Últimas

Sábado, 03 de Outubro de 2009, 11h:34 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:24

RUMO A 2010

De olho no 2º turno, Fagundes diz que Mendes é aliado

   O presidente regional do PR, deputado federal Wellington Fagundes, garante que o partido recebeu a notícia da ida do presidente da Federação das Indústrias do Estado (Fiemt), empresário Mauro Mendes, para o PSB, com naturalidade. "Nós já vinhamos conversando sobre essa possibilidade há algum tempo. Ele (Mendes) entendeu que precisava de um espaço maior e nós respeitamos sua decisão". Sobre a tendência de Mendes disputar o Paiaguás pelo PSB, Fagundes deixa claro que o empresário não é visto como adversário do partido, que já lançou a pré-candidatura do vice Silval Barbosa (PMDB) à sucessão de Blairo Maggi. "Se Mendes disputar realmente o governo, ele é um concorrente, mas quem está pensando num segundo turno não pode ter adversários". A expectativa da turma da botina é levar Silval ao segundo turno nas eleições do ano que vem contra o prefeito de Cuiabá, Wilson Santos (PSDB), nome que vem despontando como favorito em pesquisas de intenção de voto no Estado.

   Já o secretário-geral do PR, ex-deputado Emanuel Pinheiro, disse que a saída de Mendes é lamentável. Ainda assim, ele garante que a turma da botina está se fortalecendo cada vez mais. "Nós ganhamos muito mais do que perdemos". Conforme ele, a sigla registrou mais de 15 filiações só na última semana, como o presidente do Detran, Theodoro Lopes, o Dóia, e os secretários estaduais Neldo Egon (Desenvolvimento Rural) e José Aparecido dos Santos, o Cidinho (Projetos Estratégicos).

   Pinheiro diz que na próxima terça (6) a cúpula republicana se reúne para discutir as desfiliações de Mendes e do secretário-adjunto de Educação, Ezequiel Fonseca, que é ex-presidente da AMM e ex-prefeito de Reserva do Cabaçal. Ezequiel também deixou a turma da botina e migrou para o PP.  (Flávia Borges)

Postar um novo comentário

Comentários (8)

  • Pierre | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    WF é um dos poucos politicos serenos que atuam dignamente nos bastidores da politica! Vamos Wellington, vamos ao Senado Federal e conte comigo e a força politica do meu pai no interior!

  • ronilson | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Wellinton é um politico habilidoso é deputado federal de cinco mandatos ,não pratica politica divisionista e de inimizades , o raciocíonio a médio prazo esta correto.

  • wanderson | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • RENATO MEDEIROS | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Mauro Mendes, ainda bem que vc acordou em tempo e saiu dessa TURMA DA BOTINA, lá vc ia ser frito e ficar só na expectativa do SR. BLAIRO MAGGI, que acha que é o dono do MUNDO.
    PARABÉNS, vi que vc é do BEM.
    ATÉ A VITÓRIA....

  • Alexandre do Espírito SantoAlmeida | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Com Mendes na disputa,não vai sobrar espaço para o Silval....

  • Mauro Dias | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    esse é o W sempre mudando de lado quando a coisa fica feia

  • zequinha da v. operária | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O deputado WF disse que o PR conta com Mendes no segundo turno, é ao contrário o Mendes conta com o PR no segundo turno.
    WF fica falando bobeira e não olha sua candidatura que está feia, não decola, aqui em Rondonópolis serve de gozação.
    E se o WF resolver voltar a candidatar a deputado federal já e tarde, pois temos o Rogério Sales que vai abocanhar a maioria dos votos, inviabilizando a campanha do WF.

  • jotinha | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Porque será que todos os candidatos apoiado pelo governador não decola?
    Taí o Silval em campanha desde 2006;
    O WF está patinando, patinando.
    O PR vai eleger 1 deputado federal e 3 deputados estaduais.
    Governador WS e senador Anterinho.

Taisir coordena campanha de Eliene

taisir karim 400 curtinha   O ex-reitor da Unemat e uma das lideranças do PSD na região Oeste, Taisir Karim (foto), que chegou a se lançar de última hora como pré-candidato a prefeito de Cáceres, mas logo em seguida recuou, será o coordenador-geral da campanha de Eliene Liberato (PSB), atual...

Inaugurados 67 km de asfalto da 020

mauro mendes 400 curtinha   O governador Mauro Mendes (foto) inaugurou nesta 5ª a pavimentação de 67,5 km da MT-020, entre Paranatinga e Canarana. Essa estrada faz parte do pacote de obras que foi retomado e já concluído nesta gestão. Foram investidos R$ 45 milhões do governo estadual. O...

Saggin critica "ditadura" e apoia Raye

paulo raye 400 curtinha   O empresário e advogado Sandro Saggin, que desistiu da candidatura a prefeito de Barra do Garças e agora apoia Paulo Raye (foto), do Pros, explica que em nenhum momento os diretórios estadual e nacional do Podemos, de cujo partido é filiado, encaminharam qualquer orientação aos...

Pode abandona Raye e pune Saggin

sandro saggin curtinha 400   Sandro Saggin (foto) amargou outra derrota em Barra do Garças. Inicialmente, seria candidato a prefeito pelo Podemos. Mas resolveu, por conta própria, levar o partido para uma coligação com partidos de esquerda que lançaram o ex-prefeito Paulo Raye, apoiado pelo PC do B, PT e Pros. A...

Ex-vereador recua para apoiar primo

divino 400 barra do bugres   Ex-vereador, ex-presidente da Câmara e empresário bem sucedido, Chico Guarnieri (PTB) não será candidato a prefeito de Barra do Bugres nas eleições deste ano. Guarnieri, que disputou a prefeitura em 2016, até ensaiou, mas recuou ao ver que o primo, pedetista Doutor Divino...

3 ex-prefeitos viram cabos eleitorais

percival muniz 400 curtinha   Dois candidatos de oposição em Rondonópolis têm ex-prefeitos como principais cabos eleitorais. O empresário Luiz Fernando, o Luizão (Republicanos), conta com apoio de Adilton Sachetti, que já comandou o município e perdeu na tentativa de reeleição, e...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.