças alheias, no fim das suas vidas, suas almas devem compor junto com suas heranças e seus bens patrimonias às suas cinzas. Raramente as almas dos políticos terão paz após a sua morte...

  • Valdir | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Esses senhores e senhoras, a exemplo do executivo e legislativo de Cuiabá, destroem a dignidade do povo de Mato Grosso.

    Certamente se divertem a custa do dinheiro público. Aqui na terra, são fanfarrões, contam piadas da desgraça alheia, treinam para na próxima candidatura ter mais álibe para enganar o pobre do eleitorado. Mas, um dia envelhecerão, suas consciência os farão sofrer, pedirão perdão mas não encontrarão eco, pois aqueles que dependiam do dinheiro que roubaram não tiveram a chance de envelhecer, daí conclamaram a justiça divina, porém essa certamente não falhará...

    Na terra viveram as alegrias com as desgraças alheias, no fim das suas vidas, suas almas deverão compor junto com suas heranças e seus bens patrimonias às suas cinzas. Raramente as almas dos políticos terão paz após a sua morte...

  • Djanira Arruda Campos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O Ministério Público está fazendo um grande favor ao povo várzea-grandense pedindo para acabar com essa farra em nosso município. Esses vereadores além de descaradamente usar de favoritismo aos seus familiares, ainda usam o poder de barganha para alugar veículos caindo aos pedaços e alugam para a prefeitura. Meu Deus, quando vamos eleger gente decente para comandar a prefeitura de VG? Pelo amor de Deus, vamos expurgar todos os vereadores, Edil Moreira e seu irmão Elisio sempe favoreceram dando descontos na secretaria de fazenda para seus cupinchas, basta saber porque queimaram o Bolanger, ele deixou vazar a sujeira que estava lá quando assumiu, deram um jeito e colocaram ele pra escanteio. Dr Carlos Eduardo, promotor, ajude a limpar essa sujeirada da Câmara e da Prefeitura, quem sabe nós servidores que trabalhamos honestamente possamos ter esperança de melhorar nossos salários. Porque do jeito que está as coisas vão de mal a pior.

Investimentos em segurança pública

alexandre bustamante 400   Alexandre Bustamante (foto), secretário estadual de Segurança Pública, é enfático ao afirmar que o Estado tem investido em equipamentos e infraestrutura para combater a criminalidade. Segundo ele, a maior prova disso são os projetos que integram o programa MT Mais. Ao todo, devem...

Folha antecipada em Várzea Grande

kalil baracat 400 curtinha   Com o privilégio de ter assumido a prefeitura em janeiro com superávit de R$ 74 milhões da antecessora Lucimar Campos, o prefeito várzea-grandense Kalil Baracat (foto) quitou a folha de fevereiro na última quinta (25), três dias antes da virada do mês. São cerca de...

Grupo de risco em casa até 31 de maio

Em novo decreto, dentro das medidas emergenciais e temporárias de prevenção ao Covid-19, o prefeito cuiabano Emanuel Pinheiro determinou que servidores municipais que integram o chamado grupo de risco não devem trabalhar presencialmente nas secretarias e/ou órgãos da administração. São considerados desse grupo servidores acima de 60 anos, imunodeprimidos e/ou portadores de doenças crônicas e servidoras grávidas e...

Beco do Candeeiro só abrirá em abril

Carlina 400   A secretária municipal de Cultura, Esporte e Lazer, Carlina Jacob (foto), em visita ao Grupo Rdnews, revelou que a revitalização do Beco do  Candeeiro, que foi concluída em janeiro, será entregue à população em abril, nas comemorações dos 302 anos de...

Águas, expansão e investimentos

william figueiredo 400 aguas cuiaba curtinha   O diretor-geral da Águas Cuiabá, executivo William Figuereido (foto), disse, em visita à sede do Rdnews, quando aproveitou para conceder entrevista à tv web Rdtv, que a concessionária já distribui água para toda Cuiabá e que, em quase quatro anos...

Creci combate empresas irregulares

benedito odario 400 curtinha   O presidente do Conselho Regional de Corretores de Imóveis do Estado, Benedito Odário (foto), aproveitou a operação desenvolvida na quinta, com apoio da Polícia Civil e da Decon, para enfatizar que não dará trégua àquelas empresas que, irregularmente,...